Home » Games » Miscelâneas » Paradox lançará jogos de tabuleiro baseados nas suas franquias

Paradox lançará jogos de tabuleiro baseados nas suas franquias

Conhecida pelos os seus jogos de estratégia, a Paradox Interactive revelou que pelo menos das suas franquias serão transformadas em jogos de tabuleiro, a começar pelo Crusader Kings.

1 ano atrás

crusader-kings

Recentemente a Paradox Interactive realizou um evento em Estocolmo onde foi dito que algumas franquias da editora estavam indo para uma nova plataforma. A primeira coisa que passou pela cabeça de muita gente foi a possibilidade deles estarem visando os dispositivos mobile, mas agora sabemos se tratar de algo muito mais legal do que isso.

Após realizar uma pesquisa onde descobriram que cerca de 40% do seus consumidores costumam jogar jogos de tabuleiro, a editora decidiu adaptar quatro das suas marcas para essa mídia. Os escolhidos foram o Europa Universalis, Crusader Kings, Hearts of Iron e o Cities: Skylines, e para mostrar que eles estão levando a ideia a sério, já foi dado início a uma campanha de financiamento coletivo no Kickstarter.

Desenvolvido pelo pessoal da Free League Publishing, o primeiro jogo a ser produzido será o Crusader Kings, com o valor arrecado já tendo ultrapassado com grande folga a meta que havia sido estipulada por eles. Com isso, a expectativa é para que o jogo seja enviado aos apoiadores em novembro deste ano, com o valor mínimo para garantir uma unidade sendo de US$ 49.

Funcionando como um jogo de controle de territórios, haverá uma forte atenção aos personagens, com entre duas e cinco pessoas disputando partidas que durarão entre duas e quatro horas. É claro que esta versão não terá toda a complexidade do que vemos na sua contrapartida eletrônica, mas parece uma bela maneira de expandir a franquia para um público maior.

crusader-kings2

Quanto às outras adaptações, eles deverão ser produzidas e lançadas nos meses seguintes, com o Cities: Skylines sendo aquele que mais me interessou. Além de se tratar de um título que adoro, dos quatro este deverá ser o jogo de tabuleiro mais acessível ao grande público, com os participantes tendo que construir uma cidade em um mapa modular. O objetivo de cada jogador será agradar os seu contribuintes, com a complexidade aumentando com o tempo e cada partida durando cerca de uma hora.

O que desanima aqui é saber que esses jogos dificilmente serão lançados oficialmente no Brasil e mesmo que isso aconteça um dia, serão muito mais caros do que a maioria dos interessados estariam dispostos a pagar. O que poderia resolver isso seria a Paradox optar por lançar versões digitais desses jogos de tabuleiro, algo que por sinal eu adoraria que fosse mais comum.


Paradox Interactive → Introducing: Paradox Board Games!

Fonte: Game Informer.

relacionados


Comentários