Home » Meio Bit » Hardware » A Balada da Ventoinha

A Balada da Ventoinha

O cidadão resolveu limpar a ventoinha do laptop, algo que deveria ser simples, mas descobriu que era um inferno chegar até ela. Fez então o que todo mundo faria: compôs uma canção.

6 anos atrás

redneck_pc

Eu confesso, tenho um certo receio com laptops. Já tive alguns, hoje o MacBook está nas últimas, e não pretendo comprar um novo. Talvez, se o Almeida (aquele amigo imaginário que me dá presentes com meu dinheiro) se animar muito, pegue parte do bônus de Natal do Meio Bit e pegue um Air de 11 polegadas, mas meu negócio é desktop.

Sou o que se chamava de micreiro, do tempo em que homens eram homens e configuravam IRQs e DMAs na mão. Meus PCs sempre foram, nas palavras de desprezo de um suporte da IBM, “montados”. A facilidade de trocar qualquer peça quebrada, fazer upgrades à vontade sempre me atraiu, e era o que não gostava em laptops. Hoje troca-se no máximo memória e HD, na maioria dos modelos, mas outras tarefas do dia-a-dia são quase impossíveis.

O excelente exemplo do cidadão do vídeo abaixo envolve algo rotineiro: Limpar a ventoinha de refrigeração. No PC a gente abre a tampa, arranca a danada, mete um pincel (ou usa lata de ar comprimido, se você for rico) e em 5 minutos está tudo limpo no lugar.

No caso do laptop, demorou mais um pouco, assista:

No final ele fala que vai comprar um Mac, mas acredite: Já desmontei o meu, e não é tão diferente.

Notebooks não foram feitos pra ser desmontados por quem não está ganhando dinheiro pra isso.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários