Samsung apresenta o Galaxy Note8, com câmera dupla e display de 6,3″

galaxy-note8-001

Ele chegou: depois de vazar de tudo quanto é jeito a Samsung revelou nesta quarta-feira (23) o Galaxy Note8, seu mais novo top de linha com um design inspirado em seus irmãos menores Galaxy S8/S8+, mas com características próprias como a inédita (para a fabricante) câmera dupla com zoom óptico.

O hardware do Galaxy Note8 é exatamente igual ao revelado nos recentes vazamentos: temos um aparelho poderoso equipado com duas opções de SoCs: os norte-americanos receberão um modelo com um Snapdragon 835 da Qualcomm, octa-core Kryo fabricado no processo de litografia de 10 nanômetros e dotado de quatro núcleos de 2,35 GHz, quatro de 1,9 GHz e GPU Adreno 540; já a versão global conta com o Exynos 8895 da Samsung, octa-core também de 10 nanômetros com quatro núcleos Exynos-M1 de 2,3 GHz, quatro Cortex-A53 de 1,7 GHz e GPU Mali-G71 de 20 núcleos.

De resto tudo igual: 6 GB de RAM, versões de 64, 128 e 256 GB de armazenamento interno (expansível até 256 GB via Micro-SD) e um belo e enorme display Super AMOLED curvo nas laterais, de proporção 18,5:9 e resolução de 2960 x 1440 pixels (521 ppi) que ocupa quase toda a parte frontal, já que tal qual seus antecessores ele não possui botões físicos (o Home é acomodado sob a tela).

galaxy-note8-002

A bateria do Galaxy Note8 é inferior à presente no pirotécnico Note7, contando com apenas 3.300 mAh mas compatível com Quick Charge 2.0 e carregamento wireless rápido; ainda não há informações de quanto tempo uma carga completa consume mas segundo a Samsung, o Note8 possui autonomia de 22 horas de funcionamento mantendo conversas em 3G ou de 74 horas tocando música; claro que quando se trata de testes reais a coisa muda, então não levem muito esses valores a sério.

A caneta S-Pen ficou mais esperta: além de detectar 4.096 pontos de pressão ela agora pode traduzir frases inteiras, fixar notas no display Always On e traduzir moedas; a Samsung promoveu um grande foco em produtividade com o Note8 principalmente por sua grande área útil conferida pela tela avantajada e a caneta mais precisa, ainda que ela seja a única fabricante que ainda vende um smartphone com o acessório. Ah, tanto o smartphone quanto a S-Pen possuem certificação IP68, conferindo contra poeira e mergulhinhos acidentais.

O conector permanece USB-C, compatível com USB 3.1 para alegria daqueles que querem transferir dados em alta velocidade; a porta P2 estéreo permanece (ouviu Apple?) e ele conta com versões Single ou Dual-SIM (esta novamente com bandeja híbrida com Micro-SD), além de Bluetooth 5.0, NFC, A-GPS, GLONASS, BDS e GALILEO.

A principal novidade fica por conta do conjunto de câmeras duplo na parte traseira, ambas com 12 megapixels e estabilização óptica de imagens: uma delas é uma grande angular com abertura ƒ/1,7 e autofoco dual-pixel, e a outra com abertura f/2,4 e suculento zoom óptico de 2×; o conjunto conta com Flash LED Dual-Tone, HDR e capacidade de filmar em 4K a 30 fps. Já a câmera selfie conta com 8 MP, abertura ƒ/1,7; autofoco, auto-HDR, scanner de íris e pode captar vídeos em 1440p (Quad HD ou 2K) em 30 fps, nada mau.

galaxy-note8-004

A parte mais polêmica permanece sendo o leitor de impressões digitais: por decisões de design MUITO questionáveis a Samsung mais uma vez o posicionou ao lado das câmeras na parte de trás, o que para fins práticos é um pesadelo na hora de desbloquear o aparelho ou utilizar a biometria para outras funções; durante meus testes com o Galaxy S8+ raríssimas foram as vezes em que acertei a posição do leitor de primeira, e na maioria das ocasiões eu era forçado a virar o aparelho para ver onde estava colocando o dedo (quase sempre na câmera).

O Samsung Bixby, o polêmico assistente pessoal da Samsung se faz presente mais uma vez e conta com um botão dedicado como ocorre na linha S8, mas ele ainda é bastante incipiente: embora tenha sido finalmente disponibilizado em mais de 200 países, ele só fala coreano e inglês (e ele levou um tempão para aprender). Imagine fazê-lo entender o nosso português, uma língua onde a gente calça a bota e bota a calça.

Para completar o Galaxy Note8 é compatível com o DeX, aquela estação de trabalho que transforma os flagships da Samsung em desktops completos.


Samsung Galaxy Note8: Official Introduction

Agora vem a dolorosa: a pré-venda no Reino Unido já começou e o modelo de 64 GB está saindo por £869,00; nos Estados Unidos a oferta oficial só abre amanhã, mas redes como Best Buy já fazem reservas por US$ 929,99, o que corrobora em parte o rumor de que o Galaxy Note8 seria o primeiro smartphone a romper a barreira dos mil dólares. De qualquer forma o aparelho só chegará oficialmente às lojas no exterior a partir do dia 15 de setembro, e ainda não há previsão de lançamento por aqui. No entanto não esperem por menos de R$ 5 mil.

Fonte: Samsung.

Relacionados: , , , , , , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Profissional de TI auto-didata, blogueiro que acha que é jornalista e careca por opção. Autor do Meio Bit e Portal Deviante, podcaster/membro fundador/Mestre Ancião do SciCast e host/podcaster do Sala da Justiça.

Compartilhar