Home » Miscelâneas » Google Lança Nexus 7, o tablet "to rule them all"

Google Lança Nexus 7, o tablet "to rule them all"

7 anos e meio atrás

E então saiu a esperada novidade. Ontem, no evento Google I/O (transmitido ao vivo pelo YouTube e acompanhado em tempo real pelo Facebook do Meio Bit), a gigante da internet anunciou o Nexus 7, tablet Android da nave-mãe.

Custando atraentes US$199, ele não é pouca coisa. Com 340 gramas, são 7 polegadas IPS com resolução 1280 x 800 pixels e vidro Corning Gorilla, processador NVIDIA quad-core Tegra 3 de 1.3GHz com 1GB de RAM, 8GB de armazenamento interno, câmera frontal de 1.2 megapixels e Android 4.1 Jelly Bean purinho. Ah, e a Google também promete 10 horas de bateria.

Vem com as conexões de sempre: Bluetooth, WiFi, GPS e até NFC. Tem todos os sensores esperados em um tablet – incluindo um magnetômetro. Há também uma versão com 16GB por US$249 (como todo Nexus, ele provavelmente não terá entrada para microSD). Como desvantagens ficam a falta de uma boa câmera traseira e a falta do 3G/4G.

Google Nexus 7 Tablet

Moreno, barato, poderoso e sensual. Talvez eu seja a solução dos seus problemas...

Mas o que importa aqui não é apenas o lançamento, e sim o objetivo da Google. Em quem eles miraram seus canhões? Uns dizem que foi a Apple, mas na minha opinião o alvo é o Kindle Fire, que como o Pac Man vem comendo o mercado do Android em uma velocidade que a Google não poderia permitir.

Ele é tudo o que o Kindle Fire é, só que muito melhor. Por um preço menor (eu quero muito) ele oferece mais funções, mais hardware e mais liberdade, já que não está preso à nem tão grande loja de apps da Amazon. E além disso, o Google Play, portal de conteúdo da empresa, também passa a oferecer muito mais coisas, como Revistas, Programas de TV, etc. Não é apenas coincidência, né?

Não sei exatamente se a Google chega em boa hora com esse aparelho. Todo mundo já está lançando seus modelos de 7 polegadas, será que esse passa na frente dos outros? E mais, fazendo isso ela não estará pisando nos calos de todas as fabricantes de tablets que utilizam o Android? "Que negócio é esse, meu senhor? Você nos fornece o sistema todo bonzinho, e agora traz seu aparelho mais barato e super potente?" Samsung, Acer e Motorola provavelmente devem ter chiado.

A novidade nessa história é que dessa vez a escolhida não foi a Samsung, que já havia produzido os dois últimos smarts da linha Nexus, e sim a ASUS, que vem fazendo um bom trabalho com seus tablets híbridos com teclado.

Além disso, todo mundo sabe que a grife Nexus é o xodó da Google. Recebe atualizações antes de todo mundo e tem um lugar no coração da empresa. É como o filho deles. Só que se os smartphones (Nexus One, Nexus S e Galaxy Nexus) eram mais direcionados a desenvolvedores e amantes do Android puro e intocado, o tablet Nexus 7 entra no mercado competindo pau a pau com todos os outros existentes.

Barato, potente e brilhante aos olhos do Google, quem vai preferir um Galaxy Tab 7.0 Plus no lugar de um Nexus 7? Eu que não, aliás, adoraria já estar encomendando o meu.

Pra terminar, ainda tivemos um anúncio insano e bizarro, de que o Project Glass, óculos de realidade aumentada do Google, vai realmente sair. E logo no ano que vem, custando a bagatela de US$1500 – apenas para os presentes no evento, magoei. Por essa ninguém esperava, e esse é um daqueles saltos tecnológicos que não vemos desde que Steve Jobs apresentou seus últimos produtos.

Para quem não sabe o que é o Project Glass, confira o vídeo aqui. O vídeo de demonstração que a Google passou no evento de hoje mostra bem menos features do que esse esboço – apenas filmagens, chats e acesso à internet –, mas nunca se sabe o que vem por aí. Começando a poupança para o Project Glass em 3, 2, 1...

Saiba como foi o keynote do Google I/O.

relacionados


Comentários