Home » Miscelâneas » Futebol (literalmente) de mesa com partidas em realidade aumentada

Futebol (literalmente) de mesa com partidas em realidade aumentada

Tecnologia transforma jogos em vídeo em uma versão 3D que você assiste em AR, ou realidade aumentada. O sistema mapeia o campo e os jogadores, só fica faltando um detalhe... a bola!

1 ano e meio atrás

Pessoa vendo um jogo em realidade aumentada usando um Hololens.

Um novo projeto permite transformar vídeos de jogos em um jogo em 3D que você pode assistir em realidade aumentada. A reconstrução em tempo real do campo e dos jogadores é feita usando uma rede neural convolucional ou CNN (Convolutional Neural Network, não o canal). Sim, já existem tecnologias para digitalizar todo o jogo em 3D, mas este processo funciona com vídeos, sem a necessidade de câmeras nos locais dos jogos, ou seja, é muito mais barato.

Uma das maiores diferenças de assistir um jogo ao vivo no estádio é que na TV você não tem a noção de tudo que está acontecendo no campo, apenas os detalhes captados pelas câmeras. Assistir a um jogo no estádio é completamente diferente de ver em uma tela, por maior que ela seja, mas isso pode ser quase tão divertido. Rever os detalhes de um jogo em cima de uma mesa, com a liberdade para poder girar ao redor do campo, acompanhar as jogadas, é outra coisa. Ver os jogos da Copa do Mundo em VR pode ser ótimo, mas em AR com certeza é mais interessante.

Segundo a FastCo, a rede foi treinada com 12 mil imagens 2D de jogadores de uma versão do game FIFA e também com os dados em 3D correspondentes, para conseguir fazer uma correlação entre eles, e assim estimar o mapa de profundidade de cada jogador durante o jogo. O resultado é renderizado em 3D e pode ser visto em um aparelho com recursos de realidade aumentada.

No momento o Brasil está em campo pela Copa do Mundo, e eu adoraria poder assistir a esse jogo usando a tecnologia, mas infelizmente isso é impossível, pois no atual estágio de desenvolvimento a bola ainda não é reconhecida, só mesmo os jogadores e o campo. Ficou faltando literalmente a cereja do bolo, mas segundo o paper assinado por Konstantinos Rematas, Ira Kemelmacher-Shlizerman, Brian Curless e Steve Seitz, conseguir mapear a bola é a próxima missão.

Bom, eu sei que sou suspeito para falar pois adoro futebol, mas achei a ideia é promissora, e mesmo sem a bola, eu ia gostar de poder rever jogadas de gol do meu time e das campanhas da Seleção na Copa do Mundo em AR.

O projeto para ser apresentado na conferência CVPR (Computer Vision and Pattern Recognition) 2018 do IEEE, que aconteceu este mês em Salt Lake City, Utah.

Saiba mais sobre o projeto no site da Universidade de Washington, incluindo o paper.

Leia também aqui no MB:
Canarinho da Seleção Brasileira e passarinho do Twitter fecham parceria

Clique abaixo para ver o vídeo. https://www.youtube.com/watch?v=eRGAB4QBS6U

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários