E 2016 levou Vera Rubin, a Rainha das Galáxias

verarubin

Vera Rubin nunca soube seu lugar. Sem aceitar não como resposta, se tornou a primeira mulher a ter acesso aos instrumentos do observatório do Monte Palomar, em 1965, então o maior telescópio do mundo. Detalhe: até 1965 mulheres sequer podiam entrar no prédio.

Nascida em 1928, em vez de arrumar um marido e cuidar da família, como uma boa moça, ela foi estudar… astronomia. Por sorte o pai era engenheiro elétrico eletricista e a mãe trabalhou fazendo cálculos para a Bell Telephone Company, então ambos apoiaram a carreira científica da filha.

Não que tenha sido fácil. Ela completou seu bacharelado em astronomia, e tentou fazer o doutorado por Princeton, mas como mulheres só seriam admitidas no curso de astronomia por lá em 1975, foi ignorada. Seu plano B era Cornell, onde estudou astrofísica com Richard Feynman e mecânica quântica com Hans Bethe. Ok, ter aula com dois ganhadores do Nobel não deve ter sido tão ruim assim.

rubin

Tão acostumada com todo mundo dizendo o que ela não poderia fazer, Vera apenas ignorou a ordem geral de não desafiar o conhecimento estabelecido, e acabou descobrindo que suas observações de galáxias distantes não batiam exatamente com as previsões da Teoria do Big Bang e da Lei de Hubble.

Por algum motivo misterioso elas estavam se movendo mais rápido do que deveriam, como se estivessem girando em torno de um centro invisível. Também se aglomeravam em grupos, em vez de uma distribuição uniforme pelo cosmos.

A tese foi mal-recebida e abandonada por 20 anos, até que foi redescoberta, os dados reavaliados e a incômoda e inconveniente verdade apareceu: Vera Rubin estava certa, as galáxias se comportavam como se tivessem muito mais massa do que aparentam. Isso levou à redescoberta do conceito de Matéria Escura, proposto pelo astrônomo suíço Fritz Zwicky nos anos 30.

Vera comprovou com suas observações uma teoria fundamental da cosmologia moderna, que muda conceitos e teorias básicos da física e da astronomia.

Alpha Magnetic Spectrometer, instrumento de mais de 1 bilhão de dólares procura por evidências de Matéria Escura, essa entidade misteriosa que sabemos que existe, vemos seus efeitos mas não interage com matéria comum. Soa quase sobrenatural? Bem-vindo ao Maravilhoso Mundo da Alta Cosmologia.

ams

Vera Rubin tem 144 pesquisas publicadas, um asteróide batizado com seu nome e 4 filhos, David e Allan, PhDs em Geologia, Karl, PhD em Matemática e Judith, PhD em física de raios cósmicos. Sorry Tedson.

Ela sempre defendeu uma maior presença de mulheres na astronomia e na ciência em geral, e fez o máximo que alguém pode fazer para promover isso: mostrou que é possível vencer as dificuldades e se destacar no mais árido dos campos de estudo, independente de seu gênero.

Como boa cientista Vera aceitou a descoberta da Matéria Escura, mas nunca foi fã da idéia, não achava uma solução elegante. Só que mais que ninguém Vera Rubin sabe que o Universo não existe para ser elegante ou para atender nossos desejos, o Universo é o que fazemos dele, nada vem de mão-beijada.

beyond-darkness-08

Vera recebeu boa parte das honrarias de sua área, sendo inclusive a segunda mulher a ganhar a Medalha de Ouro da Sociedade Astronômica Real Caroline. Isso foi em 1996. A primeira foi Caroline Herschel, em 1828.

A Dra Rubin nos deixou hoje, dia 26/12/2016, aos 88 anos, mas seu trabalho permanece. E isso é o que importa, inclusive para ela:

Fama é passageira, meus números significam muito mais para mim do que meu nome. Se astrônomos ainda estiverem usando meus dados no futuro, essa será minha maior realização

Vera Rubin

Relacionados: , , , , , , , ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz e Calcinhas no Espaço.

Compartilhar
  • Silvio Luiz de Carvalho Filho

    Mas ela era lacradora???

    Era empoderada?

    Ser um nome super importante de toda uma área de estudo não é tão notável quanto escrever textão no facebook/tumblr

    • Carlos Vega

      E dai?? Tem cara que parece que só vive pra dar audiência pra feminazi de rede social! Custa aproveitar essa história interessante sem fazer drama?

      • Islan Oliveira

        Eu acho, só acho, que ele estava sendo irônico.

        • Pedron

          vai saber… talvez o carlos vega estivesse sendo irônico também hauhauh

          • Humnn… acho que não.

          • Pedron

            é acho que não… é que é tão surreal que o cara não tenha notado a ironia… que me faz duvidar

          • Ele deve ser novo aqui.

            Ou, talvez, tenha alguma outra explicação…
            http://meiobit.com/355581/estudo-stanford-aponta-que-a-maioria-dos-estudantes-nao-consegue-identificar-noticias-falsas/

        • Mesmo com ironia conseguiu escrever MERDA… Nem eu consigo tal feito…

          • Sophos Nsm

            Kkkkkkk

      • Heraldo Hermes

        E, talvez, quem há de saber, um tanto quanto sarcástico.

        • Eduardo Scharf

          Na verdade eu acho que teve um leve tom de sátira também, uns três oitavos mais ou menos…

          • Christiano Nascimento Amorim

            5/7, perfeito!

          • Julio Somazz

            gager detected

          • Christiano Nascimento Amorim

            nope. redditor

          • Julio Somazz

            Close enough, It’s something….

      • Zaaboo

        Olá! Você deve ser novo por aqui! Seja bem vindo!

      • rbsouto

        Seja bem-vindo! 🙂

    • mr_rune

      Lacradora ? A mulher era #vidaloka vintage rapaz !

    • Mirai Densetsu

      Era empoderada?

      Lamento te informar, mas o texto diz já no primeiro parágrafo que ela era sim empoderada.

      “Vera Rubin nunca soube seu lugar. Sem aceitar não como resposta, se tornou a primeira mulher a ter acesso aos instrumentos do observatório do Monte Palomar, em 1965, então o maior telescópio do mundo. Detalhe: até 1965 mulheres sequer podiam entrar no prédio.”

      • Silvio Luiz de Carvalho Filho

        Precisamos de um alarme de sarcasmo?

        • OverlordBR

          SEMPRE precisaremos de um…

        • Mirai Densetsu

          Se ele soubesse ser sarcástico, o aviso de sarcasmo não seria necessário.

          Até porque eu duvido que ele esteja defendendo o feminismo e muito menos aqueles “textões lacradores” do Tumblr.

          Aliás, eu nunca entendi porque vocês se incomodam tanto com esses textões. Se não gostam, não leiam. Simples assim.

          • Silvio Luiz de Carvalho Filho

            “Se ele soubesse ser sarcástico, o aviso de sarcasmo não seria necessário.”

            Se você soubesse interpretar texto e contexto eu não precisaria ser Ph.D em sarcasmo para você entender.

            “Aliás, eu nunca entendi porque vocês se incomodam tanto com esses textões. Se não gostam, não leiam. Simples assim.”

            Vale o mesmo para o meu comentário.

            Abraços!

          • Mirai Densetsu

            Se você soubesse interpretar texto e contexto eu não precisaria ser Ph.D em sarcasmo para você entender.

            Você não precisa ser Ph.D em sarcasmo para que todo mundo o entenda.

            Basta que você saiba redigir adequadamente a um texto. E redigir adequadamente um texto é esperado de qualquer pessoa que teve aulas de língua portuguesa na escola.

            Infelizmente, me parece que você não teve qualquer estudo sobre o uso adequado de figuras de linguagem. Tais como ironia e sarcasmo. E acabou fazendo uma péssima construção de um pensamento supostamente sarcástico, transmitindo exatamente o oposto do que você queria dizer.

            Mas você não quer admitir que errou no sarcasmo. Não quer admitir que escreve mal. Não quer admitir que precisa voltar a estudar. Afinal, é mais fácil e mais prático transferir toda a sua burrice e incompetência a um desconhecido na Internet.

            Mas nesse momento estou tentando imaginar como você seria se tivesse cérebro.

            Vale o mesmo para o meu comentário.

            O seu comentário me incomodou porque você ME criticou por não interpretar o que você queria escrever, mas sim o que você de fato escreveu.

            Mas quer dizer que feministas estão te criticando pessoalmente, colocando os textões exatamente no comentário que você fez? Se isso for verdade, imagino o naipe dos comentários que você faz. Acho que mascus, sanctos e outros grupos de ódio contra mulheres ficariam com inveja da repercussão deles para que feministas dediquem vários textões especificamente para você. Proeza conseguida somente por pessoas como o Feliciano ou o Bolsonaro.

            Ou será que é porque a carapuça serviu e você realmente odeia mulheres? Afinal, ser misógino significa exatamente isso: odiar mulheres. E é isso o que feministas estão sempre criticando em seus textões de Facebook ou de Tumblr: a misoginia, onde quer que esteja ou seja identificada.

          • Silvio Luiz de Carvalho Filho

            Estava convencendo até:

            “Ou será que é porque a carapuça serviu e você realmente odeia mulheres? Afinal, ser misógino significa exatamente isso: odiar mulheres. E é isso o que feministas estão sempre criticando em seus textões de Facebook ou de Tumblr: a misoginia, onde quer que esteja ou seja identificada.”

            Realmente, odeio todas as mulheres, tanto que sou filho de uma, casado com outra e pai de mais uma… incrível não? Ou será que eu as matarei horrivelmente quando revelar todo o meu ódio para a sociedade?

            Vai escrever textões que aparentemente você leva muito jeito para isso.

            P.s: O Meu primeiro comentário nem resposta à você era, e mesmo assim você veio todo mimimi.

            Abraços e passar bem.

          • Mirai Densetsu

            Definições de misoginia:
            http://michaelis.uol.com.br/busca?id=D91lP
            https://www.priberam.pt/dlpo/misoginia
            https://www.dicio.com.br/misoginia/
            https://dicionariodoaurelio.com/misoginia

            Não vejo qualquer menção a “desejo de matar todas as mulheres” nessas definições. Em todas elas fala sobre “aversão” ou “repulsa” a mulheres. E nem diz que sejam todas.

            Ou seja, tecnicamente, é perfeitamente possível que você ame sua mãe, sua esposa e sua filha e ainda assim seja misógino.

            Realmente, odeio todas as mulheres, tanto que sou filho de uma, casado com outra e pai de mais uma… incrível não? Ou será que eu as matarei horrivelmente quando revelar todo o meu ódio para a sociedade?

            Na real: você vai matá-las horrivelmente? Você tem esse desejo?

            Não, né?

            Se você não é misógino, então não tem por que se incomodar com aqueles textões. Eles não são para você, caro homem-exceção.

            A não ser, é claro, que você acredite que mulheres sejam inferiores aos homens, que elas não tem direito aos mesmos direitos que eles ou que você ache que certas mulheres merecem ser estupradas ou que o estupro em si seja um crime leve (pelo menos até sua mãe, sua esposa ou sua filha serem vítimas). Mas todos sabemos o quão lawful-good você é e seria incapaz de pregar tais coisas. Não é mesmo?

            Vai escrever textões que aparentemente você leva muito jeito para isso.

            Vou interpretar isso como elogio. =)

  • Germano

    Gostei do texto. Só isso a dizer.

  • Beautiful Cardoso, e será reconhecida sempre.
    Engraçado que na terceira foto o planeta aparece meio redondo…

  • Acabe logo ano, para podermos botar a culpa em 2017, porque tá foda.

    • 2015 foi “2000 e crise”, estamos em “2000 e crise: parte II, a merda acertou na água” e logo vamos para “2000 e crise: parte III, a água voltou na bunda”.

  • Renato Souza

    No fim, a frase dela é arrebatadora.

    • kenji

      É pra glorificar de pé!

  • Pablo Lukan

    massa

  • Rafael Carvalho

    Show de texto, parabéns.

  • Mais uma grande cientista… judia.

    • Rafael Rodrigues

      E isso significa o quê mesmo?

      • Paulo Teixeira

        Que ela foi judiada por ser mulher, tadinha!

      • Que é irônico aquele tipo de ateu agressivinho, que tenta combater religião taxando-a de algo fadado à pessoas burras, acéfalas, primitivas e ignorantes, e aí alguns dos maiores cientistas da humanidade eram religiosos.

        • Carl Segão

          Gato, o problema nunca foi a religião. Só o extremismo. E isso vale, inclusive, pra feministas, “gayzistas”, e toda uma gama de “istas”.

          • Mirai Densetsu

            Incluindo ciclistas?

          • Carl Segão

            Sim, esses são os piores!

          • Não adianta… ele tá tão afim de botar treta religiosa que mudou até o nome do fake…

            #saudadesPapelAluminio
            #saudadesDoNossoEmbrulhadorDePerus
            #NatalTristeSemNossoEmbrulhadorDePerus

          • Carl Segão

            Ainda bem que o Disqus tem a opção de block. 🙂

          • Cristão não termina com “ísta”, já ateísta sim, o que já dá uma ideia do que vc disse.

            Também sabemos qual dos dois grupos tem a maior quantidade de extremistas, que perdem a maior parte do tempo atacando os outros.

          • Carl Segão

            Espantalhou agora, hein? Coisa feia. Achei que desse pra argumentar com você sem falácias. Me enganei. Tchau.

          • Antes fosse uma falácia. O pior é que é verdade, e como uma imagem vale mais que mil palavras, tome aí mil imagens:

            https://www.facebook.com/pg/ATEA.ORG.BR/photos/?ref=page_internal

        • Julio da Gaita ✔

          Opa, não sei o que religião tem haver com descobertas cientificas, se estivéssemos todos seguindo a igreja a galera ainda tava aprendendo na escola que tudo gira em torno da terra e bla bla bla… Por favor amigo, não venha inserir contexto religioso na parada, e do líderes religiosos que conheço e são pessoas decentes a maioria é bem cético sobre várias coisas, como disse o Carl o extremismo “é o que mata”, agora se você quer acreditar no CTHULHU, em jesus em maomé ou em baphomet, tanto faz amigo, só aprenda a conviver em paz e guardar sua fé pra você, me deixe ir ao inferno numa boa caralho…rs

        • Estatistamente falando, é mais do que ÓBVIO que os maiores cientistas do mundo serão religiosos, ou terão uma origem religiosa. A própria evolução “fez questão” de incluir a religiosidade no seu mecanismo de seleção natural.

          Não é porque nego segue uma religião que é, necessariamente, estúpido. Porém, cabe frisar, também não faz de ninguém sábio e/ou inteligente, claro.

        • Mirai Densetsu

          Os cristãos que estão reclamando disso não fazem qualquer esforço para desmentirem o rótulo recebido dos ateus modinhas.

    • Desafiando Limites

      Sabe que a última foto lembra uma Menorah?

      • Pareidolia é algo fascinante, não?

    • Sim, judia, da religião que Lutero mandou matar todos, autor de “Sobre os Judeus e Suas Mentiras”

  • Rafael Rodrigues
  • Paulo Teixeira

    Contudo existe uma diferença entre ser cientista e aceitar uma hipótese meia boca para um comportamento anômalo só por ser popular. Nesse caso estou com a Sra. Rubin.

    • Julio da Gaita ✔

      opa somos ², essa teoria em questão parece meio “gambiarra científica” mas acho que é assim tbm, pq ainda não conseguimos estudar essa questão de maneira mais prolífica, acho que é por isso que gostaria de viver muito só pra ver nosso conhecimento sobre o universo aumentando…

      • Rafael

        Existe um estudo ( ainda bem controverso) que está revirando tudo que se sabe sobre matéria escura. São equações que se encaixam perfeitamente na prática, porém não há necessidade de incluir a tal matéria escura na conta.
        Eu como leigo no assunto só acho interessante, mas pode pesquisar sobre isso se gostar.

        • Julio da Gaita ✔

          opa, mais algo pra pesquisar aqui no trampo…rs

      • Sabe outra gambiarra científica? Gravidade. Até chegar Einstein, ninguém sabia o que era, muito menos Newton.

        • Julio da Gaita ✔

          verdade, e olha que de Newton a Einstein demorou um bocado, tomara que não demore tanto pra descobrir a “verdade” sobre a “matéria escura” to ficando velho carai…rs

  • Daniel

    Mas uma cientista da qual nunca ouvi falar, nem li a respeito e sinceramente, se não fosse por este post, seguiria sem saber, mais uma vez me deu curiosidade de fazer uma pesquisa breve no google, sobre ela na data de hoje, e o resultado foi exatamente o que eu esperava… Excelente post.

    • Rodrigo M

      Recomendo essa serie do blog ceticismo . net: http://ceticismo.net/ciencia-tecnologia/grandes-nomes-da-ciencia/

      • Daniel

        Vlw pela indicação vou ler =)

    • Gesonel o Mestre dos Disfarces

      Lembro de tê-la visto no novo Cosmos.

      • Daniel

        Cosmos é uma série que quero assistir faz tempo, mas a alguns anos que estava tudo bagunçado em casa (inclusive meu tempo) por conta da reforma, nem sala tinha, esse ano quero por varias series em dia.

        • Gesonel o Mestre dos Disfarces

          Vale muito a pena, bicho. deixa o Cosmos furar a fila de séries! 😀

    • Arnoud Arnoud Rodrigues

      Pois é, o Cardoso (parece) não gostar de feministas, mas sempre nos apresenta mulheres que não aceitaram as regras sociais de suas épocas e decidiram seguir em frente, chutando a porta do clube do Bolinha. Obrigado por mais uma Senhora cientista para conhecer e estudar!

      • DanielBastos

        Ninguém gosta de alguém realçando seu valor baseado apenas no gênero, cor ou outro aspecto irrelevante.
        Ela era uma grande cientista. Ser mulher é basicamente secundário relacionado ao seu mérito.
        Acho que a questão do gênero é mais pra destacar uma vitória pessoal e trajetória de vida.

      • Daniel

        O problema dele é só com feminazis penso eu.

  • Vinicius Zucareli

    Mais uma que provou que as mulheres não precisam de feministas pra serem maiores que seus contemporâneos.

    Mais uma gigante para podermos observar o mundo e o universo sobre seus ombros

    • Mas Vera Rubin era feminista, não confunda as mulheres que lutam por um mundo melhor e mais igualitário com essas histéricas lacradoras de textão.

  • Marcos Balzano

    Geologia?

    • Leonardo

      eh…. pense positivo, pelo menos não foi filosofia…

      • Julio da Gaita ✔

        Nietzche se revirou no tumulo agora…pense pelo lado positivo, podia ser PHD em História e ser PT’ista….rs

    • -_-

      Luiz Alvarez (Nobel de Física em 1968) também teve um filho geólogo. Esse filho é Walter Alvarez, conhecido por descobrir que um meteoro gigante provavelmente* foi o que extinguiu os dinossauros.

      * Walter descobriu a camada de iridium uniformemente espalhada em vários pontos do planeta e, com ajuda do pai, constatou que se tratava de material proveniente de um mesmo meteoro, tão grande que abriu uma cratera de 160km e espalhou resíduos do México até a Austrália (“A sexta extinção”, Elizabeth Kolbert)

      • Marcos Balzano

        Os Geólogos se tornaram personas importantes em alguns quando, ou se, a exploração espacial se tornar um negócio, hoje em dia, é uma ciência de nicho, tem sua importância e relevância no mundo, mas é muito esquecida, hoje é cool ser Filósofo, pense nisso.

  • Cássio Amaral

    Que frase, meus amigos, que frase. Estive lendo um resumo da biografia dela, sem dúvidas foi uma cientista brilhante e uma grande mulher. Obrigado Vera Rubin!

  • Rodolfo

    ❤❤❤

  • sergio

    Na verdade ela morreu dia 25, o filho dela é que anunciou a morte dela no dia 26.

    • Carl Segão

      Potatos, potatos.

  • “Sorry, Tedson”

    HAHAHAHA

  • bruno torrente

    Pior que não ter curtido a teoria da antimatéria ela pode ter acertado novamente, pois uma tal teoria da “Gravidade Emergente” esta colocando uma pulga na orelha de todo mundo, ao explicar sem gambiarras numéricas esses movimentos das galaxias, ou ate pode existir mas não seria a culpada.


    http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=teoria-gravidade-emergente&id=010130161118

    http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=teoria-gravidade-rival-einstein-mata-materia-escura&id=020130161223

    • Carl Segão

      Bruno, há controvérsias. Vou achar um texto interessante que li sobre esse assunto, e posto aqui pra galere.

      Achei e postei.

    • Carl Segão

      ACHEI!

      http://www.sciencealert.com/a-new-paper-claims-our-understanding-of-gravity-is-totally-wrong

      Verlinde has now put his paper up on the pre-print server arXiv . org so the physics community can pick over it and begin to test it out. But it’s important to note that it hasn’t been published in a peer-reviewed journal, so we need to take it with a big grain of salt.

      Achei esse também que vi em novembro:
      http://phys.org/news/2016-11-theory-gravity-dark.html

      Vídeo:
      http://bigthink.com/videos/gravity-doesnt-exist

      E o paper:
      https://arxiv.org/abs/1611.02269

      Em PDF:
      http://arxiv.org/pdf/1001.0785v1

  • OverlordBR

    E este ano de MERDA acaba de levar também uma PRINCESA DAS GALÁXIAS. 🙁

    Coincidentemente, eu deixei para assistir ROGUE ONE hoje e lembrei bastante dela…

    • Carl Segão

      E hoje levou a mãe dela.

  • Julio Verner

    Não fez filme não ta na mídia… Alienação comanda o Mundo.

  • Pingback: Vera Rubin (1928 - 2016) - Space Today TV Ep.550 - Deviante()

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis