Android 7.1 Nougat possui um “modo de pânico” secreto para barrar malwares

Embora haja a percepção de que o Android não é tão seguro assim (e não faltam motivos para isso), o Google trabalha constantemente para tornar o robozinho mais estável e confiável. A diferença de filosofia em comparação à Apple, que blinda o iOS e não permite sideload sem jailbreak contribui para que os usuários acabem por sabotar o sistema, muitas vezes por ingenuidade ao inserir um aplicativo suspeito por fontes externas.

Mesmo apps aparentemente legítimos vira e mexe driblam as normas de segurança do Google, começam a se comportar de forma errática e a fazer mais do que deveriam, seja coletando dados ou na pior das hipóteses, capturando o dispositivo e impedindo qualquer outra ação. Foi pensando nisso que os desenvolvedores do Android introduziram uma nova função, desativada por padrão na última atualização da versão 7.1 Nougat: uma espécie de “modo de pânico” que sobrescreve qualquer ação de aplicativo quando detecta um comportamento específico do usuário.

A ideia é permitir que o usuário se safe de uma situação em que um aplicativo mal intencionado está tentando assumir o controle de um dispositivo Android, e nesses casos a reação mais comum é apertar a tecla Voltar várias vezes em desespero, numa tentativa fútil de voltar à tela principal. A função do “modo de pânico” é detectar esse número de acionamentos incomum da tecla e nesse caso e matar todos os processos do app, volta para o Home e dá ao incauto usuário a chance de desinstalar o app sacana.

O recurso foi descoberto pela comunidade no fim de semana e não está ativo, precisa ser acionado através de uma modificação direta no código-fonte e por isso mesmo o Google sequer mencionou sua existência. Em primeiro lugar apenas aparelhos que rodam o Android 7.1 Nougat receberam o recurso, o que indica um provável feature a ser introduzido no Android O (Oatmeal Cookie? Orange Cake? Não, não será Oreo) e posteriormente ativado na versão atual do robozinho. Não se sabe se ele será introduzido nas versões anteriores (provavelmente não) e nem quando ele será ativado com certeza, mas o “modo de pânico” existe.

É legal ver que o Google está se preocupando não apenas em remover apps maliciosos da Play Store (ainda que eles se multipliquem feito coelhos), mas também dando opções para que os usuários possam sair de situações delicadas por conta de um malware independente de onde ele veio. O ideal seria que o“”modo de pânico” fosse incluído também nas versões anteriores do Android, mas isso dificilmente irá acontecer.

Fonte: XDA Developers.

Relacionados: , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis