Home » Games » Após mais um ano ruim, SEGA focará no ocidente e no PC

Após mais um ano ruim, SEGA focará no ocidente e no PC

Após mais um ano registrando queda no faturamento, SEGA diz através de um relatório que apostará com mais força nos computadores e nos mercados ocidentais.

20 semanas atrás

O mês de março costuma ser marcado como aquele em que as empresas encerram seus anos fiscais e assim podemos saber um pouco de como foi o desempenho comercial de algumas delas. A má notícia no caso da SEGA é que apesar das vendas no geral terem aumentando em 2018, pelo segundo ano consecutivo a companhia registrou queda nos lucros.

Não, infelizmente não será em um Amstrad Mega PC.

Conforme pode ser visto no relatório divulgado por eles, o ano ruim pode ser creditado à fraca performance tanto das máquinas de pachinko quanto às vendas digitais de games, que ficaram abaixo do esperado. No caso dos jogos, que é o que nos interessa, a SEGA apresentou diversas justificativas para a queda, entre elas o fato de só ter lançado oito dos 12 jogos digitais que estavam nos planos; atrasos nos lançamentos; uma saturação do mercado e estar trabalhando na criação de muitos títulos.

Entre os jogos distribuídos digitalmente, aqueles com melhores desempenhos foram o SEGA Pocket Club Manage e o Ryu ga Gotoku ONLINE. Já no caso das vendas físicas, apesar delas terem diminuído o lucro aumentou, com jogos como o Football Manager 2019, o Yakuza 6: The Song of Life e o Judgment tendo registrado bons desempenhos na Europa e na América do Norte.

Diante deste cenário e acreditando que o mercado japonês está estagnado, o objetivo para o atual ano fiscal passa a ser focar naquilo que está dando certo, o que significa olhar com mais atenção para o resto da Ásia, para a Europa e para a América do Norte. O plano também inclui dar  maior atenção aos desportivos mobile e aos computadores.

Para quem tem o PC como plataforma principal, isso quer dizer que deveremos receber a adaptação de vários títulos lançados inicialmente  apenas para os consoles e como a SEGA disse que pretende explorar melhor as suas franquias bem sucedidas, como Sonic, Yakuza e Persona, fica a expectativa para que esta última enfim dê as caras nos computadores.

Os rumores de que o Persona 5 será lançado para PC são antigos, com a SEGA tendo feito mistério em relação ao assunto, mas mesmo que adaptar este tão elogiado RPG não esteja nos planos para os próximos meses, acredito que muita gente já ficaria bem feliz se tal tratamento fosse dado ao terceiro ou quarto capítulo da série.

Contudo, o que mais chamou minha atenção nessa postura da SEGA é perceber como os computadores deixaram para trás aquele estigma de que não era uma boa plataforma para desenvolvedoras japonesas. Hoje conseguimos encontrar no PC todo tipo de jogo desenvolvido do lado de lá do planeta, incluindo aí os jRPGs e se isso se tornou possível, só podemos agradecer a distribuição digital por ter aberto algumas portas.

Fonte: Tweak Town.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários