Games
Games
Digital Drops Blog de Brinquedo

Artista fala sobre jogo do Mario cancelado para o CD-i

Por em 18 de setembro de 2014

Mario-Takes-America

Hoje em dia a Nintendo costuma ser citada como uma empresa que defendem a todo custo suas franquias, usando seus jogos como o grande trunfo de seus videogames e mesmo a possibilidade de ganhar uns trocados liberando-os para dispositivos móveis de terceiros tem sido veementemente rechaçada.

Porém, houve uma época é que essa postura teve que ser um pouco diferente e depois de uma negociação fracassada para que a Philips criasse um leitor de CD para o Super Nintendo, ficou decidido que a empresa holandesa poderia explorar algumas marcas da BigN no seu novo console, o CD-i.

Dessa parceria surgiram alguns dos jogos mais bizarros e desconhecidos da indústria, como três baseados na série The Legend of Zelda, um Tetris e um Mario, mas o que poucos sabem é que outros dois tendo o encanador como protagonista deveriam ter sido feito, sendo que um deles se chamaria Mario Takes America. Nele o personagem viajaria pelos EUA, visitando lugares famosos e para isso ele poderia usar diversos meios de transporte, algo bastante diferente do que nos acostumamos a ver na franquia.

continue lendo

emGames Museu Nintendo

Sem alarde, Final Fantasy IV aparece no Steam

Por em 18 de setembro de 2014

final-fantasy-3

Na semana passada a Square Enix lançou no ocidente o primeiro Dragon Quest e naquela ocasião eu citei como a empresa tem se esforçado para manter viva a memória de seus clássicos, além de explorar a nostalgia dos fãs, é claro. Dessa vez volto para falar de um algo parecido, mas envolvendo a série Final Fantasy.

Sem que nenhum aviso prévio tivesse sido dado, eles passaram a vender no Steam a versão remasterizada do quarto capítulo da sua principal franquia, aquele mesmo que apareceu primeiro no DS e que no ano passado passou a ser vendido na loja do Android.

continue lendo

emComputadores Games Museu

Modder cria novo Donkey Kong Country usando engine do Doom

Por em 17 de setembro de 2014

Donkey-Kong-Country

Sei que quando digo isso várias pessoas sentem vontade de me bater, mas nunca fui muito fã do Donkey Kong Country. Apesar de reconhecer a façanha técnica, o estilo visual dos jogos para o SNES nunca me agradou e mesmo a sua jogabilidade sempre me pareceu estranha. Porém, tenho que admitir que o trabalho realizado por um modder em homenagem a série é algo digno de elogios.

Usando a engine do primeiro Doom, que como todos nós sabemos, sempre teve os jogos 3D como meta, o cara aproveitou os sprites e as músicas da trilogia para criar o Donkey Kong Country DooM, jogo que parece muito com aqueles que foram lançados para o antigo console da Nintendo.

continue lendo

emComputadores Games Museu Nintendo

A empresa que usa o Doom para construir prédios

Por em 16 de setembro de 2014

doom

Usar engines de games para criar maquetes virtuais é algo que tem se tornado cada vez mais comum (aqui e aqui), mas uma empresa situada na cidade de Calgary, Canadá, resolveu levar esse conceito ao extremo ao montar seus projetos na id Tech 1, o kit de desenvolvimento do famoso Doom (sim, o primeiro!).

Tendo se tornado gratuita há mais de 15 anos, a engine foi a escolhida pela DIRTT Environmental Solutions (o nome vem de Doing It Right This Time) para transformar plantas em prédios pré-fabricados e após modificá-la, eles desenvolveram um programa chamado ICE, que ao trabalhar em conjunto com softwares como o AutoCAD, permite aos engenheiros dar vida às criações.

continue lendo

emGames Miscelâneas Museu

Morre criador do clássico Lode Runner

Por em 15 de setembro de 2014

lode-runner

Talvez os mais jovens não saibam, mas nos anos 80 o título Lode Runner representou uma revolução no mundo dos games. O game foi um dos primeiros da história a introduzir a ferramenta de edição de níveis, que fez a alegria de muita gente: afinal era possível desenvolver suas próprias fases e manter o game, que consistia em coletar tesouros de uma mina enquanto cavava buracos para de desvencilhar de inimigos e alcançar novas áreas sempre com um ar de novidade.

Por isso é triste saber que Douglas E. Smith, arquiteto e criador do game tenha nos deixado, com apenas 54 anos de idade.
continue lendo

emCultura Gamer Games Museu

Primeiro Dragon Quest ganha versão para Android e iOS

Por em 12 de setembro de 2014

dragon-quest

Dedicada a tornar mais acessíveis alguns dos muitos clássicos que possui em seu portfólio, a Square Enix segue em sua missão de relançar para tablet e smartphone os capítulos mais antigos dos seus RPGs, e dessa vez o que chegou ao ocidente foi o primeiro Dragon Quest.

Com versões disponíveis para dispositivos Android e iOS, o jogo é uma adaptação daquele lançado em 1986 para o Nintendinho e para que ele se adequasse a tela vertical desses aparelhos, algumas mudanças foram feitas em seu visual e ouso dizer que o game está muito mais bonito do que eu poderia esperar.

continue lendo

emCelulares Games Jogos Museu

Peter Moore fala sobre os 15 anos do Dreamcast

Por em 9 de setembro de 2014

dreamcast

No dia 9 de setembro de 1999, portanto há exatos 15 anos, chegava nas lojas norte-americanas o Dreamcast, console que se tornaria tão amado por vários jogadores e que pouco depois saberíamos que seria o último produzido pela Sega.

Para mostrar toda a gratidão por ter ajudado no lançamento do videogame, o então presidente da Sega America, hoje COO da Electronic Arts, Peter Moore usou sua conta no Twitter para prestar uma bela homenagem ao lendário Dreamcast e gostaria de reproduzir alguns trechos por aqui.

continue lendo

emGames Museu