Home » Meio Bit » Hardware » Nova linha de TVs QLED da Samsung chega ao Brasil, com preços a partir de R$ 4.999

Nova linha de TVs QLED da Samsung chega ao Brasil, com preços a partir de R$ 4.999

Novos modelos de TVs QLED da Samsung oferecem novidades como conexão única com o One Connect, Modo Ambiente e acesso ao assistente virtual Bixby (por enquanto, apenas em inglês).

29 semanas atrás

Q9F, a topo de linha: 75 polegadas e imagem superior

A Samsung apresentou nesta terça-feira (29) sua nova linha de televisores com pontos quânticos para o mercado brasileiro. As novas Q6F, Q7F, Q8C e Q9F trazem novidades como uma conexão única entre o dispositivo e o One Connect, um Modo Ambiente para aproveitar melhor o espaço e aplicações para a Internet das Coisas, bem como acesso ao assistente virtual Bixby.

Todas as novas TVs possuem resolução 4K e soluções que vieram da linha 2017 como o One Connect, o hub criado para diminuir a confusão de cabos. No modelo Q6F, o mais básico (49, 55 ou 65 polegadas) ele funciona da mesma forma, com a TV dependendo de ambas conexões de sinal e energia. Porém, nos demais a Samsung tornou a instalação física mais prática, com o cabo transparente do hub acumulando ambas funções. Assim, o usuário precisará de apenas uma tomada para ligar TV e One Connect e não duas, como era até então.

A partir da Q7F (55, 65 e 75") as coisas ficam mais interessantes. Esta linha, bem como a Q8C (curva, 65 polegadas) possuem HDR com brilho de até 1.500 nits e maior qualidade de som e imagem; esta última, segundo a Samsung é a melhor para gamers (eu comprovei, com a geração anterior) e conta com ajustes automáticos, que reconhece quando um console de videogame é ligado e ajusta automaticamente a entrada HD para o modo gamer de imagem e som, sem que o usuário precise fazê-lo.

Q8C: curva, 65 polegadas e a mais indicada para gamers

Já a topo de linha Q9F é a que oferece a melhor qualidade e experiência de uso, com HDR de até 2.000 nits e um sistema de iluminação inteligente, ao invés de por zona que segundo a fabricante oferece a melhor reprodução de preto e cores possível. Vale lembrar que a Samsung insiste que suas TVs QLED entregam 100% de volume de cor, diferente de modelos similares da concorrência.

Na parte do software há algumas perfumarias interessantes. O Modo Ambiente, por exemplo é um recurso que utiliza melhor a tela da Samsung enquanto o televisor não estiver em uso, para evitar a tela preta destoando do ambiente. Ele nada mais é do que um modo de descanso de tela que consome o mínimo de energia possível, permitindo ao usuário configurar temas dinâmicos que harmonizem com a parede.

Porém, caso nenhuma das opções o agrade o usuário poderá tirar uma foto da parede e da lateral do televisor com seu smartphone, e através do app SmartThings configurar o dispositivo para que ela crie um tema que case com o fundo. A demonstração em tempo real criou uma textura de parede de tijolos que seguia exatamente a disposição dos mesmos no papel de parede, como se fossem uma coisa só.

Modo Ambiente "copia" a parede e cria uma apresentação mais harmoniosa

O SmartThings aliás é uma das grandes forças por trás da nova linha. O antigo Samsung Connect, disponível para iOS e Android permite que o usuário configure a TV em menos de um minuto, basta parear os aparelhos e o sistema pede permissão para que o televisor acesse a rede Wi-Fi e a conta Samsung, e através dessas informações prepare tudo e até mesmo ofereça sugestões de apps de acordo com seu gosto pessoal.

O app foi totalmente preparado para a Internet das Coisas: com a TV fazendo as vezes de hub, o usuário poderá controlar toda uma série de dispositivos conectados como lavadoras, ares-condicionados, geladeiras, lâmpadas e outros facilmente. É possível configurar perfis de uso, por exemplo programar o aquecedor para ligar antes de chegar em casa ou apagar as luzes inteligentes quando estiver saindo, através de comandos de voz com o smartphones estando na rede Wi-Fi ou via conexão móvel. Enquanto a comunicação com outros aparelhos Samsung é nativa, dispositivos de terceiros dependerão de um hub adicional. No entanto, a Samsung diz que o sistema é compatível com mais de 200 dispositivos conectados, próprios ou não.

Por fim, todos os novos televisores são compatíveis com o assistente virtual Bixby, embora ele continue falando só inglês e dependa que o aparelho esteja configurado nesta linguagem. Caso o usuário opte pelo português terá que utilizar o tradicional S-Voice, mais limitado. Segundo a Samsung, o Bixby deverá aprender a falar a nossa língua apenas em 2019.

Os modelos Q7F, Q8C e Q9F utilizam uma conexão única para sinal e energia

Por fim, a Samsung apresentou duas novas soundbars: a NW-650 conta com um subwoofer e oferece maior potência de som (tanto que está sendo oferecida como parceira da Q8C), enquanto a NW-700 possui design mais arrojado, feito para quem prefere estilo visto que ela casa melhor com o estilo das novas TVs.

Preços e disponibilidade

As novas TVs QLED da Samsung serão lançadas no mercado brasileiro apenas em julho, portanto nada de conseguir uma para a Copa; os preços começam em R$ 4.999,00 e podem chegar até R$ 79.999,00, embora este seja o preço da Q9F de 88 polegadas lançada em 2017; se serve como referência, é possível que a nova Q9F de 75 polegadas chegue às lojas custando entre R$ 60 mil e R$ 70 mil.

Já as novas soundbars serão lançadas apenas em agosto e não possuem estimativa de preços.

relacionados


Comentários