Cientistas bombardeiam cachaça com Raios Gama. O que poderia dar errado?

hulk drinking

Brincadeiras à parte, conservação de alimentos sempre foi um grande problema. Por isso desenvolvemos técnicas de salgar carne, ressecar frutas, pasteurizar leite, embalar a vácuo e aplicar conservantes.

Todas essas técnicas visam matar os microrganismos responsáveis pela decomposição dos alimentos, sem alterar a composição dos mesmos. É uma briga perdida, mas há uma técnica que consegue resultados excelentes, atacando os microrganismos com algo que odeiam: pagode radiação.

Há vários métodos. Um deles utiliza uma bomba de Cobalto-60 para irradiar os alimentos com Raios Gama, altamente penetrantes (ui!). Eles atingem o DNA dos micróbios, bacilos, fungos e insetos presentes nos alimentos, barbarizam com esse DNA e os bichos morrem horrivelmente. O DNA do alimento também é afetado, mas como tirando comida japonesa é provável que o alimento já esteja morto, não fará diferença.

O material irradiado não fica contaminado, pois a energia dos Raios Gama foi toda gasta destruindo o DNA maligno, e dependendo da potência virtualmente 100% dos agentes contaminantes são eliminados.

Hoje no mundo são irradiadas 500 mil toneladas de alimentos anualmente, e o Brasil é um dos grandes usuários do processo. Agora a USP está pesquisando um efeito colateral bem interessante: Irradiação com Raios Gama acelera muito o envelhecimento da cachaça, assim não é preciso esperar meses ou anos para ter um produto de qualidade.

Testes identificaram que o sabor da cachaça irradiada é indistinguível da envelhecida normalmente, o único senão é que não há mudança na coloração da bebida. O custo é baixíssimo, uma tonelada de cachaça pode ser irradiada por R$50,00.

Uns dizem que é trapaça, mas se o sabor é o mesmo, qual a diferença?

Em meados do ano passado o processo estava em fase de degustação na USP, com um grupo de 40 pessoas. Conhecendo minha raça (cachaceiros, não cientistas) ainda devem estar degustando. Pela Ciência!

Fonte: CH

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz, Calcinhas no Espaço e Do Tempo Em Que A Pipa do Vovô Subia.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples