Home » Games » nVidia poderá anunciar “console” em breve

nVidia poderá anunciar “console” em breve

Matéria da BBC diz que nVidia poderá anunciar um console Android em breve, mas que na verdade o aparelho servirá para fazermos streaming do PC para TV.

5 anos atrás

nvidia-shield

Se a informação obtida e divulgada pela BBC estiver correta, a nVidia estaria prestes a revelar seus planos para entrar no mercado de consoles. Quer dizer, isso não aconteceria da maneira mais tradicional, como Sony, Microsoft ou Nintendo sempre fizeram, mas através de um aparelho baseado no Android e que alguns talvez nem considerem um videogame.

Segundo a matéria, o dispositivo ainda sem nome definido usaria o chip Tegra K1 e na verdade serviria com uma ponte entre o PC e a televisão, aproveitando a tecnologia Gamestream da empresa para permitir que o usuário possa fazer streaming local, do seu computador para a sala de estar.

Já presente no Shield, portátil que a nVidia lançou no ano passado, o mesmo método seria aproveitado neste aparelho, mas de acordo com o analista Ed Barton, o equipamento necessário para isso - leia-se, uma placa da empresa - pode fazer com que o tal console não obtenha muito sucesso.

Acho que é justo dizer que o Shield vendeu pouco e se o novo dispositivo exigir que o seu PC tenha uma placa relativamente nova da nVidia para fazer uso de suas habilidades, isso realmente limitará seu público alvo,” declarou Barton.

Caso a história seja confirmada, acredito que a nVidia chegaria um pouco atrasada nesta festa de consoles Android, já que atualmente o mercado possui aparelhos de empresa como a Gamestick, Ouya, Amazon e em breve a Razer, mas o pior é pensar que até mesmo o Steam já oferece um recurso semelhante que nos permite jogar na TV aquilo que temos no computador.

No fim das contas, é sempre bom ter mais opções, mas acho que algo assim muitas vezes acaba falhando num ponto fundamental, que é o preço. Eu adoraria poder usar a capacidade da minha placa de vídeo para rodar jogos na TV, mas se para isso eu tiver que gastar uma pequena fortuna, prefiro não ter acesso ao recurso.

relacionados


Comentários