E o recorde mundial de transações financeiras móveis vai para… Quênia!

mobile-money-M-Pesa-cash-transfer-GiveDirectly

Quem viveu o tempo da hiperinflação lembra de como as coisas aumentavam de preço literalmente todos os dias, salários depositados na sexta compensando só na segunda eram puro terror. Os bancos precisavam de uma agilidade inédita no resto do mundo, e assim o fizeram. Isso resultou em um sistema bancário sem igual. Enquanto a gringalhada ainda se arrastava com a Western Union já tínhamos DOCs: a capilaridade do nosso sistema é invejável. 

A necessidade é a mãe da Invenção, e isso se repete na África, onde a infraestrutura de telecomunicações sempre foi muito precária, era complicado montar postos bancários no interior, e a tecnologia clássica foi atropelada pelas redes de celular, mas com um diferencial.

Isaac Mkalia, 20 years old, a teacher by profession is checking his mobil phone.

Como a situação de pobreza por lá é bem pior, não há realmente um mercado de smartphones, então as soluções bancárias se adaptaram para celulares comuns. Se adaptaram e se expandiram. Quem mora a dias de viagem de um banco não precisa mais sacar dinheiro. Dá para fazer tudo pelo celular, pagar contas, comprar em lojas, enviar e receber dinheiro.

A M-Pesa é a principal operadora dessas microtransações, hoje funciona em uma penca de países e está se expandido para a Europa Oriental. Eles provêm um serviço essencial, ao proporcionar acesso a serviços bancários para gente que não atende os requisitos para abrir conta em bancos.

article-58f8374f-5261-4a47-826a-90b0a0e39a80-6UZUY2XElHSK2-655_634x428

Isso fez com que os quenianos corressem (não que seja novidade) para abraçar esses serviços, e agora em 2015 o país registrou US$ 27 bilhões em transações móveis. Americanos empacados com o Apple Pay? Brasileiros com sistema pronto pra pagamento via RFID mas perdidos na burocracia? Ficou todo mundo para trás.

Do mesmo jeito que um brasileiro achava absurdo um norte-americano não poder sacar dinheiro em qualquer agência de seu banco, os quenianos devem achar ridículo não poder comprar um picolé com o celular.

Lembrando que 20 anos atrás esses mesmos celulares custavam fortunas e no Brasil você só conseguia linha com carta-convite. Essa é a maravilha da tecnologia, ela se torna mais barata mas não menos útil.

Fonte: Russia Today.

Relacionados: , , , , , ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz e Calcinhas no Espaço.

Compartilhar
  • abraaocaldas

    E o pior que tem lugar aqui que não aceita cartão… ai já fico imaginando o principal motivo.

    • cquintela

      O motivo principal é sonegação de imposto. Quem sonega quer passa longe de operações de Cartão, visto que as operações são passadas da operadora para a receita.

      • O Datilógrafo da AEB

        E ainda tem as taxas do cartão.

        • G. Croft

          Taxa é o de menos. É melhor vender pagando a taxa do que não vender.

        • Supondo que um ladrão assalte duas lojas:

          Uma que só aceita dinheiro e outra que aceita dinheiro e cartão.

          Quem se fordeu mais?

          Eu penso que a taxa é como pagar um segurança. Podem até roubar a máquina, mas um telefonema resolve tudo, já o dinheiro… chame a polícia, faça um B.O, entregue as imagens das câmeras e comece a trabalhar pra cobrir seu prejuízo.

    • Ivan

      hoje até espetinho aceitam cartão, cada dia mais pessoas usam cartão, se o lugar não se adaptar irá fechar.

      • Alexandre Souza

        Praticamente NENHUM estacionamento em SP aceita cartao. Sapuquê? Puquê senao, vai ter que “doar” 30% pro socio mais feroz de todos, o cu-verno.

        • Mirai Densetsu

          Nós aqui tendo o imposto descontado do salário e o engraçadinho sonegando.

          Tem que aplicar uma multa bem pesada pra um palhaço desses lagar de ser otário. Aliás, é por causa de imbecis como ele que os impostos são tão altos.

          • Luiz Claudio Eudes Corrêa

            Onde posso denunciar isso?

            Pelo segundo ano seguido cai na malha fina pois a empresa onde trabalhava recolhe o imposto mas não repassa pra receita federal.

          • Mirai Densetsu

            Na delegacia do trabalho de sua cidade.

            E arrume um bom advogado.

      • Na banca de Jogo de Bicho perto da minha casa já aceita cartão! Sério.

        • Ivan

          E sai como na fatura do cartão?

          • @raverbr

            Deve ser padrão motel: restaurante ou posto de gasolina

          • Luiz Claudio Eudes Corrêa

            ou “PagSeguro XYSD” padrão moderninha 😝

  • Aldo

    O capitalismo herdará a terra!

    • Mirai Densetsu

      O capitalismo já governa o mundo. Tá por fora.

    • Alexandre Dias de Souza

      Que terra?

  • Apocalyptica

    A invenção é a mãe da necessidade

    • jairo

      A necessidade é a mãe da invenção.

      • Minion

        É a necessidade da mãe da invenção.

        • MacTantan

          A invenção da (Tua©) mãe a necessidade é.

    • Invenção necessidade é a mãe a (não acredito que entrei nessa zoeira…)

      • Apocalyptica

        Sério que vocês nunca ouviram isso? Quando inventaram o gramofone do feita uma lista de 10 coisas a se fazer com ele. Ouvir música não estava listado

    • Mãe da necessidade invenção é

  • Glauber Santos

    +/- off: Alguém sabe pq as maquinas de cartão não são wifi? Fico sempre me perguntando o pq eles gostam de serem dependentes da rede de celular.

    • cquintela

      Porque não funcionaria com o moto-boy se fosse wifi.

      • Ivan

        Já imaginou o moto-boy pedindo a senha do wifi pra usar na maquinha de cartão?

    • O Datilógrafo da AEB

      Porque nem todo mundo tem WiFi na loja. E ainda tem o fator segurança. É mais sniffar um WiFi do que o 3G.

      • HomeroGamer-BanidodoMB

        Só um detalhe… toda maquininha tem transação criptografada e ainda por cima criptografa de novo via https… Vai precisar ser mais do que “hacker” pra conseguir pegar uma transação sniffando a rede.

        • O Datilógrafo da AEB

          Sim, mas a primeira camada de segurança é o protocolo usado.
          Man in the middle no 3G é possível, mas no WiFi é brincadeira de criança.

          • HomeroGamer-BanidodoMB

            Acontece que man in the middle em transmissão de rádio não vai adiantar lhufas uma vez que o que vão pegar é pacotes já criptografados. Não adiantaria de nada na verdade.

    • Gedson Junior

      Alem do q ja falaram ai, era um porre cadastrar uma rede ou mudar a senha. Ninguém sabia, dai tinham q ficar ligando pra central pra pedir ajuda. Depois dessas ainda tinham as bluetooth, q tmb ja foram aposentadas.

    • Minion

      As do pagseguro são WiFi e 3g.

    • Pq nem todo mundo tem WIFI e menos ente ainda sabe configurar.

      • abraaocaldas

        Mas seria uma opção a mais para não ficar refém das operadoras, já fui em restaurante que tive que deixar no pendura porque a Claro não estava funcionando.

    • Ivan

      creio que seja que nem todo lugar tem internet fixa além de vc poder levar a maquinha de cartão pra qualquer lugar, tipo com o entregador de pizza e deve ser por segurança tbm, uma rede wifi deve ser facil interceptar a transação.

      • HomeroGamer-BanidodoMB

        São duas criptografias além da wifi, uma da maquininha e outra do https usado para comunicar. O cara vai ter que quebrar as duas pra conseguir obter algo que preste.

    • Luiz

      Porque supostamente a rede de dados é mais segura que wifi.
      Na pratica o padrao do wifi tem a criptografia melhor, mas é aberto, e o wsdpa é fechado e tem uma criptografia ruim.
      Claro que o software da operadora de cartão possui criptografia extra dos dados, inclusive a chave de criptografia fica dentro do smartchip do teu cartao.
      Portanto, acredito que não usem meramente por burocracia, lembrando que existem POS (maquinas de cartao) com WIFI.

    • Segurança?

      • HomeroGamer-BanidodoMB

        Criptografia por hardware da própria máquina e mais criptografia por software pela rede.

    • HomeroGamer-BanidodoMB

      Cielo tem WIfi, tem por operadora de celular, tem por telefone mesmo e via internet. Tudo depende da empresa alugar a máquina. Aqui alugamos a com celular, telefone e internet. Precisa uma hecatombe pra não passar um cartão de crédito.

      • Glauber Santos

        Não sabia que davam a opção com o wifi. Então a questão é puramente um comodato mais caro?

        • HomeroGamer-BanidodoMB

          Sim.

    • Quem me viu mentiu ✔️

      no wifi seriam dependentes das operadoras de internet fixa. Não tem pra onde fugir. Na rede de celular, pelo menos funciona em qualquer lugar (teoricamente, porém com abrangência maior que um wifi), e a internet/linha telefonica fica de responsabilidade da operadora de cartão, e não da loja.

      • Glauber Santos

        Apenas creio que poderia ter as duas opções em um mesmo aparelho. Já foquei sem comer varias vezes em alguns restaurante em shopping pq a rede não estava ok. Detalhe: Restaurantes grandes, com wifi “gratuito” em Curitiba, uma cidade teoricamente bem estruturada.

  • Luiz Claudio Eudes Corrêa

    Como funciona esse MPESA?
    é o credito da operadora que pode usar como se fosse dinheiro de verdade ou é separado entre credito pra falar e “dinheiro”?

    A uns anos atras a Oi não tentou fazer um negocio desses?

    • pelo que sei a oi, tim e vivo tem algo do tipo. tentei usar a da vivo mas o posto para depositar dinheiro nesta conta fica a mais de 50km da minha casa, o da tim pode ser em qualquer lotérica mas o pessoal da lotérica não faz ideia de como funciona para depositar. eh phoda.

  • Minion

    Os quenianos tem pagamento por telefone de tecnologia de mais de 20 anos, e nós aqui em São Paulo temos a nota fiscal Paulista, aquela que o governo inventou que “dará” um retorno de quando vc realizar o trabalho dele de fiscalização.

    • Adriano Garcez

      Não sou daí, mas assisto alguns canais abertos transmitidos daí (culpa da Sky) e sempre vejo comercial sobre essa nota fiscal paulista. Pensei que desse resultado.

      Aqui no ES, há muito, tinha o lance de trocar as notas fiscais por alguns produtos bem safados, de qualidade bem duvidosa. Na época, nem reclamava, afinal, eram brinquedos. 😁

      • Minion

        Mas da resultado, o povo faz o papel fiscalizador do governo e por sua vez o governo aumento a arrecadação com impostos, que mais certo que isso!?

        • HomeroGamer-BanidodoMB

          Principalmente para que com mais imposto arrecadado possam aumentar seus próprios salários.

      • Aqui em SP, muito antes da Nota Fiscal Paulista, existiram eventualmente as “Gincanas da Nota Fiscal”, ainda no governo do PMDB lá no início dos anos 90. A ideia era juntar notas e trocar por produtos. Nunca ganhei nada, mas tive um colega que ganhou um daqueles clones de Atari 2600, o Dactar se não me engano. Fui lá fazer a instalação para ele.

      • Sophos Nsm

        em goiás vc tem desconto no ipva o que já é muito bom. não custa muito mandar o cara meter o numero do meu cpf na minha nota.

      • Sophos Nsm

        na bahia dava pra trocar por shows ou ingressos de futebol, ou podia simplesmente doar o valor para os clubes. além disso dava pra doar pra instituições de caridade.

      • Raphael Figueiredo de Souza

        Dá resultado, mas demora, porque cada compra te dá só alguns centavos. Mas tem uns sorteios também (de até R$ 100k, mas não é raro você ganhar R$10 de vez em quando).

        Eu acumulei uns 4 anos, e, quando precisei, tinha quase R$800 pra sacar!

    • G. Croft

      Que bom que o povo tira a bunda da cadeira pra fiscalizar.

    • Wallacy

      Não sei aí. Mas aqui no DF consigo pagar meu IPTU e meu IPVA com o CPF na nota. Ano passado o IPVA foi todo e o IPTU metade, esse ano acho que só vou conseguir o IPVA.

      Minha mãe conseguiu sacar uma quantia ano passado.

      Tem lugar que vou que só acúmulo centavos, outras alguns poucos reais, mas é como se fosse um cofrinho, uma hora tem uma quantidade relevante. Por isso peço sempre.

      A maior parte das pessoas que conheço não pedem pq da pouco por resgate, mas acho que vale a pena. Compras no cartão de crédito nem deveria pedir, já lançar direto. Só vejo sentido em pedir quando é com dinheiro.

    • Felipe Flores

      As pessoas devem achar o máximo essa intromissão do governo em suas vidas.
      O governo quer saber quanto você ganha, quanto você gasta, quando e onde gasta. Se preocupa com os centavos dos cidadãos e não vê os bilhões desviados com corrupção. Muito conveniente.

  • Daí eu fui pagar uma conta ontem e não pude. Brasil inventou o feriado bancário para Internet Banking

    • WTF!!! O computador estava se preparando pro réveillon ou era manutenção programada?

    • Angelo Freitas

      Isso e outras coisas que não fazem sentido. Por exemplo fazer uma transferência on-line ou no caixa eletrônico no sábado só vai cair na conta na segunda, e DOC mesmo em dias e horários comerciais só entram no outro dia. No final é a mesma experiência de como se você estivesse indo ao banco mas sem ter filas.

      • E sem o auxílio ou prestação de serviços de um funcionário do Banco, que estará livre pra ser desviado da função no caixa para “serviços internos mais lucrativos ao banco” (sim, por que acha que naquela agência que tem 5 caixas apenas 2 atendem?) e ainda ser cobrado por isso, pelo uso no terminal …

      • Ivan

        boletos demorarem até 5 dias pra ser compensado é muito tempo.

        • Lucas Timm

          Na Europa um cheque pode demorar até uma semana pra ser compensado…

        • Juliano Teichmann

          Não, depende do banco e do seu contrato. Na empresa é D+1, boletos pagos no dia de hoje estarão na conta amanhã, pois como mencionado acima o sistema roda em batch, durante a noite os pagamentos são processados e liberados na conta corrente. Aliás, o sistema de boletos do brasil é bastante prático para as empresas registrarem suas cobranças.

          • Lucas Timm

            Geralmente os bancos pedem o prazo de até 3 dias úteis para compensarem um pagamento de boleto. Justamente por causa das tres etapas:
            -> Recebimento na agencia
            -> Recebimento no BACEN
            -> Compensação no destino.

            Isso tudo acontece na mesma noite, logo um pagamento efetuado normalmente aparece disponível no dia seguinte. Mas errors podem acontecer nessas três etapas do processo…

        • ochateador

          Boleto é 3 dias não?
          Nunca vi um que levasse mais que 3 dias para ser compensado (isso pelo site da loja), mas na prática em 1 dia (90% dos casos) ou 2 dias (10% dos casos) o boleto já foi compensado.

          • Ivan

            quando vc paga um boleto empresas dizem que pode levar até 5 dias, mas geralmente é menos de 24 horas mesmo.

      • Lucas Timm

        Faz sentido sim, tu só não sabe como o sistema bancário funciona no background.

        O sistema bancário brasileiro não é, nunca foi, online. Tudo roda em batches. A transação que tu efetua depois do fechamento da agência, só vai constar para o próximo fechamento (ou seja, só segunda feira de noite). É aí que a transação é liquidada na agência e transferida pro BACEN, que por sua vez vai creditar no banco e conta do destinatário.

        • Angelo Freitas

          Deixa eu ver se entendi. As transações são registradas porém programadas para ocorrerem em determinados horários, seria isso?
          Se é isso, qual o sentido disso?

          • Alexandre Souza

            1 – Segurança. Impede um zé maluco qualquer de começar a fazer N mil transferencias pulando de um banco pro outro pra esconder o rastro do dinheiro
            2 – Legado. Antigamente “online” era um negocio muito muito muito caro, os bancos nao se modernizam como a gente troca de placa de video.

          • Mirai Densetsu

            É mais legado mesmo.

            Além disso, uma migração para uma solução online custaria caro (dezenas de milhões) e tem o risco de não funcionar.

            E como para banqueiros TI é gasto e não investimento…

          • Lucas Timm

            Olha que não, viu… Setor bancário investe mais em TI que qualquer outra área que já trabalhei.

          • Mirai Densetsu

            Já trabalhei em banco na parte de TI. E vi que as contenções de gastos vão primeiro pra área de TI. Ao contrário da publicidade, se a TI não retornar valor, é a primeira a ser cortada.

            TI nos bancos é uma atividade meio. E são raros os empresários que vêem a importância dessas atividades.

          • Lucas Timm

            Quando eu trabalhei em banco era diferente, mas sei lá como tão as coisas hoje :p

          • Mirai Densetsu

            Hoje? Faz quase uma década que saí do banco e apenas recentemente que eles largaram o ASP Clássico.

          • Paulo Elias Jr.

            Cara, acho que isso está mudando. Bancos ainda tem muitos ambientes legados originários de fusões, aquisições… tenho visto muitos projetos para reorganização ou expansão utilizando novas ferramentas (e conceitos) de TI no mercado para resolver esses “legados”. As coisas estão mudando nesse aspecto. Claro, não são todos os lugares e a questão humana de ver TI como despesa ainda fica na frente de muita coisa. Nós que somos técnicos temos que ralar demais pra convencer e converter “despesa” para “investimento”… mas faz parte.

          • Mirai Densetsu

            É verdade.

            Já faz tempo que não trabalho na área bancária, então deve ter mudado muita coisa mesmo.

          • Thiago

            Mas ainda é visto como gasto – muitas vezes considerado até desnecessário – e não como investimento (profissional de TI de banco aqui)
            Quanto ao restante de seus comentários, parabéns!

          • Tiago S

            Em qualquer setor da galáxia TI é gasto (modo ironico ativo).

          • Lucas Timm

            Tem algumas transações que são online de verdade (por exemplo, pagamento de convênio — leia-se água, luz, telefone, etc). Essas eu realmente não sei como funcionam, mas o processamento delas é diferente.

            Já o restante das transações eu não acho ruim. Pelo contrário, os sistemas bancários do Brasil são bem eficientes, foi a única coisa que a hiperinflação trouxe de bom.

            A propósito, cortaram os zeros no Cruzado em 86, Cruzado Novo em 89 e o Cruzeiro Real em 93, não por que tava difícil de contar. É que as bicheiras de computadores que tinhamos aqui, na época (SID, Cobra, Labo, well, tu sabe melhor do que eu :P), não tinham memória pra armazenar tantos dados que na prática não significavam nenhum valor financeiro… 😛

          • Lucas Timm

            Não, tu não entendeu. Salvas as variações, de maneira simplória, cada transação bancária gera um código numerico mais ou menos assim:

            (agencia origem)(conta de origem)(numero do documento)(valor)(agencia destino)(conta destino).

            Esse hash fica armazenado temporariamente nos sistemas da agência bancária. Durante o dia vai vir um monte de hashs assim enquanto a agência está funcionando. Aí ela fecha pro atendimento ao público, fecham os caixas, finaliza toda a compensação, etc. Lá pelas 21/22 horas (depende do banco) algum gerente vai fechar a agência de verdade.

            Nesse ponto é o cut off, encerra todos os sistemas da agência bancária, e todos os hashs de movimentação são enviados para os sistemas de retaguarda do teu banco, normalmente um mainframe já tá esperando os dados. Se tinha alguma transferência dentro do mesmo banco (por exemplo, se tua conta é do Itau e tu pagou um boleto também do Itau), a operação é liquidada nesse exato momento. Operações com erros são enviadas de volta pra agência pros gerentes correrem atrás. Enviou tudo? zera o backlog de transações bancárias da agência, e o que entrar a partir daí (por exemplo, internet banking, depósitos no auto atendimento, etc), só no próximo dia útil.

            Depois que todos as agências enviaram todo o backlog de transações, o banco vai concatenar tudo isso e mandar pro Banco Central. Aí as transações de bancos diferentes serão liquidadas. O Banco Central vai processar toda a movimentação nacional durante a noite nos mainframes deles e depois envia um novo hash para os bancos com o resultado da operação. Por exemplo, se tu transferiu dinheiro de Itau pro Bradesco, ou pagou um boleto do Bradesco no Itau, é aí que a transferência é liquidada. Novamente o rejeito também é enviado pros bancos, assim os gerentes vão atrás pra retificar as transações.

            Erros podem acontecer em qualquer etapa do processo — por exemplo, se uma agência tá sem rede as 10 horas da noite, se não terminou toda a compensação bancária a tempo, se o sistema teve problemas, etc.. Nesse caso a tua operação só vai ser liquidada no próximo dia útil.

          • Luis

            Liga não, tem muito ploblematizador por aqui. O cara tem 14 horas para pagar um boleto e 5 dias por semana mas quer porque quer pagar no feriado as 11 da noite.

          • Lucas Timm

            É aquela coisa, né. “Banco de merda, imagina se isso acontece no primeiro mundo”.

            Aí tu vai pra Europa e lá o cheque só serve pra trocar dinheiro na boca do caixa, não pode depositar. Pagamento de contas demoram 7 dias, dinheiro papel vai por correio e coisas assim…

            (Mas sim, money/postal order é bacana…)

          • Gaius Baltar

            Cara, não sei qual foi a Europa que você foi, mas aqui em Portugal não é assim. Transferências para contas no mesmo banco entram na hora, para outros bancos até as 15:00 entram na hora, depois dessa hora entram no dia seguinte. Cheques (quem ainda usa, pois todo mundo usa o sistema Multibanco) podem ser depositados sim.

          • Lucas Timm

            Irlanda e Inglaterra

          • Gaius Baltar

            Ah! Esses ilhéus… 😄

          • Rodrigo M

            Os bancos na Irlanda são meio complicados mesmo. Tudo demora e a segurança é bem fraca.

          • bit lascado

            Aqui as TEDs até as 17 entram em 15 minutos na conta creditada, as transferencias entre mesmo banco também são na hora.

          • Angelo Freitas

            Obrigado pela explicação. Agora faz sentido, essa “demora” é para assegurar que as transações realmente aconteçam.

          • Sophos Nsm

            conheço um estelionatario que usou isso muito tempo pra “ganhar” dinheiro. ele ia em cidade por cidade com feriados municipais (dia da cidade, padroeira, etc) e fazia algumas coisas que permitiam a ele sacar dinheiro que o banco so iria perceber que ele não tinha mais o dinheiro no dia seguinte pq tinha sacado em duas tres cidades diferentes.

          • gbitte

            Os bancos fazem milhares de transferências por dia. No final do dia eles fazem o saldo das transferência s e os pagamentos e se alguma instituição ficar com problema de liquidez ela pega um empréstimo, se não fosse assim uma instituição poderia ficar sem dinheiro por um mero questão de tempo entre quando iria fazer e receber translações. Mas sim quando podem eles retém dinheiro mais que é necessário, porque simplismente banco faz dinheiro com dinheiro.

        • HomeroGamer-BanidodoMB

          Então entendi essa do feriado, o cara que executa o bat tá curtindo o feriado. Mas um detalhe se o cara entra de férias é sinal de que vamos ficar um mês sem poder fazer transação bancária ou tem alguem treinado pra executar o bat?

        • duhehe

          Tragam um troféu para esse rapaz.

      • Alexandre Souza

        Pra isso tem o TEF que entra na hora…

        • Paulo Elias Jr.

          Não é TED?

      • Jorge Dondeo

        Tem que rodar as rotinas batch de carga, por isso 1 dia.

    • O fantástico senhor raposo

      Meu internet banking só funciona das 08:00 até 22:00, vai entender

      • Lucas Timm

        22 horas é o horário de fechamento da agência. A partir daí as transações são enviadas pro banco central para serem efetuadas.

        • abraaocaldas

          Engraçado que minha conta no itau por ser uniclass não tem essas restrições, posso fazer a qualquer hora, tanto que paguei um boleto hoje e ele pediu a data do pagamento e pude colocar hoje também, vai entender.

          • Lucas Timm

            Pode até aceitar o pagamento, mas só vai cair no próximo processamento bancário 😛

          • Lucas Timm

            Ah sim, importante. Exceto se tu tiver pagando um boleto que também seja do Itau, aí como tá dentro da mesma casa bancária, vai depender da eficiência dos sistemas — vai pro BACEN apenas para registro. Ou seja, é online.

          • abraaocaldas

            O importante é que aceite, pior coisa é ele não deixar você fazer… e nem te enganar dizendo que pode.

    • Minion

      Cara aconteceu isso ontem n0 caixa do Itau, tive que agendar para o dia 4. Não entendi tbm.

      • Ivan

        Tentei pagar um boleto pelo cel não e ficou pro dia 4 mesmo, pro dia do vencimento do boleto não consegui alterar a data.

    • Lucas Timm

      Porque ontem era dia de balanço final, nenhum banco pode enviar transações pro BACEN. Todos os bancos também vão finalizar o movimento anual deles.

    • Aconteceu algo parecido comigo. Tenho um fundo de investimento que só consegui fazer um resgate no horário comercial.

  • Não dá para comparar a Banânia com o Quenia, afinal lá eles conseguem fazer US$ 27 bilhões em transações. Aqui só conseguimos fazer isso quando enviam dinheiro para a Suíça!

  • O Quênia fazendo US$ 27 bilhões em transações, e nada da Caixa Ecôcônomica fazer a transação dos mais de R$ 280 Milhões da Mega Sena pra minha conta …

    ê mundo cruel …

  • Gaius Baltar

    Eu acho bem curiosa essa afirmação de que o sistema bancário brasileiro é avançado. Algumas situações me fazem questionar essa máxima:
    1) Certa vez fui com um amigo sacar dinheiro em um caixa eletrônico. Quando chegamos ao caixa ele me fala: “Ah! Você não vai conseguir retirar nesse caixa, pois não aceita cartão internacional”. 😳 Como assim? Só alguns caixas estão ligados à rede VISA? Como um turista adivinha? Ok, mas após andar muito achamos o bendito caixa, que era exatamente igual ao outro com exceção do símbolo da VISA/MasterCard. Após realizar a operação, perguntei se ele não ia sacar também, conforme tinha me dito. E ele: “Não, tenho conta em outro banco” Como assim? Os caixas eletrônicos não são interligados? 😳
    2) Ao observar que um amigo usava seu cartão de crédito para fazer compras na net, perguntei o porquê dele não usar um cartão virtual, gerado na hora aleatoriamente? Ele fez cara de 😮 e disse que nunca tinha ouvido falar de tal coisa. Eu expliquei que sempre que preciso colocar o número do cartão na net, o app do sistema de pagamentos gera um cartão virtual no valor da compra, com número, data de validade e código de validação diferentes do meu cartão físico. Após o uso esse cartão fica inútil, pois mesmo que vazem os dados o cartão é de utilização única. Além disso o valor-limite já foi utilizado. Como essa situação já aconteceu há uns anos é possível que já exista algo assim. Me atualizem se for o caso.
    3) Além do nosso amigo Pryderi já várias pessoas se queixaram de não poderem usar o homebanking em feriados ou fim de semana. Mais um como assim? 😳 O banco online existe justamente para podermos fazer operações bancárias a qualquer hora. Um sistema realmente avançado deveria permitir isso.
    Se algo que falei não for preciso ou for errado me atualizem por favor.

    • ochateador

      O @pryderi:disqus quis fazer transação no dia 31 de dezembro, nesse dia é feito o balanço contábil e qualquer operação financeira está bloqueada por ordem do banco central. Se ele tentar fazer alguma operação hoje no dia 3 de janeiro que é um domingo ele consegue, mas 31 de dezembro é o único dia que o banco fecha 100% das operações bancárias com o público (seja pessoa física ou jurídica).

      • Gaius Baltar

        Isso prova o meu ponto. Se o sistema fosse avançado significava que esse tipo de interrupções era descabida. Ser avançado não significa apenas ter tecnologia de topo, o que já vimos que não é o caso, mas ter uma gestão de transações de primeira, o que também não é o caso.

    • Murilo Cardoso

      Bom, não entendo muito de sistema de banco e tal. Mas, tudo isso aí é possível com o Banco do Brasil. Tirando as taxas altíssimas do BB, é um banco que me supre muito bem.

      • Gaius Baltar

        Não entendi bem sua colocação. O que é possível com o Banco do Brasil?
        1) Dá pra retirar dinheiro em qualquer caixa eletrônico, seja ou não do BB?
        2) É possível ter um cartão virtual de utilização única e com limite consoante a compra?
        3) É possível fazer transações bancárias no homebanking a qualquer hora do dia, independente da época do ano?
        Como eu falei no comentário me atualizem se postei algo dissonante da realidade.

        • Luiz Claudio Eudes Corrêa

          Tenho conta no BB e na Caixa Economica Federal então vou responder algumas coisas:

          1) Posso sacar em qualquer caixa eletrônico do meu banco, ou nos genericos “banco24horas”, mas não nos caixas de outros bancos ex.: Itau, bradesco

          2) No cartão virtual ele só funciona uma única vêz/compra, o limite e a cobrança são do seu cartão verdadeiro

          3) Pelo menos comigo funciona em qualquer horário/dia, porem as vezes só é processado no dia seguinte, ex: transferi dinheiro da minha conta pra outro banco, sai da minha conta na hora mas pode demorar pra aparecer no outro.

          Por falar em caixa eletrônico do BB, outro dia usei (após um bom tempo) e ao invés de pedir a senha numérica/letras, vez perguntas aleatórias que (teoricamente) “só eu saberia” responder: numero inicial de documento, nome da mãe, aniversário e isso após identificação biometrica.

          • Gaius Baltar

            Esse era meu ponto, Luiz Cláudio. Como o sistema pode ser tão avançado se não há ATMs unificados, cartões virtuais criados à medida e operações online imediatas?

        • Murilo Cardoso

          A 2 e a 3 eu confirmo que são possíveis. A 1 eu não sei, mas acho que não.

  • Lui Spin

    “Do mesmo jeito que um brasileiro achava absurdo um norte-americano não poder sacar dinheiro em qualquer agência de seu banco”

    Sério isso?

  • Julio Verner

    A boa notícia é que ainda não tão gastando o que quase não tem em Candy Crush…

  • Pingback: Como o Pokémon Go ajuda a explicar por que o Brasil é um país pobre | Mundo Sustentável()

  • Pingback: Como o Pokémon Go ajuda a explicar por que o Brasil é um país pobre | Mundo Amazônia()

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis