Home » Mercado » Apple e Samsung somam nada menos que 106% de lucros com os smartphones

Apple e Samsung somam nada menos que 106% de lucros com os smartphones

Apple e Samsung foram as únicas fabricantes a lucrarem com smartphones no segundo trimestre de 2016. A sul-coreana tem inclusive aumentado sua participação nesse quesito. Por que será?

3 anos atrás

Laguna_iPhone_6S_Galaxy_S7_peq

iPhone 6S e Galaxy S7 (crédito: Forbes)

Mais um ano que segue e a situação permanece quase a mesma: apenas a Apple e a Samsung lucram no setor de smartphones. A diferença é que a Apple lucrou menos e a Samsung lucrou mais que no segundo trimestre do ano passado.

A Canaccord Genuity compilou uma bela tabela sobre os lucros das principais fabricantes do mercado mobile. Observem o segundo trimestre de 2016.

Laguna_Smartphone_Profit_Share_Q2_2016

A Apple conseguiu 75% dos lucros do setor mobile. A Samsung, conseguiu outros 31% no segundo trimestre de 2016. Somando as duas únicas empresas que obtiveram lucros, temos um total de 106%.

Como é possível? O cálculo de lucros do setor também leva em conta o prejuízo, então as outras empresas foram responsáveis pelos 6% negativos, de prejuízos.

HTC, Lenovo e LG conseguiram – 1% de lucros cada. Já a Microsoft é responsável por – 2% de lucros do setor mobile. BlackBerry e Sony não obtiveram nem lucro nem prejuízo. As várias outras fabricantes (não listadas), responderam pelo outro – 1% de lucros.

A Apple já respondeu no passado por mais de 90% dos lucros do mercado de smartphones. O que houve para a Samsung conseguir expandir os lucros com o passar do tempo?

Bom, o tio Laguna arrisca dizer que talvez a sul-coreana esteja cortando gastos “desnecessários” em seus aparelhos. Um comparativo de velocidade entre o mais recente smartphone da Samsung e o “velho” iPhone 6S mostrou algo bem interessante.


PhoneBuff — Galaxy Note 7 vs iPhone 6S Speed Test

O Galaxy Note 7, mesmo tendo o dobro de memória principal (RAM), conseguiu ser mais lento que o iPhone 6S. Isso fora o facto de o Note 7 usar o Snapdragon 820 em vez de alguma solução própria da Samsung (Exynos).

Aliás, esse processador da Qualcomm é litografado pela própria Samsung. É muito estranho um processador mobile tão recente ter desempenho inferior ao concorrente de quase um ano atrás. Outra coisa que poderia explicar a lentidão: a Apple usa interface NVMe entre o SSD e o processador, enquanto a Samsung usa uma mais comum, com maior latência.

É, talvez isso explique o lucro crescente da Samsung: estão investindo cada menos na otimização dos próprios smartphones. SarcMark

Também não ajuda a Apple finalmente tirar o escorpião da carteira e gastar em mais memória de armazenamento, algo que talvez impacte nos lucros do próximo trimestre.

Em vez de 16 GB como modelo básico, aparentemente o iPhone 7 começará nos 32 GB. Os investidores e acionistas não gostam desse gasto “desnecessário”, mas nós consumidores agradecemos!

Fontes: ZDNet via The Next Web, BGR.

relacionados


Comentários