Home » Games » Indústria » GOG: DRM não diminui a pirataria

GOG: DRM não diminui a pirataria

9 anos atrás

dori_gog_07.03.11

Por mais que eu não concorde com a pirataria, também não defendo a indústria quando ela faz uso de DRMs estúpidos para tentar impedir que os jogadores utilizem cópias ilegais, simplesmente porque invariavelmente essas travas acabam prejudicando apenas aqueles que estão mantendo a indústria e pagaram pelo game. Infelizmente algumas produtoras ainda teimam em utilizar esse sistema e sempre que surge uma ideia brilhante como a da Ubisoft que nos impede de jogar caso a conexão caia, basta ver a reação das pessoas para entender que a prática não é bem aceita pela maioria.

Conhecida principalmente por ter resgatado a memória dos jogos para computador ao oferecer títulos antigos que foram adaptados para os sistemas mais modernos, o Good Old Games também conquistou muitos jogadores por não vender jogos com DRM e o motivo para tal decisão foi dado por Lukasz Kukawski, gerente de marketing do site.

Acreditamos que o DRM não é a melhor maneira de lutar contra a pirataria. Diria que nos casos mais drásticos o DRM força as pessoas a usar versões piratas dos jogos que são crackeados e você não precisa ter que lidar com limitações estúpidas como registros, números limitados de instalações, estar online para jogar e muitos outros inconvenientes… Tratar um consumidor legitimo como um potencial criminoso não o convencerá a comprar cópias originais dos jogos.

Na nossa opinião uma melhor maneira de fazer as pessoas gastarem em jogos o seu dinheiro duramente ganho ao invés de pirateá-los é valorizar o seu dinheiro, oferecendo bons jogos por valores razoáveis, eliminando os problemas de toda a experiência (sem DRM, dando compatibilidade para todos os Windows, não limitando a quantidade de downloads, oferecendo o mesmo preço para todo o mundo), adicionando extras exclusivos e gratuitos que não possam ser obtidos por torrents. Acreditamos que adicionar esses incentivos valem o trabalho e esforço aos invés de adicionar um DRM draconiano que só tornará mais difícil a vida dos consumidores legítimos.

Eu não posso dizer que já enfrentei algum problema com o DRM, mas mesmo assim reconheço que muitos deles são péssimos e por isso acho alguns serviços de distribuição digital foram ótimos para os consumidores por serem responsáveis por controlar se um jogo é original ou não e ao lado de algumas funções como as conquistas, foram os principais responsáveis por fazer com que muita gente abandonasse a pirataria e não o limite de quantas vezes poderei instalar um jogo ou a necessidade de estar conectado.

[via Adventure Classic Gaming]

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários