Home » Internet » Foursquare Em Português–Orkutizará?

Foursquare Em Português–Orkutizará?

9 anos atrás

Photo 04-09-11 20 39 15

A resposta é não.

A resposta também serve para a pergunta “já descobriu para quê serve o Foursquare?”. Não que outros não tenham achado outras respostas. Há pessoas que tratam o Foursquare como um jogo, a sério. Disputam Prefeituras, stalkeiam prefeitos no Twitter para aprender os hábitos e poder fazer check-ins incontestados… coisa de doido, esse pessoal precisa de um hobby. OK, pensando bem eles TEM um hobby.

Traduzindo sua aplicação o Foursquare amplia (em teoria) seu público potencial, mas a tradução foi feita meio nas coxas, como dá para ver na imagem ao lado. Há partes da aplicação que se quer funcionam. No about por exemplo há a entrada “Lovingly made in New York City”. Na versão em português isso virou “Magnificamente fabricado na Cida…” sendo que a opção não é clicável. Foursquare foi feito na Cida do BBB, pelo que dá pra deduzir.

“Prefeituras” também não estão traduzidas em todas as entradas, e Badge é Badge, não não distintivo,emblema, medalha, ou qualquer outro termo adaptado. Check-in também ficou check-in.

Photo 04-09-11 20 41 11O Portunglês continua, você tem “Mayorships de”, e na parte de badges se no original tempos “Carlos C.’s Foursquare Badges”, na versão traduzida virou “Badges De”, e mais nada.

Não há nenhum meio simples de mudar a configuração do Foursquare no iPhone. É preciso ir até a configuração geral do celular e alterar o idioma do aparelho inteiro, o que ocasiona um longo reboot e muita estranheza.

Não chega perto da Era Negra das Localizações, quando uma versão do Corel vinha com a ferramenta “Magnífico Copo”, e Buffer era traduzido como “varal”, mas para os dias de hoje a localização do Foursquare está inaceitavelmente porca.

Pelo menos eles são multiplataforma. Há Foursquare para Android, Symbian, Blackberry, Symbian de Pobre, WebOS (não ria), Windows Phone e até direto via web.

Mesmo assim, como dito no começo não creio que uma versão em português trará a Orkutização. Para ganhar pontos é preciso estar no local, ou ter QI acima de 35 para burlar o GPS. Isso dá trabalho, bem mais que juntar moedas verdes. Isso vai muito além de “adivinhe a cor da roupa de baixo da pessoa abaixo de você” ou outras monguices orkutianas.

O Foursquare tem sua parcela de ruído, claro. Gente que cria Check-ins em AVIÕES ou “minha cozinha”, mas duvido que vá atrair as massas. O Flickr sempre viveu sob a ameaça da Fotologuização, e nunca foi invadido, por ser limpo demais, o layout clean não agradou o povo acostumado com os flogões da vida. O Foursquare, por sua organização E falta de interação óbvia não será atraente. O idioma em si nunca foi problema para a chamada Orkutização,

Poderia até dizer que a versão em português do Foursquare  não fede nem cheira, mas fede, então é melhor ficar com a em inglês mesmo.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários