Home » Demais assuntos » Apple TV com Siri? Jack Donaghy inventou primeiro!

Apple TV com Siri? Jack Donaghy inventou primeiro!

8 anos atrás

Nos últimos dias a indústria de boatos está funcionando em Dobra 9, tentando manter as manchetes cheias de notícias sobre a Apple, assunto preferido dos “analistas” (os mesmos que previram o fracasso do iPhone 4S).

A bola da vez, baseada em indícios na biografia de Steve Jobs é a entrada da Apple no ramo de televisores. É uma previsão complicada, em termos de mercado é péssimo. É uma área saturada, com lucro mínimo e convenhamos, mudar de televisão não é algo que a gente faça toda semana.

Pra piorar é 10 vezes mais cartelizada que a telefonia. A Apple dificilmente iria conseguir se diferenciar junto aos fornecedores de conteúdo por assinatura, e sem uma integração íntima, quase obscena entre conteúdo e interface, a TV da Apple seria tão bem-sucedida quando o AppleTV atual ou a (quaquaqua) GoogleTV.

O diferencial, segundo alguns seria a inclusão de Siri como interface, pondo fim ao controle remoto. Legal, mas será que uma interface dessas seria ágil o suficiente? Em Star Trek o computador sempre sabe quando estamos falando com ele, as portas sabem quando passamos na frente sem intenção de sair –então não se abrem- mas esse grau de percepção ainda é ficção.

Um bom exemplo de como Siri pode dar errado apareceu em 30 Rock, em um episódio onde Jack Donaghy  demonstra sua revolucionária TV com controle de voz.

Na cena começa tudo bem, “Televisão, ligar, canal, NBC”

Só que o diálogo na cena de Law & Order: SVU não ajuda. O detetive Tutuola solta “então esse cara foi APAGADO” – e a TV desliga. Logo depois o detetive Munch solta um “temos aqui um garoto MUDO” e a TV aciona o mute.

Prosseguem, com frases tipo:

“Meus amigos na DEA dizem que esse cara movimentava um ALTO VOLUME de cocaína…”

“Irei pra casa e pretendo APAGAR TUDO DO MEU DVR”

Claro, no final o sistema de reconhecimento de voz parece estar funcionando perfeitamente, pois Jack solta um “bosta” e o programa muda pro reality show da Kim Kardashian…

Piadas à parte, contexto é MUITO complicado, ainda mais quando temos várias pessoas na sala conversando. A SiriTV teria que entender quando o comando é uma ordem, quando é parte de uma conversa e mesmo quando é apenas um comentário SOBRE a Siri.

PENSAR em uma TV que reconheça comandos de voz não é mérito. O grande público foi apresentado a uma 22 anos atrás, nesta cena de De Volta para o Futuro 2:

bttf

Nela Marty McFly Jr chega na sala e comanda “Art off”, em seguida diz “OK, quero os canais 18, 24 63, 109, 87 e o Canal do Tempo”.

Nessa simples frase vemos boa parte do segredo da Siri: Linguagem Natural. A TV ignora o OK, entende o canal numérico E o nome por extenso. Você não tem que se adaptar à interface, ela se adapta a você. Óbvio, mas precisamos de 22 anos até aparecer algo próximo disso.

A Apple conseguirá evoluir a Siri o suficiente? Talvez, mas a questão fundamental é: Ela quer esse mercado? Eu adoraria uma TV como a do Marty Jr, mas as empresas fazem produtos para ganhar dinheiro, essa tecnologia de ponta talvez não compense o investimento, se o consumidor não estiver disposto a pagar um valor premium na hora de trocar de TV.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários