Sony vai encerrar a produção de mídias físicas do PS Vita nos Estados Unidos e Europa

ps-vita-cartridge

O PS Vita pode estar se aproximando do fim: segundo informes confirmados pela Sony, a produção de cartuchos dos games para o portátil será totalmente encerrada nos Estados Unidos e Europa até o fim do ano fiscal de 2018, com os títulos passando a ser distribuídos apenas digitalmente.

Segundo o site Kotaku, a Sony comunicou as desenvolvedoras através de uma mensagem sobre o fim do ciclo de produção das mídias físicas: todos os pedidos deverão ser feitos até o dia 28 de junho, e as vendas dos lotes de cartuchos serão encerradas em 15 de fevereiro de 2019. A produção das mídias será mantida até o dia 31 de março, quando a Sony encerrará o ano fiscal e, a partir daí, todos os novos games do PS Vita serão lançados apenas no formato digital.

A Sony confirmou as informações, dizendo apenas que “a produção de cartuchos para o PS Vita está chegando ao fim”. Nada foi dito a respeito de seus famigerados e caríssimos cartões de memória proprietários, essenciais para seu funcionamento; esses deverão ser mantidos por todo o seu ciclo de vida, que infelizmente não deverá durar muito mais: seguindo a decisão da Sony de deixar de oferecer games gratuitos do portátil e do PS3 através da PS+, rumores começaram a circular que a gigante japonesa interromperia a produção do console ainda em 2018. No entanto, nada foi confirmado.

O PS Vita não teve uma vida fácil. Embora seja um console “de bolso” deveras potente e com jogos muito bons, a decisão esdrúxula da Sony de utilizar cartões de memória proprietários para lá de caros minou o interesse na plataforma, que foi massacrado pelo Nintendo 3DS (a bem da verdade, a BigN nunca perdeu a hegemonia em portáteis). A ascensão dos smartphones prejudicou ambas as plataformas mas a Sony sentiu muito mais o baque; já a concorrente se adaptou e lançou o Switch, uma solução híbrida entre console de mesa e portátil, e mais uma vez arrebentou nas vendas.

Ainda que o PS Vita seja popular no Japão, onde recebeu uma série de visual novels, JRPGs e outros títulos (e onde a produção de cartuchos será mantida por enquanto), no ocidente a Sony acabou por promovê-lo como uma segunda tela do PS4 e cada vez menos games ele recebeu por aqui, com exceção das desenvolvedoras indie que o mantiveram vivo por um bom tempo; agora, pode-se dizer que o console está na reta final de sua trajetória e não deve demorar até ser descontinuado, com nenhuma previsão de um novo portátil da Sony nem a longo prazo.

Fonte: Kotaku.

Relacionados: , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Profissional de TI auto-didata, blogueiro que acha que é jornalista e careca por opção. Autor do Meio Bit e Portal Deviante, podcaster/membro fundador/Mestre Ancião do SciCast e host/podcaster do Sala da Justiça.

Compartilhar