Home » Games » E3 2020 é cancelada devido ao surto de coronavírus

E3 2020 é cancelada devido ao surto de coronavírus

Preocupações acerca do surto de coronavírus levaram ao cancelamento da E3 2020. Organização estuda realizar evento online

11/03/2020 às 13:11

E o coronavírus acaba de fazer mais uma vítima: a E3 2020 (Electronic Entertainment Expo), uma das maiores feiras de games do planeta, acaba de ser cancelada pela ESA (Entertainment Software Association), associação responsável pela organização do evento.

Entrada da E3 2017 / e3 2020

Os boatos em torno do cancelamento da feira circulavam desde a noite desta terça-feira (10). A Devolver Digital, através de sua conta no Twitter, recomendou a seu seguidores que "cancelassem seus voos e hotéis para a E3". Na manhã desta quarta-feira (11), fontes entraram em contato com diversos veículos, como Ars Technica e Bloomberg, de memorandos internos direcionados a parceiros, avisando do cancelamento.

Levando em consideração que o número de casos de coronavírus nos EUA está elevado (mais de 1.000 confirmados) e o acionamento da Guarda Nacional, a ESA considerou ser mais seguro cancelar o evento. No comunicado oficial, a organização afirma que tomou a decisão "após uma consulta cuidadosa com as empresas associadas, sobre a saúde e a segurança de todos na indústria – consumidores, parceiros, colaboradores e expositores".

No entanto, a ESA informa que está "explorando opções" para "coordenar uma experiência online" para abarcar anúncios da indústria, principalmente de novos jogos e hardware. A Microsoft, que garantiu presença na E3 2020, deveria revelar mais detalhes a respeito do Xbox Series X, seu próximo console.

Vale lembrar que a manutenção da E3 é posta em cheque desde que várias empresas começaram a se desmembrar do evento (Nintendo, EA, Blizzard e recentemente Sony, que fará o anúncio do PS5 em seus próprios termos), mas não há como negar que o coronavírus é o real motivo por trás do cancelamento.

Esta é apenas mais um evento cancelado por causa do coronavírus, que já vitimou a MWC 2020, a GDC 2020 (Game Developers Conference), o Facebook F8, o Google I/O e o SXSW. No Brasil, o evento do Google que reuniria cerca de 10 mil mulheres também rodou.

Microsoft BUILD, Apple WWDC e SDCC podem ser os próximos

Se concentrando em eventos a serem realizados nos Estados Unidos, os próximos que correm risco de serem cancelados são o Microsoft BUILD (de 19 a 21 de maio de 2020), o Apple WWDC (geralmente nas primeiras semanas de junho) e a San Diego Comic-Con (entre 22 e 26 de julgho de 2020). Além disso, há dúvidas quanto a própria realização dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

No Brasil, embora mais distantes, há eventos como a Brasil Game Show (de 9 a 13/10) e a CCXP (primeiras semanas de dezembro), que poderiam ser afetados caso o surto de coronavírus não seja controlado até lá. De qualquer maneira, é melhor prevenir do que remediar e, no geral, empresas e organizadoras não estão dando chance ao azar.

Com informações: E3Expo.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários