Curiosidade mórbida e falta de bom senso

Quinta-feira, SeaWorld, nos Estados Unidos. Uma baleia orca matou sua treinadora, Dawn Brancheau, durante uma apresentação. A notícia correu o mundo, e refletiu-se na Internet: em pouco tempo, o assunto já era o mais buscado no Google. E em igual velocidade, as páginas de phishing e rickroll apareceram.

Esse cenário demonstra duas coisas: 1) as pessoas em geral adoram ver catástrofes, sofrimento alheio, coisas ruins; e 2) essas mesmas pessoas, na ânsia de satisfazer esse sentimento macabro, acabam se tornando iscas fáceis para crackers e estelionatários. É assim que golpes são feitos, redes de PCs zumbis são criadas, e todo tipo de malware se dissemina pela Internet. Esse tipo de cracker age mais ou menos como blogger caçaparaquedista: escreve o que o povo quer, e espera as vítimas pegarem sua isca através de motores de busca. Isso funciona. PCs infectados e contas bancárias generosas de caçaparaquedistas são a prova cabal.

morbid-person

Graham Cluley, da Sophos, disse o seguinte:

“É difícil acreditar que alguém queira ver um vídeo de uma terrível morte, mas no momento esse é um dos termos em buscadores mais quentes na Internet. Páginas contaminadas podem aparecer mesmo nas primeiras posições dos resultados de buscadores. Ao acessá-las, avisos saltarão na tela, falando sobre problemas de segurança em seu PC. Esses avisos são falsos, e feitos para enganar usuários no sentido de fazê-los baixar programas peritosos ou mesmo ceder informações do cartão de crédito.”

Em tom de crítica, o vídeo abaixo já foi visto mais de 1 milhão de vezes. Um rickroll bem sucedido:

E se não bastassem o caso acima, um jovem alemão criou um experimento com resultado parecido. Ele criou e começou a distribuir uma ferramenta chamada Gull1hack, que supostamente serviria para fazer jailbreak no iPhone. Uma pá de gente baixou-a sem sequer saber se a dita funcionava, e a executou. Resultado? Nada muito alarmante, apenas uma mensagem do jovem alemão dizendo que queria ver como tanta gente ainda é infectada por malware na Internet. A mensagem dele diz o seguinte (algumas partes foram meio complicadas de traduzir :p ):

Oi… Sou um garoto de 18 anos da Alemanha. Há 4 dias, eu li sobre “broken Apple” e pensei “hey, você pode fazer isso também?”. Eu nunca imaginei que alguém fosse dar bola para minha ferramenta, mas alguém o fez. Milhares…

E agora, eu quero lhe dizer uma coisa: eu sempre me perguntei como os criadores de trojans conseguiam obter controle sobre milhões de computadores-zumbis, trabalhando para eles. E agora eu sei como. Você abriu esse programa sem saber nada a respeito das suas funções ou de quem o produziu. Por quê?

Por favor, pare com isso. Execute apenas programas que você conheça! Eu poderia travar seu Windows, roubar seus arquivos ou apagar completamente seu HD. Para sua sorte, eu apenas abri o Google…

Por uma Internet mais segura!

PS: Você poderá mover seu mouse após 30 segundos!

Em tempo de orkut Ouro causando dor de cabeça e chamandao a atenção, esses dois casos mostram que tal problema não é exclusividade do Brasil. Existe essa mistura de inocência com malvadeza em todo lugar, classe social e país. O caso do iPhone é bem peculiar, pois presume-se que quem tem o aparelho e tenciosa fazer jailbreak nele, deva ter alguma noção básica de utilização de computadores.

Todo cuidado é pouco, então, abra o olho e sempre recorra a amigos e sites confiáveis antes de instalar/usar qualquer coisa em seu PC.

Fontes: Mashable, Tecnoblog.

Autor: Rodrigo Ghedin

Blogger, bacharel em Direito e acadêmico de Sistemas de Informação.

Compartilhar
  • Bullet

    Se fosse no Brasil as pessoas nem leriam o aviso do jovem.

    • Biscouto

      Se fosse o Brasil o cara ira ligar pro suporte falando que tinha dado erro!

  • Simiano

    Não é inocência, é ingenuidade.

  • http://acerva-es.blogspot.com solar1919

    Por falar nisso, cadê o vídeo do Steve Irwin sendo morto pela arraia, sem essa! Ele estava filmando um documentário!

  • crazybyte

    Esse vídeo já era… Estamos esperando o streaming ao vivo do tsunami no Havaí! 

    • Wallacy

      Meu amigo falou que ficou lá horas esperando ver se ia chegar ou não a tsunami!!!

      • thE Masterkey Blaster

        streaming… sempre atrap              al           ha t      udo…

        ____________________

    • doorspaulo

      Rapaiz, é só assistir pelo google earth XD

       

       

  • http://www.youtube.com/femaod femaod

    É a “ingnorância que astravanca o pogresso…”.

    Infelizmente, a maior parte da internet é de usuários assim. A internet resume-se apenas em orkut, MSN e o miguxês.

  • itacbt

    ola,

    Para ter noção da falta de conhecimento é só observar quantos Cybercafé tem a instrição “Acesso a Internet, Orkut e MSN”. Como se a internet fosse só navegar em sites, o Orkut não fosse um site e o MSN não fosse Internet. Ou alguma lógica parecida e desconhecida… 😉

    abracos

     

  • tonywalker

    Se fossem meus clientes me ligariam dizendo que uma mensagem estranha está sendo exibida no computador “do nada”. Também não saberão dizer o que estava escrito (mesmo em português).

    – Você não clicou em nada estranho?
    – Não… o de sempre…
    – ¬¬’

    http://bemquevi.wordpress.com/2009/04/07/como-o-usuario-ve-as-mensagens-de-erro/

  • http://www.edivaldobrito.com.br edivaldo_ma

    É uma mistura de ingenuidade com malicia e falta do que fazer…

  • Paulo Fernandes

    Algumas pessoas simplesmente nem acreditam que isso possa acontecer.

  • Mr.Darkness

    Esse post me lembrou muito umas coisas escritas pelo Cardoso.

  • http://keaton.wordpress.com/ Keaton

    Que idéia genial! Programa que não faz nada além de travar o Windows! w00t. O cara conseguiu agilizar o Windows!!1!

    Falando sério agora, enganar os menos atentos é fácil, enganar os curiosos é ainda mais fácil. Mais fácil que isso só enganar quem quer levar vantagem em tudo.
    Nem sabia que esse fato era recente, mas… todo mundo alerta: quando acontece algo com repercussão nacional ou mundial, fique atento, sempre vai ter uns espiritos de porco tentando enganar os outros para roubar dinheiro ou “DID IT FOR DA LULZ”. :p

    Sério, me divirto com esse povo que cai nas pegadinhas.

  • omine

    uma pessoa que estava na platéia afirmou que a orca atacou a treinadora… voou em cima dela, mordeu o corpo e chacoalhou-a, o que entrou em contradição com o depoimento do diretor do parque, que disse que a treinadora escorregou, caiu dentro da piscina e afogou-se.

    se é boato ou não, é isso que o publico quer ver.. infelizmente é assim.. pimenta nos olhos dos outros é refresco.

    • thE Masterkey Blaster

      ou talvez queiram informação de como/por que um animal treinado e relativamente dócil dá uma de pitbull dos mares e ataca sua treinadora sem objetivo…

      ____________________ <- Uma coisa é certa: a linha! =]

    • Wallacy

      Foi por isso que eu pesquisei, queria saber o que diabos a maldita orca fez, já que todo mundo fala uma coisa diferente.

      Se for para não saber o que realmente aconteceu eu iria ler o jornal da manhã.

    • RicardoHFSP

      É sempre a mesma coisa. Qual que é o desejo coletivo do público em um show onde o risco é de morte? Que a merda aconteça! Simples assim.

      No fundo o ser humano sempre “torce” para que o leão coma o treinador, que a corda do trapezista arrebente. Quantas pessoas não torcem para que o show sai errado?

      Infelismente isso é nosso, é da nossa natureza, esperar pelo pior, ainda mais quando o pior do outro venha a causar o nosso triunfo. Sempre que um usuário do Linux/Unix fuça no Windão o seu maior desejo e que trave, de preferencia por vírus ou  tela-azul, pois assim ele pode dar gargalhadas com a desgraça alheia. O melhor exemplo disso são os “Vídeos cacetada”, é o outro se ferrando para nos fazer rir.

      :(

      • thE Masterkey Blaster

        [quote=RicardoHFSP]O melhor exemplo disso são os “Vídeos cacetada”, é o outro se ferrando para nos fazer rir.[/quote]

        Ahh sei não colega… Uma coisa é o cara ter bom humor e saber rir de si mesmo e de outros… outra coisa é ser sadista… :(

        ____________________ <- Uma coisa é certa: a linha! =]

  • fmpfmp

    Eu não acho que “as pessoas gostam” desse tipo de coisa. O problema é a mídia sensacionalista. Você vê isso todo dia nestes programas policiais que só mostram violência gratuita. É mais fácil fazer uma notícia abordando esse tipo de coisa do que uma que tenha conteúdo e que realmente acrescente algo às pessoas.

    • Cazu

      As pessoas GOSTAM sim desse tipo de coisa. Tanto é que uma das comunidades mais acessadas do orkut é a de profiles de pessoas mortas. O ser humano é mórbido por natureza, junte isso com a curiosidade e você tem uma ótima oportunidade para os crackers.

  • http://www.lordpinguim.blogspot.com lordtux

    Cara é como eu sempre falo quando me perguntam sobre segurança no pc:

    Considere seu computador, seu dispositivo eletronico como uma casa. Você não vai abrindo a porta para qualquer um ou mesmo facilita a entrada de bandidos.

    Pronto, se as pessoas levassem esse tipo de coisa a sério, e passassem a conhecer um micro tão bem quanto conhecem sua casa, esses ataques nunca funcionariam.

    O pior também são esses cursos de informática que eu sempre achei meia-boca, na minha opinião deveriam ser obrigatorio aulas básicas de segurança, pois como o Ghendin disse acima, o que mata mesmo é a inocência do pessoal, e eu convivo com pessoas assim, elas não tomam medidas de segurança por que não querem,mas por que não saberem que devem tomar.

     

    O governo mesmo em tempos de inclusão digital, deveria incentivar esse tipo de coisa, mas fazer o que né, leis no nosso pais são feitas por politicos e não por tecnicos.

    • http://www.naopensoporemexisto.wordpress.com Josemar

      Informática abordando  o básico de segurança da informação devia ser assunto de ensino fundamental ou médio, junto com  educação para o transito. Mas no Brasil isso é só um distante sonho.

  • http://www.webprincipiante.com/ Rafael Avelino

    Acredito que as pessoas se acostumaram a tragedias,tanto que nos telejornais as primeiras noticias são desse tipo.

    Só não sei qual tem maior audiencia de tragedias ou fofocas.

    Quanto a este caso é  curioso saber que a própria treinadora foi morta pela baleia que treinava,nunca tinho ouvido falar disto e se não fosse seu blog nem saberia que ocorreu este caso…

    Abraço!

  • http://centoeum.vai.la francovski2

    Pra mim foi mais curiosidade mesmo, simplesmente para ver a reação das pessoas na hora que aconteceu o acidente (ou seja, eu procurei pelo vídeo também). Mas acredito que esse é mais um exemplo do porque não devemos deixar trancados animais (ainda mais do tamanho de uma baleia). 

    Eu já havia visto uns videos antes chocantes de pessoas  levando choques elétricos (e infelizmente mostra elas morrendo nos vídeos).

  • http://www.tecnosapiens.com.br raphaelbluteau

    As pessoas gostam de ver desgraça mesmo, é fato.

    Tem gente por exemplo que vai a show do Calypso!

    • shimatai

      Best comment ever! Hahahahaha….

  • Kifimbo

    É a cultura do bizarro, do sensacionalistmo, não é a toa que programas que se utilizam de matérias fortes e sem conteudo dão mais audiencia que outros que possuem alguma coisa de noticia.

    E sobre as pessoas executarem programas sem saber o que se trata, é “Always next” imperando

  • shimatai

    Ontem no Fantástico mostrou um especialista falando o provável motivo da orca ter matado a treinadora e achei bem plausível.

    Na visão dele, não foi um ataque e sim uma insistência em continuar com a brincadeira que a treinadora estava fazendo com ela, mas como esse animal não tem noção da força que tem e nem de que o ser humano é extremamente frágil no ponto de vista da orca, ela acabou por matar a treinadora ao puxá-la (pelos cabelos) para dentro da água e segurá-la pelo quadril.

    • Wallacy

      Faz sentido, meus cachorros são igualzinhos… Tenho 2 Rottweilers e eles vivem me derrubando, fora que a patada do bicho doi pra caramba. Porém toda vez que eu falo “ai” eles saem pra longe, depois voltam me “lambendo” como se fosse para “sarar”…

      Não brinco muito com eles por isso, não sou lá muito forte, no final eu sempre me dou mal.

      • tonywalker

        2 Rottweilers? :) Mesmo que você fosse forte.

      • shimatai

        É o mesmo que acontece com o urso, que por instinto tem medo de lobos, mas mal sabe o urso que uma simples patada pode dividir um lobo ao meio.

  • leocavadas

    Usuários experientes tb caem nessa, não são apenas usuários comuns…depende muito de algumas variáveis em jogo como: Nível de similaridade de um site conhecido, coincidência com a resposta a um email enviado que tenha um assunto generico, nível alcoolico no sangue, etc…