Tentáculos online: Naruto e outros animês chegam por streaming oficial ao Brasil

exatos dois anos, o tio Laguna desejava um serviço de streaming de animês no Brasil que exibisse tal tipo de conteúdo na íntegra e com o menor atraso possível em relação à transmissão no país de origem (Japão). Pois bem, o dia chegou: ontem, 1º de novembro, o Crunchyroll Brasil iniciou as transmissões simultâneas licenciadas de animês para o Brasil, que terão legendas em português em cada novo episódio transmitido por streaming no PC, Android, iOS e também no PlayStation 3 (o pessoal do XBox 360 terá de esperar um pouco).

Laguna_Crunchyroll3_02nov2012

Só faltava o XBox 360 na festa!

Neste início, o Crunchyroll Brasil oferecerá a transmissão simultânea dos episódios inéditos de animês como Naruto Shippūden, Bleach e Gintama que estiverem passando lá no Japão. O serviço brasileiro promete um atraso de alguns minutos em tal transmissão simultânea por streaming, necessários para que a equipe de tradução oficial disponibilize a legenda em português.

Quanto ao acervo, o Crunchyroll (que nome difícil!) terá animês relativamente recentes, então por enquanto não veremos Shin Seiki Evangelion, Dragon Ball (Z/GT) e os Cavaleiros do Zodíaco por lá tão cedo. Se bem que eu acho estranho não ver nem menção aos animês atuais que representem tais franquias, no caso os filmes da série Evangelion Shin Gekijōban, o remake Dragon Ball Kai e a nova saga Saint Seiya Ω.

Laguna_Crunchyroll2_02nov2012

Crunchyroll representa alguma ameaça ao Netflix?

Sobre o preço, o usuário premium do Crunchyroll Brasil pagará R$ 9,90 por mês para assistir aos desenhos nipônicos em 1080p sem quaisquer anúncios, enquanto há a opção de ser usuário não-pagante e baixar na net assistir a alguns episódios em qualidade SD repletos de anúncios.

O pessoal do Portallos chegou a assinar o serviço e experimentá-lo, mas o tio Laguna ainda está bem indeciso sobre assinar esse Netflix cheio dos tentáculos: eu pagaria para ver One Piece, rever Cowboy Bebop e Yu Yu Hakushô, só que a maioria dos animês que desejei no passado eu já vi de outras formas e talvez o Crunchyroll me valha a pena quando o acervo aumentar. E meu tempo livre também.

Relacionados: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Autor: Emanuel Laguna

O “tio Laguna” nasceu no Siará em meio à Fortaleza de 1984. Sempre gostou de brincar de médico com os aparelhos eletrônicos e entender como um hardware dedicado a jogos funciona, mas pretende formar-se como Engenheiro Eletricista qualquer dia. Antes apaixonado pelos processadores gráficos desktop, vê nos smartphones, tablets e outras geringonças mobile o futuro da computação.

Compartilhar
  • Muito Massa! Assinei no inicio do ano, vou repensar se dou um voto de confiança! =)

  • Finalmente, heim? Já tem uns 2 anos que saiu essa notícia, e estou esperando desde então 😀

    • Poizé, finalmente veremos legendas em português no Crunchyroll depois de tanto boato… Lembro que quando o Netflix chegou no Brasil, diziam que o CR chegaria rápido. 🙂

  • só de haver streaming de animes, é um ótimo sinal! agora é torcer que o serviço melhore.

  • Humberto Henrique

    Preço muito bom mesmo, vamos ver a qualidade.

  • Não ter qualquer coisa de cavaleiros do Zodiaco mostra que o serviço presa qualidade. Que serie horrorosa… E olha que quando tinha meus 12 anos eu curtia… tem certas coisa que envelhecem muito mal.

    • Tu já assistiu ao Saint Seiya Lost Canvas? Acho a melhor série derivada do Cavaleiros do Zodíaco. 😉

      • Lost canvas é a melhor obra do Kurumada e mesmo assim sofre com a assinatura dele ( redundante, enrolação e etc). Mas o melhor é que tanto o manga quanto anime não são desenhados por ele. O cara é total sem talento nesse aspecto.

        • Juju

          Lost Canvas não é obra do Kurumada,ele não ajuda em nada no roteiro e o anime foi cancelado(ainda bem) eles vão animar ano que vem a continuação oficial do autor que é Next Dimension bjss

    • Juju

      Aff não conhece nada e fica falando,sabia que vão lançar filme em computação gráfica 3d ano que vem? também esta lançando varios jogos etc,e é só espera o mestre terminar o mangá q vão fazer anime de next dimension então n fale do que vc não conhece ok??? cdz tem 25 anos e continua na moda enquanto esses animesinhos novos q vcs pagam pau logo serao esquecidos

      • Quantos 10 anos voce tem? Eu tenho 33 e assisti cavaleiros dos zodiacos no auge da serie. Pra epoca foi boa mas evelheceu mal. Eu não sou é saudozista que so pq gostou de algo no passado tem que gostar ate o fim da vidfa.

  • To gostando do rumo que a coisa ta tomando. Daqui um tempo vamos pagar varios “netflixes” por aí…
    Finalmente a TV a cabo que eu escolho a programacao esta se tornando real.

  • As traduções, por enquanto não estão tão boas assim… Gintama, por exemplo, é um anime que acompanho faz anos, não gostei da legenda do CR, vou continuar com os fansubs nacionais ou então ver dos fansubs estrangeiros, ainda não vale a pena pagar pelo serviço. Mesmo eles dizendo que a tradução do JP é isso ou aquilo, tem que ter certa coerência, ou seja, é preciso adaptar as falas para nossa língua, como as editoras de mangás fazem.

    O pagamento também serve para ver o anime uma ou duas horas após exibição no Japão, não assinantes terão que esperar alguns dias para ver.

    Pra mim não faz muita diferença, eu gosto de baixar os arquivos, se a vinda do CR para o Brasil garantir a vinda dos BDs também, eu ficaria feliz.

    • Opa, dependendo do animê, se a legenda não estiver ok, eu nem pagaria pra ver… Mas o serviço ainda está no começo, então acredito que vá melhorar esse aspecto desde que os assinantes façam sua parte e exijam melhor cuidado com a tradução e adaptação. B-)

      • Engraçado de pessoas comentando em legenda sem terem qualquer noção de japonês ou até reclamando porque são acostumadas com as más traduções dos fansubs.

        • Exatamente por não ter noção de japonês eu quero que as falas estejam coerentes… e me poupe, se você gosta de pagar por qualquer coisa… enfim, se é pago tem que ter qualidade sim, os fansubs fazem de graça, a gente não paga… deles sim, não tem porque reclamar, já que estamos usufruindo de um serviço free e mesmo assim tem gente que reclama, agora quando se oferece um serviço pago, tem que ter qualidade, dinheiro não nasce em árvore… pelo menos não o meu… se eu vou pagar pelo serviço eu quero um serviço bom. E nem todo fansub tem traduções ruins, isso é generalizar e muito.

      • As legendas estão Ok, o que o pessoal reclama é que os fansubs inventam muito (fazem tradução da tradução) e são analfabetos.

        • Devem estar reclamando daquelas frescuras que os fansubs teimam em não traduzir ou adaptar. Termos como nee-san (irmã mais velha… ou irmã e ponto), nii-chan (irmãozinho) ou até mesmo o famoso baka (idiota, besta, otário, imbecil, etc). Devem estar sentindo falta daquelas notas explicativas que fansub adora usar para pagar de “entendido da cultura japonesa”, ao invés de simplesmente adaptar o termo para algo equivalente ao que seria dito no Brasil. Afinal, tradução também envolve adaptação 😀

      • Acho que vale a pena pagar agora, mesmo o serviço não sendo ideal, pra incentivar os investimentos.
        Além do mais, 9,90 é dinheiro de pinga… Vale a pena

    • Kira

      para de reclamar… aff..

  • Keaton

    TV por Assinatura chiando em 3… 2…

    • Se tivesse algum canal passando anime, eu até acreditaria nisso. Mas como o animax que era a ultima sobra da sobra (e olha que só repetia coisa velha a exaustão) e agora virou canalzinho de series de aborrecente sem cérebro, eu tenho certeza que a tv paga tá pouco se lixando pra exibir anime.

      • Keaton

        Po, até a animax? =S

        • Zabbath

          O Animax tinha um potencial e tanto. Infelizmente colocaram uma diretoria que avacalhou com o canal, colocando mais e mais sériezinhas pra adolescentes e deixando os animes em segundo plano.

          O golpe final aconteceu ano passado, quando o canal mudou de nome pra Sony Spin e limou completamente os poucos animes que restavam na grade.

  • Ae Laguna, uma coisa tem que ficar clara (ou algumas coisas).
    A maioria do público de anime, o grosso do pessoal que assiste por aqui, acompanha as séries e está mais interessada em lançamentos atuais. Séries antigas por enquanto é possível assistir por “outros meios”. Com o tempo o acervo vai crescer, mas só assim mesmo, com o tempo, tem que esperar.

    Agora a parte mais importante é que: algumas séries NUNCA estarão disponíveis no Crunchy, NUNCA.

    Existem várias empresas que trabalham com animes, e elas dividem as licenças assim como acontece com os mangás. O Crunchy não é a única dessas empresas no jogo que oferece streaming de animes, e o Crunchy só tem os direitos de exibição dos mesmos. Por isso muitos animes que poderiam estrar lá não estão, pois são de propriedade de outras empresas, principalmente o Funimation.
    O acervo do Crunchy é bastante grande só que algumas pessoas vão dar por falta de um e outro anime, e cada um deles precisa ser licenciado para exibição local.
    Entretanto não temam! Santo Seiya Ferradura faz parte do acervo do Crunchy,

    • Neste 2013, talvez eu chegue a assinar o Crunchyroll quando eu estiver enjoado do Netflix: é algo que ainda não aconteceu por falta de tempo, mas imagino que a maioria use o Netflix como complemento à TV paga pois substituí-la ainda acho complicado.

  • Karls Gomes Silva

    Muitas pessoas, e digo muitas mesmo, cresceram com a cultura do fansub, de poder baixar e guardar seus animes preferidos la nos confins do HD, e duvido muito que haja uma adesão grande a este serviço, talvez se mostrarem qualidade e disponibilizarem animes que sejam populares por aqui, vingue, senão, será um serviço que poucos usarão.

    • O mesmo discurso foi aplicado quando a iTunes Store surgiu: “As pessoas estão acostumadas a comprar seus CDs, levá-los para todo lado, não vão pagar pra não ter um cd”, Quando o Netflix apareceu “quem vai pagar pra ver um negócio online podendo baixar?”… É cultura e cultura muda. Eu mesmo sempre fui viciado em anime, e poder ver LEGALMENTE é uma coisa que me atrai. Tô fazendo a assinatura agora.

      • Karls Gomes Silva

        Por isso disse que o serviço tem que ser de qualidade. Itunes veio com isso, um serviço de qualidade que facilitava a aquisição de musica, mas não misture as coisas. Itunes você compra e baixa, streaming não, pense nisso. Quem gosta de baixar o anime e assistir em casa não vai ficar somente nessa de streaming.

        • E me diga, qual a diferença? Pra assistir sem estar conectado a internet? Eu prefiro mil vezes assistir séries no Netflix do que baixar e assistir. MUITO mais cômodo.

        • PS: Eu tô usando as duas semanas grátis que disponibilizam e o serviço parece muito bom.

    • Eu pagaria bem mais que isso pra parar de ver traduções ridículas como “não pode ser ajudado” (it can’t be helped) 4 vezes por episódio, na época que eu não sabia inglês.

  • Timóteo André

    Ja uso o crunchy desde o americano, pagando em real agora? pode contar comigo.

    E a assinatura do netflix permanece, adoro os dois serviços o

  • Keaton

    O Battousai ainda tem emprego na censura dos animes ou eles vão passar completo?

  • Keaton

    O Battousai ainda tem emprego na censura dos animes ou eles vão passar completo?

  • Pingback: Twitch desembarca no Xbox 360 « Meio Bit()

  • Pingback: Kevin Spacey pede aos executivos de TV para que abram o olho para as novas tecnologias « Meio Bit()

  • Pingback: Agora sim vou assinar o “Netflix dos animês”: Crunchyroll traz One Piece para comemorar 1º ano no Brasil()