Home » Games » Análises » Sim, o OnLive funciona no Brasil!

Sim, o OnLive funciona no Brasil!

Após alguns testes, serviço de jogos pela nuvem mostrou-se razoavelmente bom até para os brasileiros.

9 anos atrás

Quando o Onlive foi anunciado virou motivo de chacota entre os jogadores. Poder jogar títulos topo de linha, sem a necessidade de instalação dos games e em computadores mais modesto era algo inconcebível, até que os norte-americanos tiveram acesso ao serviço, que mostrou-se surpreendentemente… funcional. No entanto, havia um grande problema para a maioria dos leitores do Meio Bit Games, ele depende muito da latência e como os servidores da empresa estão nos Estados Unidos, jogar daqui do Brasil seria praticamente impossível, mas agora posso lhes dizer que não é.

Depois de uma dica dada pelo meu amigo Bruno Julião, resolvi fazer o meu cadastro no OnLive e após o download do cliente, que não chega a 1MB e cadastrar meu login nele, já estava dentro do serviço. Dei uma fuçada no seu menu, me impressionei ao ver outras pessoas jogando em tempo real na seção Arena, mas o que me interessava realmente era ver como os jogos funcionariam, se é que funcionariam.

Para começar escolhi então o Braid, por ser um título mais simples, que não dependeria de muita velocidade e a impressão foi a melhor possível. A diferença entre estar jogando pelo OnLive ou no Xbox 360 é mínima e a impressão foi a melhor possível. Passei para o Saw, jogo baseado no filme Jogos Mortais e novamente funcionou tudo direitinho. Logo pensei que precisava dar uma forçada no negócio e o jogo escolhido foi o Virtua Tennis 2009 e por ser um game de esporte que exige velocidade, tinha certeza que começaria ali minha decepção, mas novamente meu queixo caiu. O jogo rodou lisinho, sem atrapalhar a experiência, mostrando-se e perfeitamente jogável, o que não posso dizer do próximo escolhido.

dori_onl_01.02.11-09 dori_onl_01.02.11

No game de corrida de rally Dirt 2 ficou difícil jogar. Fazer uma curva com tranquilidade era algo algo muito complicado e o grande motivo foi o temido lag. Era fácil perceber que as respostas do controle demoravam a ser registradas e para tirar minha dúvida se o problema do serviço estava com jogos mais rápidos, o que poderia inviabilizá-lo, escolhi para o teste seguinte um FPS, o Unreal Tournament 3. Depois de escolher uma partida rápida, fui jogado na arena contra outras pessoas e não senti o menor sinal de atraso e tudo correu perfeitamente.

dori_onl_01.02.11-2 dori_onl_01.02.11-3

É importante dizer que todos os jogos testados funcionaram tranquilamente com o controle do Xbox 360, sem a necessidade de configuração e é dado ao usuário a possibilidade de testá-los durante 30 minutos para decidir se valeria a pena fazer uma locação de 3 ou 5 dias, além de comprá-los definitivamente. É possível ainda assinar uma mensalidade, onde ao pagarmos US$ 9,99, temos acesso irrestrito a uma boa variedade de títulos. Também vale mencionar que durante a maior parte das vezes eu não consegui acessar os servidores, que retornava uma uma mensagem dizendo que a latñcia estava muito alto, mas quando consegui entrar, repito, os jogos rodaram, muito bem.

A opinião sobre o OnLive é que se você não possui um PC de ponta, vale muito a pena utilizá-lo para jogar. Aqui tenho uma conexão de 15MB e com exceção do Dirt 2, tudo correu perfeitamente, mas os jogos não ficam tão bonitos quanto aqueles instalados na minha máquina e rodando com tudo no máximo, já que a imagem parece um pouco granulada, mas levando-se em consideração a infraestrutura de nossas redes, a distância que estamos dos servidores e o fato de não precisarmos mais fazer upgrades no PC, acho que as vantagens poderão acabar superando os defeitos para muita gente.

relacionados


Comentários