Nave secreta da Força Aérea dos EUA volta depois de 1 ano no espaço

yesnostemosumanave

Lembram da nave espacial secreta que a USAF revelou ter, como se fosse algo rotineiro, e que já havia voado em 2010? Pois é. Eles tem mais de uma, e outro vôo do X37-B (sério, eles precisam pensar em nomes mais chamativos) terminou uns dias atrás, depois de 469 dias no espaço.

A nave é e não-tripulada e minúscula, ou então a Força Aérea tem os maiores técnicos do planeta:

omaiortecnicodanasadomundo

Isso não é problema, ela não foi projetada para fazer parte do Programa Espacial do Condado, e sim para… ok, ninguém sabe.

Em termos de avanço o X37-B é a primeira nave totalmente automatizada, podendo ser programada para decolar, cumprir sua missão, sair de órbita e pousar, sem nenhuma intervenção externa. A Força Aérea é gente boa divulgando fotos e vídeos, mas não abre NADA sobre “a missão”.

469 dias é tempo pra caramba, muito mais que o necessário para testar qualquer coisa, então o papo de “vôo de teste” não cola, e mesmo tirando o pessoal do chapéu de papel-alumínio, as especulações correm soltas. Há acusações de “militarização do espaço” (dãããã é uma nave da Força Aérea) a gente dizendo que o X-37B leva armas nucleares.

Isso não faz muito sentido, desde a invenção do ICBM. Uma hipótese melhor é que a nave seja usada como plataforma de observação, carregando uma razoável quantidade de câmeras e sensores, com muito mais liberdade de manobra do que um satélite, que tem combustível limitado e não pode ficar variando de posição toda hora.

Outra idéia é justamente essa, que o X37-B faria serviço de reabastecimento de satélites, enchendo os tanques de propelentes dos Key Hole, que assim como a Força Delta, não existem. As capacidades dele estão bem dentro das órbitas dos satélites espiões.

A minha preferida é que o X-37-B é uma plataforma de ataque contra satélites inimigos. É muito, muito caro lançar um satélite e poucos países possuem backups, principalmente dos espiões. Já existe tecnologia para derrubar do solo um satélite, como demonstrado por este belo vídeo da Marinha dos EUA…

MyMoldyOldie — Navy Destroys Failed Spy Satellite

…mas nem sempre há um Destroyer Aegis na região onde o satélite está passando, e eles não conseguem compensar mudanças orbitais súbitas. Uma nave espacial minúscula como o X37-B pode ficar a algumas centenas de quilômetros de distância de um satélite e, se necessário, lançar um míssil certeiro, sem nenhuma complicação de mecânica orbital envolvida em um lançamento do solo.

Seja qual for o mistério, fica pior ainda por estar sendo contado pela metade. Antigamente não sabíamos de nada, projetos inteiros eram 100% secretos, aviões como o SR-71 só apareciam depois de prontos, hoje divulgam vídeos como o pouso do bicho:

AIRBOYD — X-37B Lands At Vandenberg (2012)

Essa divulgação, claro, não é para nossa alegria.

No começo dos Anos 80 a National Geographic publicou uma série de fotos do delta do Nilo, mostrando via infravermelho canais de irrigação soterrados por séculos. Só que as fotos não eram da NASA, como divulgado. Eram dos satélites espiões da NSA, e um recado aos russos, mostrando que mesmo enterrados, conseguiriam encontrar os silos de ICBMs soviéticos.

Tempos depois os russos responderam à altura; publicaram fotos da Área 51, cuja existência até então havia sido sempre negada pelos EUA.

Ao divulgar que possuem capacidade de lançar naves não-tripuladas com extrema autonomia, e que ainda por cima possuem mais de uma, os EUA estão mandando um recado certeiro para alguém. QUEM? Boa pergunta. Eu acho que é a Dilma.

Fonte: Defense Tech.

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz, Calcinhas no Espaço e Do Tempo Em Que A Pipa do Vovô Subia.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples