Uma Barbie conectada à nuvem que bate papo com as crianças

barbie-001

É do imaginário das crianças conversar com seus brinquedos, sempre foi. A indústria já tentou fazer com que isso fosse uma via de mão dupla, com bonecos que falam mas que não eram muito espertos, possuindo apenas algumas frases pré-gravadas em seu repertório.

A Mattel vai tentar mudar isso com a Hello Barbie, a primeira boneca conectada na nuvem que ouve — e aprende com — a criança.

A dita boneca é resultado de uma parceria entre a Mattel e a ToyTalk, uma startup responsável por desenvolver softwares de reconhecimento de voz e conversação voltados às crianças. A empresa foi fundada por Oren Jacob e Martin Redd, que atuaram por mais de 20 anos como CTO e desenvolvedor da Pixar respectivamente. Eles lançaram alguns apps para crianças, onde o que mais se destaca é o The Winston Show, disponível para iPad e que oferece diversas brincadeiras interativas.

barbie-002

De volta à Barbie, a boneca se conectará à nuvem via Wi-Fi e ouvirá as questões das crianças, respondendo de acordo. Mais importante, as inúmeras questões ajudarão a construir um grande banco de dados na nuvem, que armazenará os gostos pessoais de cada criança. Em suma, a Hello Barbie vai aprender com o tempo as preferências de cada um e suas respostas ficarão mais acuradas com o tempo.

Por exemplo, à medida que vai aprendendo as particularidades de cada criança a Hello Barbie poderá dar sugestões sobre carreiras e outras coisas, embora haja a enorme possibilidade de acontecer algo parecido com a reação da Lisa com a Malibu Stacy falante:

Ora, conectada ou não ainda é a Barbie, e há um risco grande de suas falas serem muito superficiais, mesmo absorvendo o que a criança fala (UPDATE: me lembrei da polêmica envolvendo o livro da Barbie programadora. Espero mesmo que o brinquedo não vá por esse caminho e que a Mattel prefira o da Barbie astronauta, que teve consultoria da NASA — aliás, uma das muitas profissões fodas que ela teve durante as décadas, sendo que a primeira versão dessa boneca em particular é de 1964).

Uma forma da Mattel fazer isso dar certo é manter um banco de dados geral, de modo a gerar uma rede neural capaz de aprender e abordar assuntos completamente novos, dedicados a cada criança e relevantes, seguindo os questionamentos mais complexos dos pequenos.

A Mattel não definiu preços, só disse que a Hello Barbie estará disponível em breve. Dependendo de quando for lançada ela pode vir a se tornar um dos brinquedos mais procurados do Natal, isso se fizerem a coisa funcionar do jeito certo.

Fonte: TL.

Relacionados: , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar
  • Contagem regressiva para

    1) Illumninatis estarem adestrando nossas crianças
    2) Satã roubando as almas de nossas meninas, fazendo delas psicopatas
    3) Roubar a privacidade, cartões de créditos e levar seu filhos para as dorgas
    4) Pedófilos entrarem na rede e aliciarem as meninas
    5) Fazer nossas meninas rejeitarem sua condição feminina submissa, espalhando comunismo, lesbianismo e revolta contra Jesus
    6) O príncipe nigeriano dará muito dinheiro a todos
    7) O príncipe nigeriano é illuminati, controlará nossas crianças, fazendo-as criaturas lascivas, roubando a privacidade dos pais, bem como seus cartões de crédito, entregando-se a pedófilos e fazendo rituais satânicos no meio da sala e indo cantar MPB.

    • Jailson E.

      Cheguei tarde! Entrei só para falar isso.

    • Lucas Balaminut

      Imaginando algo do tipo Ghost in The Shell 2: Innocence, onde crianças chinesas são aprisionadas para servirem de mente interativa das bonecas. “Banco de dados”… sei.

    • DanielBastos

      Quero um número 6 com fritas por favor.

  • Sandro Ceara

    Pena que o Multishow não libere o vídeo, mas quem tiver acesso, procure por “Darbie a boneca super sincera”, programa Estranhamente.
    Foi a primeira coisa que lembrei.

  • David Matheus Santos Sousa

    É um conceito parecido com aquele dinossauro o Green Dino da IBM que é ligado ao Watson.

  • Felipe Ferreira

    A dominação dos brinquedos controlados pela Skynet se aproxima. Depois daquele Green Dino no Kickstarter, achei que o apocalipse seria zumbi, acho que me enganei haha.

  • Julio França 

    Só penso nos desdobramentos de falta de segurança e privacidade envolvendo nuvem + crianças, lembram das câmeras via rede de babás eletrônicas invadidas? Vai dar muita zica isso ainda…

    • tiago

      Enquanto não vierem com câmera ta de boa.
      Mas não tinha pensado nisso de fato é um brinquedo pedindo pra dar m#$da.

  • Lucas Balaminut

    E se a primeira rede a tomar conciência seja o banco de dados e processamentos da Barbie! Teríamos uma mega barbie-brain VIVA! Imaginando um Ghost in The Shell bizarro: em vez um tank de combate moderno, milhões de bonecas assassinas.

  • tiago

    Pelo jeito está combinado, dinossauro para os meninos e barbie para as meninas, e da pra inverter caso não seja o gosto da criança, de toda forma serão todos dominados. Só digo uma coisa, medo…

  • DanielBastos

    Eu acho que isso é pedir pra tomar processo.

    O primeiro pai um pouco mais paranoico e já era.

  • Pingback: NY Toy Fair 2015: o que (não) teve | My Barbie Doll()

  • Favaros

    Vivi para ver a skynet nascer, q orgulho *–*

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis