Home » Demais assuntos » Uma renovada no seu jeito de ler notícias...

Uma renovada no seu jeito de ler notícias...

Conheça o Times, leitor de feeds para Mac OS X bastante estiloso e cheio de recursos.

9 anos atrás

Times_000.png

Era o que eu procurava de certa forma. Se você utiliza muito leitores de RSS e (como eu) tem centenas de fontes assinadas e bem agrupadas, sabe o quão valioso pode ser um bom leitor de feeds. Se o bicho puxar tudo isso do seu Safari, Mail, NetNewsWire ou simplesmente importar sua lista de canais via arquivos OPML então, ahhh, melhor ainda. Se você curte trabalhar rápido e minimalismo, pode ler sem dó...

No dia-a-dia, também sou mais um feliz e satisfeito usuário do NetNewsWire. Sincronismo organizado e ágil, comandos para linkar a fonte com o seu programa de blogging favorito e produção fluída. Para uso profissional, toneladas de canais, leitura que não acaba mais e nada de bugs ou cracks: passo a régua e é isso mesmo. Ponto.

Entetando... (antes que algum candidato a revisor comece a se coçar, é piadinha ok seu zé?)

Não custa nada dar uma moralzinha para projetos bacanas e bem desenhados e que ainda por cima dão uma nova e honesta roupagem para aquele padrão que muitas vezes pode cansar um pouco. Estou falando do Times para OS X, um ware que tenho utilizado há pouco mais de um mês e que tem me surpreendido muito positivamente.

Times_001.png

O Times é uma daquelas coisas que já esperávamos há um bom tempo, mas que ninguém queria fazer. Felizmente, o pessoal da Acrylicapps colocou a mão na massa e, diga-se de passagem, fizeram bonito. A Acrylicapps é a mesma house do bacaníssimo Times for iPad. Já na versão para OS X, a interface procura reproduzir a organização visual de seus canais de RSS com uma diagramação básica de jornal de papel. Há uma certa renovação da leitura online atualmente e esse aqui também já começou bem.

Times_002.png

O que mais tem me agradado é a agilidade com que se pode acessar uma determinada notícia (ah, tem thumbnail no preview e tudo...) e voltar para a "folha" principal. É só clicar Enter — ou Return, se o seu teclado for igual ao meu.

O efeito padrão é um virar de páginas, uma bossinha que felizmente não vem com aqueles sonzinhos fakes de papel e tal. Se você quiser pode optar pelo bom e velho efeito slide, uma alternativa visivelmente mais rápida e menos afrescalhada.

Não sei dizer ao certo se o Times vai castigar sua máquina se você for meio muquirana e tiver menos que, digamos, 2 GB de RAM (no caso eu o rodo diariamente em um PowerMac G5 com 4 GB de RAM), mas tenho a impressão de que a experiência pode ser meio maçante para os Macs mais idosos. De qualquer maneira vale a pena tentar, ô terceira idade.

Você pode importar seus OPMLs subindo o arquivo direto no Times ou então basta simplesmente arrastar o link do feed para uma barra no topo que concentra e agrupa todas as suas assinaturas. Você pode compartilhar com o Twitter, Facebook, Digg e Delicious da tela principal, ou então inserir novos botões personalizados para compartilhar sua leitura (uma função que nunca vi em nenhum outro).

Times_004.png

Experimentei inserir até códigos de boormarklets como os do ecto e do Blogo para chamar o programa e inserir a página lida no Times. Tudo funfou como o esperado.

Outra coisa bacaninha é a função Shelf (basta clicar a barra de espaço). Ao fazê-lo, um pequeno board de madeira escorrega oportunamente para a tela trazendo as notícias que você clipou como favoritas. Isso pode ser especialmente útil se você primeiro seleciona sobre o que vai escrever (ou ler, depois) para mais tarde trabalhar naquele texto, apurá-lo, etc.

Para saber mais sobre o cabra, clique aqui.

Times_005.png

A única pena é ainda não sincronizar direto com o Google Reader, o que imagino estar no forno para a versão 2.0. Mas isso não incomoda. Quanto a pagar US$ 30 pela arejada no modo como você lê e produz via RSS feeds, aí já é pessoal.

Mas ao menos a menção e a boa referência, são freewares.

Leia mais sobre: , , , , , , , .

relacionados


Comentários