Tornado × Fortnite, uma questão de prioridades

fortnite

Lembra quando a sua mãe te mandava largar o videogame e você pedia só mais uns minutinhos? Pois um moleque de Greensboro, Carolina do Norte conseguiu elevar o conceito de “só mais uma fase” a um novo patamar.

O artista da vez atende pelo nome Anton Williams, um adolescente que estava se divertindo numa partida de Fortnite Battle Royale quando um tornado com ventos de mais de 217 km/h atingiu a sua vizinhança. Com tanta força, o tornado começou a destruir tudo o que estava pelo caminho, mas nem isso foi capaz de assustar o moleque. Quer dizer, não num primeiro momento.

Eu estava sentado em casa jogando Fortnite e de repetente escutei muito barulho,” disse Anton. “Olhei pela janela e comecei a ver o telhado ser arrancado das casas na minha frente. Sentei de volta, porque só havia poucas pessoas sobrando no jogo e eu estava tentando terminar o jogo, mas quando a coisa começou a ficar pior e comecei a ver os postes de energia caírem, então falei para a minha irmã e para o meu sobrinho virem para o banheiro.

Felizmente tanto o garoto quanto os seus parentes saíram ilesos da tempestade e ao ser questionado sobre o que passava pela sua cabeça enquanto o tornado destruía o bairro, Anton confessou que na hora só pensava no jogo e torcia para que todos a sua volta ficassem bem.


WXII 12 News — Man says strong storms disrupted his video game

Olhando agora a história chega a ser engraçada, mas ela novamente coloca uma lupa sobre o quão viciante o Fortnite Battle Royale tem se mostrado. Recentemente o jogo até chegou a vira motivo de debate nas escolas norte-americanas, o que inclusive fez com que a desenvolvedora incluísse uma mensagem bem-humorada dizendo para a molecada não jogar quando estiverem na sala de aula.

É claro que o problema pode ser estendido para todos os jogos, livros, filmes, brincadeiras, esportes ou qualquer tipo de coisa que seja capaz de nos distrair a ponto de colocar a nossa saúde em risco, mas como o Fortnite Battle Royale é a bola da vez, é claro que a história de Anton Williams não poderia ter acontecido com outro game.

E enquanto isso, quem deve estar gostando de continuar sob os holofotes é o pessoal da Epic Games.

Fonte: Gamespot.

Relacionados: , , ,

Autor: Dori Prata

Pai em tempo integral do pequeno Nicolas, enquanto se divide escrevendo para o Meio Bit Games, Techtudo e Vida de Gamer, tenta encontrar um tempinho para aproveitar algumas das suas paixões, os filmes, os quadrinhos, o futebol e os videogames. Acredita que um dia conseguirá jogar todos os games da sua coleção.

Compartilhar