Olympus E-P2 lançada oficialmente

Faz pouco tempo que a Olympus colocou no mercado a sua primeira câmera dentro do sistema micro-quatro-terços. A Olympus EP-1 chegou justo na época para comemorar os 50 anos da série Pen. Talvez, essa pressa em colocar o equipamento no mercado tenha sido a culpada por alguns probleminhas apontados pelos usuários com a qualidade da imagem. As deficiências do pequeno equipamento, que mesmo assim foi muito bem nas vendas, foi mais evidenciado com o lançamento da Panasonic GF1, câmera de porte parecido com o da EP-1 e que apresentava acessórios e qualidade um pouco superior. Na época levantei que a Panasonic estava na terceira câmera dentro desse novo formato e que teve tempo de resolver vários dos problemas que sempre aparecem com as novas tecnologias. A Olympus está apenas no primeiro modelo.

Mas, isso acaba de mudar. Hoje, a Olympus anunciou oficialmente a sucessora de sua primeira câmera micro-quatro-terços. A Olympus EP-2 chega com algumas melhorias referentes estritamente a qualidade de imagem. Segundo a empresa, o novo processamento da imagem ganha muito em qualidade de cor e contraste da imagem ao usar o modo i-Enhance. Também podemos destacar a adição de dois novos filtros de arte (Diorama e Cross Process) e a presença de controles manuais para a gravação de vídeos. Internamente as novidades param por ai. O resto, incluindo o sensor e a resolução máxima, são as mesmas do modelo anterior. Segundo as primeiras impressões do Digital Camera Resource pouca coisa foi feita em relação ao autofocus que continua muito lento. Em alguns casos a câmera leva até 3 segundos para acertar o foco.

Outros pontos negativos, que muitos pensaram que seriam revistos nesse modelo, é a ausência de uma luz auxiliar para o autofocus noturno e a resistência da Olympus em colocar no corpo da câmera um flash. Externamente duas coisas chamam a atenção. Agora a câmera tem a cor preta, inclusive a principal frase da campanha publicitária do equipamento é “Back in  Black”. Outra novidade externa é a presença do visor eletrônico VF-2 que pode ser adquirido separadamente ou juntamente com a câmera em seu kit mais caro.

Eu achei isso tudo muito esquisito. A Olympus sempre foi uma empresa que apostou em inovação tecnologia e foi a primeira a apostar em várias perfumarias que hoje se fazem obrigatórias em todas as câmeras DSLR e compactas. Mas, eu creio que aqui eles estão se precipitando. Lançar uma substituta para a EP-1 em tão pouco tempo pode passar a impressão de que o primeiro modelo foi um erro. Isso mancha um pouco a confiança do consumidor que apostou na câmera na época do lançamento. Em segundo lugar, por que lançar uma nova câmera com tão pouco a oferecer? Os principais problemas que eram apontados na primeira versão nem foram levados em consideração pela empresa, deixando todo mundo sem saber direito o que aconteceu. Coisas que ninguém sabe explicar.

A câmera vai estar disponível em janeiro de 2010 e o kit com a Olympus EP-2, a lente Zuiko 14-42mm e o visor eletrônico VF-2 vai custar US$ 1.099,00.

olympus ep-2

Fonte: Dpreview

 

Autor: Gilson Lorenti

Geógrafo de formação e fotógrafo de coração, comecei a fotografar com 18 anos de idade (antes disso nunca tinha pegado uma câmera na mão). Depois de muito estudo veio a carreira profissional que passou por várias modalidades da fotografia até realmente descobrir o que gosto de fazer. Hoje me dedico ao ensino de fotografia, fotografia Fine Art e Books Fotográficos (gestante, moda, sensual). Tomando emprestado as famosas palavras de Ansel Adams "Quando as fotografias não forem mais suficientes, me contentarei com o silêncio".

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Walmart, Cupom de desconto Ricardo Eletro, Cupom de desconto Extra, Cupom de desconto Martins Fontes Paulista, Cupom de desconto Empório da Cerveja