ad

Finja surpresa: sabe a Notícia da NASA… Não eram ETs

hype

Menos, caras, MENOS.

Todo o Hype que a mídia criou em cima da coletiva da NASA não acabou com a divulgação dos fatos, neste momento os portais estão com o Raio Especulador no 11, distorcendo tudo que os cientistas apresentam. A BBC por exemplo já decretou praticamente que há vida em TRAPPIST-1. Outros sites, como a imagem acima demonstra, então nem se fala.

Vamos então, aos fatos.

A notícia

Em maio de 2016 foi divulgado que o programa TRAPPIST, que usa aquele conjunto de telescópios europeus no Chile identificou 3 possíveis planetas pequenos em volta de uma estrela a 40 anos-luz da Terra. O sistema foi batizado de TRAPPIST-1. Agora astrônomos usando o telescópio espacial Spitzer refinaram as observações e descobriram mais quatro planetas.

É um sistema solar compacto, a estrela é pequena e fria feito coração de ex, com 0,08 massas solares. O planeta mais próximo, TRAPPIST-1b tem um período orbital de pouco mais de 1 dia terrestre. O mais distante, TRAPPIST-1h tem período de uns 20 e poucos dias.

planeta1

Qual a curiosidade?

Desses planetas três estão dentro da Zona dos Cachinhos Dourados, como chamamos a zona habitável. É um termo cheio de significado mas que na prática significa apenas que a temperatura na região permite a existência de água líquida. Por causa disso dizer que pode conter vida é o mesmo que eu achar um vale do McDonald’s e dizer que por causa disso a Luciana Vendramini pode aceitar meu convite para jantar.

Qual a vantagem?

Exoplanetas mais próximos são mais fáceis de estudar, podemos colher dados sobre suas atmosferas, coisa que o Hubble vem fazendo com o sistema TRAPPIST desde 2016. Normalmente só conseguimos esse nível de detalhe com gigantes gasosos.

planeta2

Qual o real significado:

Cientistas, incluindo minha terapeuta defendem a tese de que no Universo coisas pequenas são muito mais comuns do que coisas grandes, mas em astronomia temos um viés de confirmação invertido, já que coisas grandes são mais fáceis de se enxergar do que coisas pequenas. A lógica diz que planetas pequenos e rochosos são muito mais comuns, mas nossas observações não apóiam isso.

O consenso é que não enxergamos planetas pequenos por isso ser difícil, só que ciência não se baseia em bom-senso e fé. É preciso observação, experimentação. Ao encontrar 4 planetas pequenos de uma vez, demonstramos que estamos ficando melhores nisso, e que a futura colonização da galáxia é viável.

Gigantes gasosos são ótimos como decoração, mas morar neles é incômodo demais. Nada supera um planeta com chão firme e acharmos assim fácil outro sistema solar com mais planetas rochosos que o nosso é um ótimo sinal.

O que não é extraordinário…

Exoplanetas não são novidade, confirmados temos 3.560 em 2.671 sistemas estelares. Para dar uma idéia do que é isso, a Federação Unida dos Planetas em Star Trek tinha… 150 membros. Nossa humilde ciência já ultrapassou em muito os sonhos da ficção científica.

Exoplanetas rochosos também não são inéditos, se você for na lista de planetas e procurar por massas de 0,004 júpiters ou abaixo, vai achar uma penca. A graça é acharmos vários de uma vez só no mesmo sistema solar. Isso diminui nossa posição de especiais no Universo, mostra que somos comuns, corriqueiros, mas isso é ótimo.

Afinal, que bela bosta de Universo seria esse se o que houvesse de mais especial fosse a gente…

planeta4

Último Alerta:

Você vai notar que o post foi ilustrado com imagens do Kerbal. São tão válidas quanto TODAS as imagens que você está vendo nos portais e vai inevitavelmente ver no Fantástico. Sabe como se parece um exoplaneta para um cientista? Assim:

curvadeluz

Fonte: NASA.

Leia também:

Relacionados: , , , ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz e Calcinhas no Espaço.

Compartilhar
  • E pensar que giz me lembrava a escola… parece que o jornaleiro dali cabulou aula.

    • Danchio

      Que maldade… rsrss

    • Shots fired!

    • Nossa tese é de que o pessoal não voltou desde o carnaval do ano passado e sobrou apenas o estagiário de lá pra postar… =P

  • leoncral

    Eu estava me contendo em clicar nesses sites. Na minha mente era: vou esperar o MeioBit.

    • Flávio Simões

      Nunca vale.
      Nas palavras do próprio Carlos Cardoso, o Mussum “O Universo é incrível em sua infinita diversidade em infinitas combinações, Ele não precisa que a gente minta para promovê-lo”

    • achsanos

      Teve até Doodle, ó que fofinho: https://www.google.com/doodles/seven-earth-size-exoplanets-discovered

    • Carl Segão

      Clica nesse aqui, pode confiar:

      http://mensageirosideral.blogfolha.uol.com.br/2017/02/22/astronomos-encontram-sistema-planetario-com-sete-mundos-rochosos-quica-habitaveis/

  • Matheus

    Depois que comprei o Kerbal minha meta se tornou montar um PC Master Race pra rodar essa belezinha no máximo. O Cardoso bem que podia colocar no YouTube sua peripécias no jogo.

    • PugOfWar

      Cara, na missão de alcançar a órbita, fiz a frenagem e esperei pelo atrito começar a fazer efeito, vi um amanhecer lindo nas montanhas de gelo pena que não tirei screenshoot

  • Cocainum

    Agora é só olhar nos mapas vulcanos para ver quais são da classe Minshara.

    • PugOfWar

      Não sei em qual artigo disseram que era Class-M de Mars, deve ter sido no Discovery huahuahua

  • A Lhama Fantasma

    Mas Cardoso a primeira imagem tá no próprio site da NASA, ou ele é um daqueles sites institucionais que largam na mão dos datilógrafos?

    • Unfear

      NASA sempre usou ilustrações também, se a Voyager a recém está “saindo” do sistema solar quem tirou a foto de nossa galaxia? Ela faz isso para que Simios como eu, possam sonhar( e também não ficar reclamando que meu dinheiro está indo para o espaço e não para as escolas).

      Há fotos que na realidade está meio errada, de uma certa forma, pois as cores foram agrupadas com as informações de vários espectros, mas no olho nú seria uma foto preta e branca e boa parte da informação seria invisível, como os pilares da criação por exemplo.

      • Diego

        Os Pilares dá Criação não são visíveis a olho nú?! =O

        • Unfear

          Sim é visível sim, procura por “The art and science of space photography” e da uma lida que você vai entender

          • Diego

            Ufa, obrigado por pela dica. Irei procurar aqui! Valeu! o

    • O (ex)Datilógrafo da AEB

      Faço meu trabalho com muito orgulho.

  • Matheus Vieira

    Caraca, nunca fui a Jool. Já pousei em Eve, Moho, mas sei lá pq nunca fui em Jool .-.

  • Antonio Carlos da Graça Mota D

    40 anos luz?
    Será que dá tempo do Hubble filmar o Woodstock deles?

    • DumbSloth87

      Woodstock foi a 47 anos e meio atrás, já passou. Mas em setembro tem a Voyager 1 deles sendo lançada!

  • cquintela

    “Sabe como se parece um exoplaneta para um cientista? Assim:”

    That’s a penis!

    • Claudionor Buzzo Raymundo

      MATLAB manda lembranças…

    • Encontrar estes planetas deve ser do caralho!

  • Bruno

    Vi um comparativo de tamanho e essa estrela é um pouco maior que Júpiter. E tem planetas maiores que Júpiter.

    Ou seja, existem planetas maiores que essa estrela? É isso ou entendi errado.

    • Cristiano.ferr

      tamanho não é documento. A densidade da estrela importa muito.

    • achsanos

      Não. Acima de um certo patamar de massa são estrelas, abaixo, planetas. Júpiter é um planeta grande, a estrela de TRAPPIST é uma estrela pequena.

      • Luiz

        estrelas fazem fusão geralmente, não?

        • achsanos

          E planetas não. É a principal diferença.

    • Icaro Kossmann

      Sim, existem planetas maiores que essa estrela, gigantes gasosos. O que não transforma esses planetas em estrelas é que apesar de serem maiores, tem menos massa, logo não iniciam o processo de fusão nuclear que geralmente caracteriza uma estrela.

  • Marks William

    Fiquei o dia inteiro aguardando a postagem do MeioBit e como sempre, não me arrependi. Thanks!

    • Daniel

      2..na verdade estava trabalhando e não deu pra ficar xeretando na internet, mas acho que conta também kkk

  • Daniel

    Depois daquele post de esclarecimento do Cardoso, agora automaticamente ao ler exoplanetas automaticamente já vem os gráficos na mente, não aquelas ilustrações parecendo Lineage…^^

  • Hemeterio

    Aparentemente no nosso Grupo Local, temos um colar de perolas de planetas. Tal qual as ilhas da Polinesia, que de grao em grao os caras chegaram ao Chile, parece que uma eventual colonizacao vai ser possivel sim. E da mesma forma que os navegadores, essa colonizacao vai demorar milenios – seculos, va – e tempo suficiente pros colonos esquecerem de onde vieram.

    • PugOfWar

      Império Galáctico?

  • Deni Carson de Souza

    Pra que desafio do balde de gelo?
    Se o Cardoso põe água na farinha dos “grandes” portais e suas notícias caça cliques.

  • Alexandre Salau

    Outra coisa útil sobre este sistema é que por ser uma estrela MUITO fria fica mais fácil estudar os planetas por eles ficarem menos ofuscados.

    • Luiz

      Não se iluda, ainda é uma estrela, é muito quente para seu beiço, não vai tentar beber ela igual um cafe superquente.

  • Mauricio Porto

    “Cientistas, incluindo minha terapeuta defendem a tese de que no Universo coisas pequenas são muito mais comuns do que coisas grandes…”. Que senso de humor!!! Top!!!

    • Luiz

      Ue, mas não são Ciencias Humanas?

  • Pingback: Nada de ETs… – Ciência Paranóide()

  • Carlos Mafort

    Batizaria esses planetas com os nomes Orval, Chimay, Westvleteren, Rochefort, Westmalle, Achel e Koningshoeven…

  • Carlos Wagner

    Vamos fazer um jogo, cada vez que o Cardoso citar a Vendramini a gente toma uma dose.

    • Islan Oliveira

      Não existe tanto álcool assim no mundo…

      • Paulo de Tarcio Santos Freiri

        E eu não quero trabalhar em uma plantação de cana de açúcar para ter que cobrir essa alta demanda.

        • Meninão Bobo

          Deveriamos fazer algo quanto a isso, quem sabe fazer uma capanha Vendramini janta com Cardoso

          • Davi

            Vocês ainda não sacaram que o Cardoso repete tanto o nome dela para, caso ela resolva digitar o próprio nome no Google, ela acabe caindo aqui no Meio Bit “só por curiosidade de saber quem fala tanto nela”… Nada mais é que um plano para conseguir o jantar, quem sabe dentro de uma década um ou menos.

    • jorgearkano

      acabei de tomar uma! serio.

    • PugOfWar

      Ta louco, vou morrer em uma semana assim

    • Zalla

      uma vez mandei uma foto pro cardoso, estava almoçando em uma mesa ao lado da Vendramini, só pra zoar..
      mas ele já explicou que existem duas vendraminis a de verdade e a musa inspiradora, se se encontrarem o universo acaba

  • Joao Carlos

    As massas jamais podem saber em que categoria elas estão, deixe que vejam os espelhos, a caixa é sempre confortante,

  • Claudio Roberto Cussuol

    Dos sete, pelo menos uns 3 devem ter Stargate.
    Agora só falta achar o nosso.

    • Está enterrado em Gizé, o discador é só pegar o reserva que está na Antártica…

  • Odilon Costa Neto

    Meiobit e Cardoso acabando com o sonho molhado dos nerds desde 2004. XD https://uploads.disquscdn.com/images/a05cecacd1aabe42d9947cfcb185d82e4d6d5654e09455f285f5060cbd152bd6.jpg

  • Odilon Costa Neto

    E se houver vida, o que estamos vendo é um vislumbre do passado desses planetas. Então se tivesse vida selvagem hoje já pode ter civilização, ou se já tivesse civilização poderia já ter entrado em colapso ou saído do planeta…As variáveis são várias.

    • Se houver vida, no caso desse sistema ali.. Estamos vendo 39 anos no passado, pois está a 39 anos luz daqui 🙂

    • Thiago

      Errr não… em 39 anos (tempo que a luz refletida naquele planeta demorou para chegar aqui e ser vista por nós) a vida selvagem não evolui para uma civilização. Nesse caso não é um vislumbre tão remoto.

    • Em 40 anos? Trump se elegeu por lá?

      • Odilon Costa Neto

        Kkk boa

  • Julio da Gaita ✔

    “Afinal, que bela bosta de Universo seria esse se o que houvesse de mais especial fosse a gente…” CARDOSO. Carlos.

    lembrei dessa:

    “Each of us is full of shit in our own special way. We are all shitty little snowflakes dancing in the universe.” BLACK. Lewis.

  • O mais próximo gira em 1 e o mais distante em 20 dias ao redor da estrela? CARACA, mas isso que é sistema compacto!!!

  • Glauber Silva

    Ok, então não tem vida. Mas eu tentava a sorte com a Luciana Vendramini. O não você já tem, kra ..

  • Fabricio Costa

    Eu sempre quis saber como era a visualização da “informação” enviada dos satélites que expressava os exoplanetas, valeu muito a reportagem!!!!

  • Mario Junior ✓ᵛᵉʳᶦᶠᶦᵉᵈ

    TRAPPIST-1

    Pelo visto quem deu esse nome curte uns traps.

    • PugOfWar

      Qual vc prefere:
      trap-01b, trap-01c ou trap-01d?

    • Ou cerveja boa de verdade, o mais provável.

  • Higor Queiroz

    os caras fazem 50 anos de idade mas não deixam de babar a luciana, pqp

    • doorspaulo

      E quem em sã consciência deixaria?

    • PugOfWar

      Já vai fazer 30 anos que ela posou pra playboy

  • Sandmantj

    BTW o anuncio de novos planetas tem acontecido bem recentemente, ha
    poucos anos. antes se nao me engano so era possivel detectar estrelas.

  • Oberaldo Gilmentoo

    Ao encontrar 4 planetas pequenos de uma vez, demonstramos que estamos ficando melhores nisso, e que a futura colonização da galáxia é viável.
    Demonstramos que (…) É viável ???!!
    Cardoso, v. não está forçando muito, não? |:-)

  • Thiago Hipólito Migliardi

    Achei por acaso esse post. Tb não conhecia o MeioBit. Finalmente algo lúcido no meio de tantos lunáticos. Parabéns pela matéria!! Simplesmente perfeita.
    Abraços

  • Onemaster

    Só acho que deveriam melhorar as escolhas para os nomes dos planetas. Trappist-1 é um nome legal para o sistema, vamos usar a criatividade igual para os vagantes, Alderan, Kripton, Ceti Alpha V, todos bons nomes disponíveis.

  • Marcos Calicchio Vianna

    Quando ví Jool, Laythe e Dune, eu tive certeza que era Kerbal!!!
    Gostei da reportagem, mas já gaster muito da minha vida em Kerbal e fiquei ultra feliz de ver as foto aqui! 😀

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis