ad

Testamos (e aprovamos) o Project Alloy da Intel

project_alloy

Na CES 2017 no começo do mês, tive a chance única de testar o Project Alloy, o conceito de headset VR com tudo incluído da Intel, que dispensa tanto os sensores e câmeras espalhados pelo ambiente quanto aqueles desagradáveis fios entre você e o computador. O resultado é o que a Intel chama de “realidade mesclada”, algo na fronteira entre a realidade aumentada e a realidade virtual, que permite que você jogue enquanto anda pelo no seu quarto ou sala, sem risco de quebrar sua TV ou dar aquela topada doída na quina da mesa de jantar.

No game de demonstração, aniquilei vários drones inimigos enquanto “enxergava” os móveis do ambiente, como mesa, estante e sofá, que foram transformados em objetos no cenário do jogo como geradores, cases de armas e etc. Sim, demorei um pouco pra me acostumar, mas com o tempo acabei ficando totalmente à vontade com os objetos.

project_alloy_2

A Intel planeja reduzir o tamanho e o peso do Alloy, e a resolução e o framerate do headset também serão melhorados, mas a sensação de imersão de poder se movimentar pelo ambiente sem nenhum fio pendurado é realmente libertadora. O controle me pareceu muito leve e pouco ergonômico, mas assim como o headset, seu design não é o final, e ele tinha um gatilho, que é o que importa neste tipo de jogo. O Project Alloy foi apresentado em agosto do ano passado, e a proposta da Intel é que a sua tecnologia seja adotada por muitas empresas, por isto todas as APIs são gratuitas para quem quiser desenvolver headsets para a plataforma.

Clique abaixo para ver o vídeo da minha experiência com o Project Alloy.


MeioBit — Testamos (e aprovamos) o Project Alloy da Intel

Saiba mais sobre o Project Alloy no newsroom da Intel.

Esclarecimento: o MB viajou pra CES em Las Vegas no começo do mês a convite da Intel, mas como é tradição no nosso site, todas as opiniões são do autor do texto.

Relacionados: , , , , , , , ,

Autor: Nick Ellis

Nick Ellis é autor do Meio Bit, Digital Drops e Blog de Brinquedo.

Compartilhar
  • Felipe

    O mano jogando parecia um Sim.

    • Nick Ellis

      Rsrsrs, valeu, eu acho.

  • Ivan

    Imagina isso num jogo de terror, olha de baixo da cama tem um monstro, abre o guarda roupa tem outro, do nada abre a porta e aparece um demonio.

    • Thiago Cururu

      Imagine o arrependimento dos pais que derem isso aos filhos pequenos.

    • Daniel

      O duro é quando se deparar com alguma criatura bizarra invadindo a realidade….(o cara tira o vr e se depara com a sogra)….

      • Ivan

        o pior, é vc tirar o capacete e a sogra ser pior que no jogo.

        • Daniel

          Essa é a hora difícil que começa a “dar ruim”, teoricamente depois de tirar não deveria mais ver criaturas assim…

    • Theuer

      NOPE, NOPE, NOPE!
      Mas pera…
      No lugar de olhar embaixo da cama e ver algo, eu posso olhar em cima? ( ͡° ͜ʖ ͡°)

      • Ivan

        confesso que demorei um pouco pra entender kkkkk

    • ElGloriosoRangerRojo™

      Vai no banheiro, abre a tampa do vaso e tem uma anaconda.

  • Pingback: Testamos (e aprovamos) o Project Alloy da Intel – Meio Bit – DEBULHADOR()

  • Belkar

    revolução no pr0n!

  • Esclarecimento: o MB viajou pra CES em Las Vegas no começo do mês a convite da Intel, mas como é tradição no nosso site, todas as opiniões são do autor do texto.

    Como funciona isso na prática? Alguém do MB vai com pra feira com todas as despesas pagas, ou só a passagem + entrada, ou só um convitinho mesmo e o MB que arca com os custos?

  • Pingback: Intel apresenta sétima geração dos processadores Core no Brasil()

  • Jader Pereira

    Eu acho que pessoas com esquizofrenia nao deveria jogar isto nao!! acho que eles poderiam surtar!!!!

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis