Home » Cultura » Rumor: carros da Tesla podem ganhar um serviço de streaming de música exclusivo

Rumor: carros da Tesla podem ganhar um serviço de streaming de música exclusivo

Rumores indicam que Elon Musk está negociando diretamente com gravadoras a fim de criar um serviço de streaming de música exclusivo, a ser embarcado apenas nos carros da Tesla Motors.

2 anos e meio atrás

Spotify, Deezer, Apple Music, Google Play Music… opções para streaming de música não faltam para o usuário e parceiros que desejem oferecer um deles em seus serviços e produtos. Montadoras têm fechado acordos com Apple e Google para incluir seus sistemas automotivos que entre outras coisas oferece acesso a suas plataformas musicais, mas a Tesla Motors andava bem silenciosa quanto a isso.

A verdade é que Elon Musk não é bobo, para ele é muito melhor oferecer uma solução orgânica totalmente integrada aos sistemas dos Teslas do que atochar um aplicativo de uma empresa externa no painel, algo que nem de longe seria a melhor opção para seu ecossistema blindado. Por isso não é uma grande surpresa a informação não confirmada de que ele estaria negociando diretamente com gravadoras para a criação de seu próprio serviço exclusivo.

De acordo com fontes próximas, as intenções iniciais de Musk seriam de oferecer um serviço de rádio online como o Pandora, exclusivamente atrelado aos veículos da Tesla Motors e tão somente; como todos os seus carros já possuem conexão à internet nativa e inclusive recebem upgrades constantes, incluir um serviço de streaming para os motoristas e passageiros não é nada tão alienígena assim. Por outro lado não seria interessante (ao menos por enquanto) concorrer diretamente com outros serviços oferecendo um app tradicional, principalmente com Spotify e Apple Music afirmarem contar com 50 milhões e 27 milhões de assinantes respectivamente em todo o mundo.

O curioso nessa história é que a Tesla já mantém um acordo com o Spotify para o fornecimento do serviço para veículos vendidos fora dos Estados Unidos; o movimento de Musk pode dizer respeito apenas ao mercado norte-americano ou ele mudou de ideia e pretende ele mesmo desenvolver uma solução nativa para seus clientes, o que pode ser a melhor estratégia.

Um porta-voz da Tesla não confirmou nem desmentiu, apenas disse que a companhia “deseja deixar seus consumidores felizes” ao oferecer a melhor experiência de música possível. Resta aguardar para ver o que Musk anda planejando para seus carros, ainda mais com o Model 3 virando a esquina.

Fonte: Recode.

relacionados


Comentários