KodakCoin — jogada de mestre

kodakcoin-kodakone

O mundo pertence ao Bitcoin. Ou pertencia. Com o estouro lucrativo da moeda virtual muita gente começou a prestar atenção à esse tipo de atividade. Até quem não entende nada sobre isso (como eu) já está dando opiniões e planejando investimentos. Gente largando o emprego e apostando todas as economias na rentabilidade das novas moedas. Pois bem, o mundo é feito de mudanças e novidades.

Agora, empresas perceberam que entrar na moda das criptomoedas pode ser extremamente lucrativo e ainda dar uma valorizada no preço de mercado das companhias. Foi o que a Kodak (ou quase) fez ontem. A empresa anunciou que estava entrando nesse novo mercado criando um serviço de registro, licenciamento e proteção de direitos autorais para fotógrafos e que os lucros dos licenciamentos seriam pagos com a nova moeda criada pela empresa, o KodakCoin.

O novo serviço será chamado de KODAKOne, e será um livro de contabilidade digital criptografado de direitos. Os fotógrafos poderão registrar fotos novas e antigas para o serviço e licitá-las usando a plataforma. Estamos falando de um enorme serviço de registros, onde você pode utilizar os serviços da empresa para confirmar a autoria de uma imagem e vender os seus direitos de uso, ou cobrar os direitos de quem está utilizando suas imagens de maneira ilegal. O KodakOne também vai fazer varreduras constantes na internet à procura de imagens registradas por seus clientes e que estejam em uso indevido e dará suporte para que os direitos sejam cobrados. Todas as transações internas de vendas e cobranças de direitos autorais serão feitas em KodakCoin.

Em 2012 a Kodak decretou falência nos Estados Unidos e para conseguir se erguer vendeu suas patentes de imagem por US$ 525 milhões. Em 2013 a empresa saiu da bancarrota e começou a licenciar sua marca (com 129 anos de tradição) para terceiros. E é nesse ponto que está o pulo do gato. A responsável pelo serviço do KodakOne e o lançamento da KodakCoin é uma empresa chamada WENN Digital que apenas licenciou o uso do nome da Kodak. A empresa de George Eastman provavelmente não está envolvida diretamente com tudo isso. Mas, esse fato não impede a Kodak de faturar alto com o anúncio.

Por anos as ações da Kodak perderam preço na bolsa de valores. Ontem, antes do anúncio da criptomoeda, a ação da Kodak era negociada por US$ 3,10. Hoje, ao abrir o pregão, o valor já estava em US$ 13,27. Uma valorização de 320%. Nada mal para uma empresa que anda meio esquecida.

E o negócio é uma boa?? Não sei. Ter empresas especializadas em registro, comercialização e fiscalização de direitos de imagens é uma boa em qualquer lugar. Mas, a necessidade de criar uma moeda para as transações é algo desnecessário. Mas, chamou a atenção e deixou investidores malucos. Então cumpriu a função de fazer barulho.

Relacionados: , , , , , , , ,

Autor: Gilson Lorenti

Geógrafo de formação e fotógrafo de coração, comecei a fotografar com 18 anos de idade (antes disso nunca tinha pegado uma câmera na mão). Depois de muito estudo veio a carreira profissional que passou por várias modalidades da fotografia até realmente descobrir o que gosto de fazer. Hoje me dedico ao ensino de fotografia, fotografia Fine Art e Books Fotográficos (gestante, moda, sensual). Tomando emprestado as famosas palavras de Ansel Adams “Quando as fotografias não forem mais suficientes, me contentarei com o silêncio”.

Compartilhar
  • Bruno Renostro

    daqui uns dias cada pessoa na terra tem sua criptomoeda….não vejo a hora dessa bolha estourar para as placas de video voltarem ao preço normal

    • Zalla

      ou então somente algumas sobreviverão e acabarão por derrubar o dólar que em algum momento saírá do seu trono..

    • Ivan

      E terão milhares de placas usadas a preços bem convidativos

      • Danilo

        Eu não arriscaria comprar uma GPU de segunda mão que foi usada pra minerar… uma GPU mineradora fica a 100% por meses, se for AIR cooler então, ctz que a placa ficou a mais de 80 graus por meses.

        • Sergio Fagundes

          Minha placa tem air cooler, 25% de over na GPU e 33% na memória. Com aircooler ela nunca passou de 70°C mesmo em jogos mais pesados.

          • EmuManíaco

            ja vi gente minerando dentro de gavetas de guarda roupa. deve passar dos cem

          • Danilo

            Que isso… a minha GTX 670 travava bonito nos 82 graus (limite especificado da placa) quando eu rodava algo pesado.

            Agora to com um notebook, nem preciso dizer que o bichinho sofre no Pubg, né? rs

          • Badbass55

            Nossa veio sua 670 certamente tinha algum problema, a minha roda até hoje (sem over ou modificações) e rodava x-plane a 30 fps (quase um milagre se pensar que o cpu é um 860 da primeira geração do i7) nunca vi ela travar e olha que ela trabalhou um bom tempo com um gabinete impróprio ahhahahahah

          • Danilo

            Mas roda a qual temp? Ela nunca deu problemas, ela só ficava a 82 graus quando estava em 100%, e sei que isso por longos anos, danifica a placa.

            Ela está viva e funcionando até hoje, mas não tenho mais o Desktop rs.

      • Urso Azul

        Porra, que tesão!

      • EmuManíaco

        e funcionando mal

        • Ivan

          Por causa de terem sido muito utilizadas ou pq sofreram modficação?

          • EmuManíaco

            both

    • Pai De Santo

      Amén, irmão, amén!

      Estamos juntos nessa.

    • Sergio Fagundes

      Com a bolha estourada placas de vídeo voltam ao preço normal e com os processadores inseguros (dá para desligar os patches em software que os tornam seguros e recuperar os 5 a 30% perdidos) sendo vendidos mais baratos vai dar pra montar aquela máquina pra jogar Crysis no medium.

      • Bruno Renostro

        Será que intel abaixa de preço por causa dessas falhas??só se for no exterior pq no Brasil….queria fazer upgrade do meu i3 4th gen para um i5 mas o preço tá muito caro

        • Sergio Fagundes

          No momento não porque ainda não surgiu uma nova geração “limpa” e que o povo vai ter que vender o corpo na augusta por um mês inteiro pra pagar a diferença de preço. Mas assim que começar a surgir os processadores corrigidos eles vão precisar se livrar de estoques.

        • EmuManíaco

          4 anos se passaram. vende o kit e compre um kit novo.

          • Bruno Renostro

            Com esse preço das memorias ddr4 la nas alturas?sem falar que é um saco ter que vender, ficar sem pc e depois montar outro…

          • EmuManíaco

            vc só tem um pc? nem um note quebra galho? a vida é feita de escolhas a da intel é de não produzir e baixar preço de hardware legado.

          • Bruno Renostro

            tenho dois, pc pra jogos e note pra trabalho…mas o foda é ficar sem os jogos, sem trabalhar até vai kkkkkkkkkkk

      • Badbass55

        Como assim veio, to com a 1060 6gb com Crysis no full em um core i7 da primeira geração>
        Ta certo que ele ainda continua com gráficos espantosos superando muitos jogos atuais ahhahaha, mas já foi o tempo que o hardware não conseguia rodar ele ahhaha

    • Claudio Torres

      Várias 1080 a preço de banana. Nunca torci tanto pra uma bolha estourar.

    • Meganegão
  • Na verdade isso é Genial. O melhor uso que existe para uma Blockchain é justamente o registro público de propriedade. Se o projeto for conduzido como se deve, tem muito potencial.

    • Pobre Sofredor

      Ou Irá falhar miseravelmente, já que o povo que é entusiasta de cryptos desconsidera a existência de propriedade intelectual.

      • Não generalize… Eu curto criptomoedas e acho ok a Propriedade Intelectual. Tem muita gente que está nessa somente pela característica de reserva de valor e não está nem ai para ideologias libertárias.

      • DanielBastos

        Mas é obrigado a usar cartórios.

        Troque fotos por documentos que vc tem um uso fantástico pra tecnologia.

        Isso tem potencial de eliminar cartórios

  • Hemeterio

    No começo da República, muitos coronéis do Nordeste criaram suas moedas. Tecnicamente eram “vales”, mas circulavam como tal. O lastro eram sacas de café ou bois. Eram aceitas pela simples razao de que o Estado nao chegava no interiorzao. Pouca coisa mudou.

    Nao sei mais detalhes, mas ai o governo finalmente acordou e reprimiu tudo, como de praxe. Essa farra de crypto vai ter sua cripta (ra!) na mao de uma mega rolada regulatoria.

    Curisoso como o mundo vai virando o livro Diamond Age. Mega empresas com moeda e exercitos proprios e otras cositas. Nao reclamos nao. Orbis non sufficit.

    • Bruno do Acre – (Etevaldo)

      10/10 na piada da cripta.

    • Danilo

      Uma das idéias das cryptos é anonimato.. certo? Seria difícil uma regulamentação efetiva devido a esse contraponto? (Pergunta sincera).

      • Hemeterio

        Aí não sei.

      • Vinicius Alves Gomes

        Não é o anonimato (tecnicamente a compra e venda é rastreável), mas sim a desnecessidade de um banco central, que surgiu basicamente para juntar as ordens de pagamento dos diversos banco regionais, padronizando o lastro, diminuindo o risco de por seus lucros em qualquer lugar.

        • Danilo

          Ué.. ouvi falar que tecnicamente a compra e venda não são rastreáveis (anônimas), ficando marcado (inserido no blockchain) só as Wallets da transação, ninguém sabe de quem é a wallet ou o que tem dentro.
          Mas desconheço a fundo, só to repetindo o que já li na internet, feito papagáio de pirata rs

          E perguntei pq fiquei curioso mesmo, pq não consigo imaginar o Brasil tendo capacidade de controlar a moeda se ela for quase irrastreável, ainda mais que agora tem cartão pré-pago que pode ser “enchido” com bitcoins.

          Vamos aguardar os próximos capítulos dessa novela rsrs

          • Felipe Braz

            Se não usar nenhum trader (transferir direto de wallet pra wallet), de fato não é rastreável. Mas como os traders pedem teus documentos (inclusive os internacionais), e certamente mantém registros de quem comprou e quem vendeu, o governo acaba ficando a um processinho de ter as informações das transações se precisar identificar alguém.

          • Danilo

            Saquei! Obrigado

          • Vinicius Alves Gomes

            O que impede o controle dela, não é a capacidade de rastrear ou não os usuários, mas a impossibilidade de criar moeda ao bel prazer por banco central, tipo controlar a inflação – liberar FGTS para movimentar a economia 2017 Br, controlar o preço dela para beneficiar exportação…

          • Vinicius Alves Gomes

            A outros caso alem dos que envolvem processos, no Br a 2 impedimentos, para algo assim acontecer – 1ª os sistemas ainda não são unificados e 2ª o cadastro positivo precisa de declaração pessoal, para ser usado.

          • Felipe Braz

            Mas não impede, por exemplo, do mpf, receita, etc abrir um processo contra um trader pra saber quais as movimentações do fulano de tal, cpf número tal.

          • Vinicius Alves Gomes

            Se for seguir pela legalidade, sim impede, por ex. No Pr a nota fiscal eletrônica, a lei que a criou impede do seu banco de dados ser usado pela receita federal. A lei que criou o cadastro positivo, impede o pedido de qualquer requisição caso não tenha ocorrido a liberação pessoal, logo para o mpf ou a receita processar vai ter que fatos do crime para um juiz libere a quebra de sigilo bancário, por ex. alguém compra um imóvel por 500k, vende por 400k e o IPTU cobra por um de 1 milhão, fora o ITBI.

          • Felipe Braz

            “mpf ou a receita processar vai ter que fatos do crime para um juiz libere a quebra de sigilo bancário”
            Ou seja, não impede, só cria uma barreira.

          • Vinicius Alves Gomes

            E o que é impedimento além de uma barreia natural ou não? im=negativa, ped=pedir… conheço um monte de empregada domestica que ganha acima dos 2k, nenhuma nunca pagou IR… o que impede a receita de ir atras dela é a falta de provas, muito por causa dos impedimentos legais ao acesso dos bancos de dados e também porque elas recebem em especie, não depositam, criando assim um impedimento sobre o que a receita possa tratar como lucro e cobrar IR e abrir um processo de cobrança para verificar a possibilidade sem nem ter indícios.

          • Felipe Braz

            Bom, dai chegamos num ponto que vamos discutir o ponto de vista sobre o significado de uma palavra, então é melhor encerrar por aqui.

          • Vinicius Alves Gomes

            Vc que colocou que impedimento tem que ser algo magico para impedir algo de ocorrer… coloquei leis como barreiras, burocracia e circulação de moeda por meio físicos de como impedir uma fiscalização.

          • Felipe Braz

            “Vc que colocou que **impedimento** tem que ser algo magico para **impedir algo de ocorrer**.”
            lol

          • Vinicius Alves Gomes

            De forma alguma, vc pontuo que todo meu argumento é só uma mera barreia. Porem citei 2 leis, fatos, logo só é possível inferir que vc quer uma proteção total, magica ou divina, o que no nosso país não ocorre, claro seguindo dentro da legalidade.

          • Felipe Braz

            meu ponto é:
            Transferindo diretamente de wallet pra wallet sem interferência de terceiros (traders) é sim impossível de rastrear.
            Usando terceiros (traders), podem até haver barreiras (note que em momento algum entrei no mérito do tamanho nem da dificuldade de transposição das mesmas), mas é sim possível chegar até as partes envolvidas.

          • Vinicius Alves Gomes

            comentário 6

          • Felipe Braz

            comentário 354

      • Lui Spin

        Se criminalizar, vai ser igual a qualquer crime.

        Você não é obrigado a se identificar quando comete um crime. Mas se alguém te denuncia, ou a polícia desconfia e começa a te investigar, você pode ser preso e processado pelo estado por isso.

        • Teclado sem acento

          Boa sorte em provar se pessoa X ou Y utiliza criptomoedas.

          • Lui Spin

            Não falei em nenhum momento que é fácil. Muito menos sou a favor disso.

            Mas com investigação, consegue sim. A polícia monitora, pega seu histórico, prints de conversas, confisca seu computador, hd externo, etc.

            Enfim, criminalizar não vai ser bom para quem utiliza não. Não vai ser inócuo.

          • Teclado sem acento

            Fora que criminalizar pode fazer eh o efeito oposto, aumentando o valor, da moeda no local, uma vez que a demanda continuaria alta mas a oferta ficaria dificil por conta da ilegalidade. (meio o que ocorre com as drogas, quanto mais apertam o cerco, mais caro ela fica o que incentiva ainda mais a venda da droga)

          • Felipe Braz

            O maior problema que eu vejo nisso é que os traders (tanto nacionais como internacionais) pedem uma montanha de documentação pra que o usuário possa utilizar as plataformas. A não ser que todo mundo faça transações de (insira o nome de uma das mais de 1000 criptomoedas aqui) sem o uso de traders, acaba ficando perfeitamente rastreável pro governo.

          • Teclado sem acento

            Isso sim eh verdade.

            Pra poder comprar e vender Bitcoins, tive que mandar trocentas fotos minhas segurando documentos -_-

          • Felipe Braz

            E se o documento for muito pequeno, eles podem não autorizar. =P

          • Teclado sem acento

            ( ͡° ͜ʖ ͡°)

            Sim, eles gostam do documento bem grande e visivel em detalhes

    • Vinicius Alves Gomes

      Isso era qualquer país até meados do sec. XIX… o Bacen tem 53 anos, o banco central inglês é de 1947.

    • Pobre Sofredor

      As pessoas criticam o que desconhecem.

      • RSPeres

        Então por favor, ajude a elucidar os ignorantes e eu me incluo.

        • Pobre Sofredor

          Te pergunto, algum governo conseguiu regular a internet? Nem a china conseguiu fazer isso com seu Great Firewall.

          As gravadoras com seus advogados, juízes e a mão pesada dos tribunais do estado conseguiram acabar com o mp3? O torrent? Ou a pirataria?

          Se proibirem só tornarão as moedas mais caras, elas são intrinsecamente melhores que qualquer moeda estatal, mesmo surgindo uma nova todo dia, mas essas são irrelevantes ao mercado.

          Para mais informações, leia artigos, livros e etc. sobre agorismo, libertarianismo e/ou anarcocapitalismo.

          • Alvaro Carneiro

            Obrigado por sua opinião pessoal, mas o rapaz continua aguardando esclarecimentos.

          • tuneman

            e quando/como o usuario poderá sacar e usar essa “fortuna”?
            não tem valor nenhum enquanto não vira dinheiro de verdade que paga luz e agua.

          • Vinicius Alves Gomes

            Não necessariamente, essas moedas são derivativos, ou seja, é como apostar em um luta de boxes na Inglaterra, é uma ótima forma de especular (apostar) se ela sobe ou não, mas não tem um valor real, tipo arroz, petróleo, lastro… porem a tecnologia que a criou é outra coisa. A bolha imobiliária EUA de 2008, levou entorno de 30 anos para estourar, foi por causa de derivativos, o banco tinha 1000 financiamentos, dividia em blocos de 100 e vendia ele na bolsa como algo seguro, pq a maioria pagaria os financiamentos e por ai foi criando outros derivativos… até que quebraram… o mercado americano é hj o que tem menos regras.

    • Alvaro Carneiro

      – “Pouca coisa mudou.”.

      Muita coisa mudou, antes existia o lastro, hoje não existe mais.

      Antes uma moeda valia o lastro, hoje vale a fé em que as pessoas depositam nela.

      Mudou muita coisa.

      • Guilherme Batista

        Moedas fiat são lastreadas com a produção de riquezas do seu país de origem.
        Ou do uso de armas, como nos USA

        • Carlos Magno GA

          Lastro serve pra evitar o governo de gerar notas infinitamente.

          A produção de riqueza de um país não é lastro porque a inflação não tem nenhuma correlação com o PIB: você pode ter PIB negativo e inflação (no caso, o agregado M2) positiva.

          A única coisa que “lastreia” a moeda fiat é Inflação ser ruim, logo os governos tendem a evitá-la.

      • Guilherme Batista

        Bitcoin sim tem valor de fé

  • bruno torrente

    Para mim o melhor uso da tecnologia blockchain ´são iniciativas como essa, veja cartorios sendo substituidos em alguns paises ( na verdade neste momento em paralelo mas em via de substituição nos proximos anos )

    • Vinicius Alves Gomes

      Vai nesse, o cartel… o mesmo que em Sp ou Pr (exemplos que conheço) cobra o triplo por pedidos online?

      • DanielBastos

        Claro.

        Cartórios são imposicoes estatais. Com um cartel oficializado pelo governo.

        Dependendo da finalidade da empresa, se perde muito dinheiro/tempo com cartórios.

        Pra muitas empresas, faz sentido pagar mais pra não deixar um funcionário na fila e ter um pouco mais de agilidade.

        E como os cartórios estão vendendo a facilidade pra dificuldade que eles mesmos criaram, cobram mais.

        • Vinicius Alves Gomes

          O interessante é que tirando o cartorário, que não tem salario, tudo é privado.

      • bruno torrente

        E por esse e outros motivos que não acredito em soluções vindas do estado e seus relacionados, assim como em outros casos se faz necessario surgir da iniciativa privada ( empresa ou grupo de individuos ) soluções, assim como no caso do Bitcoin e seus derivados, Uber e afins.

        Tecnologia existe falta se tornar simples e de uso comum, como foi o UBER , Arbinb nos ultimos anos.

  • Teoricamente parece uma boa ideia, vamos ver na prática

  • Luiz Augusto

    Investir em novas tecnologias no mercado fotográfico, não. Tentar lucrar em outra área já saturada, sim. Vai ter sucesso sim amiguinho pode apostar, num vai dar prejuízo não.

  • Eric da Silva

    massa! usar a blockchain pra isso é genial! se for mesmo blockchain… acho que no futuro todos os registros civis, certidões e autorias serão registradas dessa forma.
    não vai demorar para empresas oferecerem o serviço para ebooks, áudio e vídeo também. imagine poder aferir a autoria e validade de um arquivo em qualquer lugar do mundo!!

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples