Home » Games » Miscelâneas » Mads Mikkelsen fala sobre Death Stranding e Hideo Kojima

Mads Mikkelsen fala sobre Death Stranding e Hideo Kojima

Ator que interpretou Hannibal Lecter diz que não entendeu o enredo do Death Stranding e conta como acabou indo parar na criação do jogo.

3 anos atrás

Recentemente Mads Mikkelsen esteve na edição da Comic-Con realizada na Arábia Saudita e ao participar de um debate no evento, o ator mais conhecido por interpretar o Hannibal Lecter na série para TV falou sobre como tem sido trabalhar com Hideo Kojima. Por lá ele contou sobre como acabou indo parar na criação do Death Stranding, além de revelar que também não sabe exatamente do que se trata o enredo.

O Kojima se aproximou de mim para esse videogame e eu não sabia do que se tratava. Então o [diretor] Nicolas [Winding Refn] me disse quem ele era e perguntei ao meu filho ‘você o conhece?’ E então meu filho disse ‘papai, você é louco, você precisa fazer isso!’ Me encontrei com o Kojima e ele foi simplesmente maravilhoso, uma pessoa carismática; um gênio em sua área.

 

Ele estava tentando me explicar todo o enredo do jogo e era tão elaborado que, quero dizer, me perdi, mas quero aprender mais. É uma grande honra estar lá.

Já sobre o processo de atuação em si, Mikkelsen disse que tem sido diferente do que está acostumado a fazer no cinema, com as capturas de movimentos acontecendo sempre em salas todas verdes, com fios presos na cabeça e centenas de câmeras registrando tudo. Porém, o game designer tem participado das gravações e feito com que os atores se sintam bem a vontade.

Do lado de cá, eu só posso tentar imaginar o quão chocante deve ser para alguém da indústria do cinema e que não conhece games ser chamado para participar da produção de um jogo, algo que possivelmente essas pessoas ainda imaginam se tratar de um brinquedinho, estando muito longe dos enredos complexos eventualmente encontrados na sétima arte.

No caso de Mads Mikkelsen esse impacto deve ter sido ainda maior, afinal agora ele está trabalhando com alguém conhecido pelos roteiros tanto malucos quanto extremamente complexos de suas obras. Porém, se o dinamarquês aceitou o desafio, acredito que ele tenha acreditado no projeto, que não custa lembrar, ainda contará com a participação de Norman Reedus e Guillermo del Toro.

Fonte: The Scapist.

relacionados


Comentários