Home » Web 2.0 » Twitter pretende liberar o processo de verificação de contas para todos os usuários

Twitter pretende liberar o processo de verificação de contas para todos os usuários

O Twitter não quer mais que o selo azul seja visto como símbolo de status: rede social pretende reabrir processo de verificação de contas em breve, disponibilizando-o para todos os usuários.

2 anos atrás

O Twitter pretende mexer profundamente no processo de verificação de conta, um recurso que permite à rede social identificar as informações pessoais de alguns indivíduos e fornecer aos demais a certeza de que tal usuário é uma pessoa real; segundo a plataforma, o formato atual que se encontra desativado será revisto e posteriormente liberado para todo mundo.

através de uma transmissão realizada ontem pelo Periscope, o CEO Jack Dorsey informou que o Twitter pretende desenvolver um sistema em escala, que permita a todos os usuários terem seus dados verificados; isso seria algo que segundo ele "nós (do Twitter) não fiquemos no caminho e que as pessoas possam verificar mais informações sobre si mesmas, sem que atuemos como juízes ou tenhamos qualquer tipo de viés".

A ideia original do processo de verificação de contas e de restringi-lo para alguns usuários foi mal implementado e posteriormente mal utilizado. Originalmente ele foi criado para validar contas reais de celebridades, empresas, profissionais e indivíduos relevantes para a rede social, como forma de distingui-los das contas falsas. Para isso o processo para conseguir o tão desejado selinho azul era bastante restrito, consistia desde oferecer meios de provar sua identidade individual como fornecer vínculos com empresas, agências ou veículos de mídia para atestar a veracidade das informações.

Dessa forma, sempre houve um entendimento (que o Twitter rechaça) de que o selo é um endosso por parte da rede social, uma forma de atestar que o usuário em questão é um indivíduo incrível e que posta informações críveis, dando-lhe assim um status dentro da plataforma que não era para existir em primeiro lugar. De acordo com o Gerente de Produto do Twitter David Gasca, pesquisas realizadas com usuários retornam sempre a mesma resposta, o selo de verificação significa credibilidade, status e aprovação por parte da rede.

Assim, quando contas de supremacistas brancos começaram a receber o selo de verificação o Twitter foi acusado de apoiar tal discurso, o que vai de encontro a seus próprios Termos de Serviço e esforços para sanitizar a rede social. Assim, não só tais indivíduos perderam o selo como o sistema de verificação foi temporariamente tirado do ar.

Dorsey e Gasca não ofereceram detalhes sobre como o novo sistema vai funcionar (uma possibilidade é através da verificação de documentos) e nem quando ele entrará no ar, mas uma coisa é certa: o Twitter não mais pretende que o selo azul seja visto como um símbolo de status.

Fonte: Recode.

relacionados


Comentários