Rumor — Google pode lançar um Pixel intermediário, voltado para países em desenvolvimento

O Google pode finalmente voltar a lançar a linha Pixel em mais países, embora não da maneira que esperávamos: de acordo com fontes próximas a companhia estaria desenvolvendo um novo smartphone intermediário, de modo a garantir participação em países emergentes cuja linha não está presente, ou esteve no passado.

Oficialmente o Google está se preparando para expandir seus negócios na Índia, onde confirmou os planos de introduzir tanto os speakers inteligentes da linha Google Home (exceto o Home Max) quanto o caro Pixelbook, mas eles não seriam os únicos lançamentos no país; segundo fontes próximas a gigante estaria pronta a resolver um problema antigo que era o preço alto de seus smartphones Pixel em países com menor poder aquisitivo, especialmente o de consumidores em mercados emergentes como Índia, Brasil, Indonésia e outros. Assim, ao invés de oferecer seus tops de linha por valores mais atraentes, ela estaria desenvolvendo um modelo mais modesto em características e por causa disso, mais barato.

Tal decisão se alinha com a afirmação anterior do Google durante o evento de novembro em que introduziu a linha Pixel 2, quando declarou “estar empenhada” em trazer seus smartphones de volta ao mercado brasileiro ao abrir a versão nacional do site da Google Store. No entanto, nenhuma novidade foi acrescentada desde então e ele só exibe os Chromecasts de segunda geração, recomendando a compra em lojas parceiras e não efetua vendas diretas.

A introdução do Pixel intermediário na Índia serviria como um teste de mercado principalmente porque os modelos anteriores da linha já foram vendidos no país anteriormente, da mesma forma que aconteceu no Brasil; no entanto, ambos mercados teriam sido abandonados por conta das vendas consideradas inexpressivas e a forte concorrência de modelos na época potentes e acessíveis, como os smartphones da Motorola pré-Lenovo, que na época deram uma canseira até na Samsung.

Voltar a tais países com um smartphone mais modesto e barato, ainda que um Pixel trazendo algumas das funcionalidades dos modelos premium pode não ser a melhor opção, mas ainda é um movimento interessante para ao menos garantir um espaço e quem sabe, viabilizar a chegada dos modelos topo de linha a países em desenvolvimento: há a possibilidade da linha Pixel 3 também ser introduzida na Índia, e se isso acontecer as chances do Brasil também entrar na festa são grandes.

Claro, como sempre é bom manter o pezinho no chão com tais rumores e aguardar os próximos capítulos.

Fonte: Economic Times.

Relacionados: , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Profissional de TI auto-didata, blogueiro que acha que é jornalista e careca por opção. Autor do Meio Bit e Portal Deviante, podcaster/membro fundador/Mestre Ancião do SciCast e host/podcaster do Sala da Justiça.

Compartilhar