MWC 2018 — chinesa Doogee também investe em design sem bordas, além de soluções curiosas

Ao que tudo indica, a palavra de ordem da MWC 2018 foi borderless. Diversas fabricantes, das grandes às pequenas apresentaram smartphones com designs com o mínimo de bordas possível na parte frontal, permitindo a instalação de displays maiores ou dispositivos mais compactos. As formas que as companhias estão tentando implementar as mudanças não são necessariamente iguais umas às outras.

A chinesa Vivo, por exemplo apresentou um conceito em que a câmera selfie é escamoteável, tal qual um periscópio e demais sensores (leitor biométrico incluso) são acondicionados sob o display. A ASUS, por outro lado fez a Apple e implementou um notch na linha ZenFone 5, ainda que levemente menor. Já a Sony reduziu as bordas, mas não tanto e a Samsung manteve o design de 2017 na linha Galaxy S9, tal qual a LG com o novo V30S ThinQ.

Já a Doogee, outra companhia chinesa anda brincando com várias opções, pelo menos duas já implementadas pelos concorrentes. O Doogee V, seu novo dispositivo de ponta por exemplo também faz uso do notch tal qual o iPhone X e o ZenFone 5/5Z, e seguramente este será um elemento de design que muito provavelmente veremos em outros dispositivos Android ao longo de 2018.

Por dentro ele é equipado com um SoC Helio P40 da MediaTek, octa-core ARM com quatro núcleos Cortex-A73 de 2 GHz, quatro Cortex-A53 também de 2 GHz e GPU Mali-G72MP3, 6 GB de RAM, display AMOLED de 6,2 polegadas, proporção 18:9 e resolução de 2160 x 1080 pixels (390 ppi), 128 GB de armazenamento interno expansível via Micro-SD de até 256 GB, conjunto de câmeras principal duplo de 21 megapixels com Flash LED Dual-Tone, conjunto selfie também duplo de 16 MP com Flash LED, sensor biométrico sob o display, Dual-SIM com bandeja híbrida, Bluetooth 4.2, AD2P, BLE, NFC, A-GPS, GLONASS, porta USB Type-C, bateria de 4.200 mAh e Android 8.0 Oreo.

Ele deverá chegar às lojas chinesas em abril, com preços entre US$ 349 e US$ 399. De qualquer forma, ele não deverá ser comercializado fora do País do Meio.

A Doogee também está adotando um design similar ao de sua concorrente direta Vivo com o Doogee Mix 3, um smartphone também com câmera selfir retrátil e que libera a totalidade da área frontal para o display, um AMOLED de 6″ também de proporção 18:9 e resolução de 2160 x 1080 pixels (402 ppi) e com o sensor biométrico posicionado abaixo dele. Assim, as bordas frontais são mínima e o corpo do aparelho em si é bastante compacto.

De resto, o Mix 3 é posicionado como um aparelho de ponta ao ser equipado com um MediaTek Helio X30, um deca-core com dois núcleos de 2,6GHz, quatro de 2,2GHz quatro de 1,9GHz e GPU Mali-T880MP4, 8 GB de RAM, 128 GB de espaço interno expansível via Micro-SD, câmera principal de 16 MP com Flash LED Dual-Tone, câmera selfie de 13 MP, Dual-SIM com bandeja híbrida, Bluetooth 5.0, AD2P, BLE, NFC, A-GPS, GLONASS, BDS, porta USB Type-C, bateria de 4.000 mAh e Android 8.0 Oreo.

Ainda não há uma previsão de lançamento ou de preço, mas este deverá ser um pouco mais caro que o Doogee V.

Já o Doogee Mix 4 é o único com um design original para solucionar o problema das bordas finas, fazendo uso de um slide que esconde a câmera selfie de 13 MP tal qual fabricantes faziam com teclados físicos no passado. O conjunto traseiro é duplo, com duas de 16 MP e Flash LED Dual-Tone e o display é o mesmo presente no Mix 3, um AMOLED de 6″ também de proporção 18:9, resolução de 2160 x 1080 pixels (402 ppi) e com o sensor biométrico posicionado abaixo dele.

Sob o capô ele conta com um MediaTek Helio P70, octa-core ARM com quatro núcleos 4 Cortex-A73 de 2,5 GHz, quatro Cortex-A53 de 2 GHz e GPU Mali Mali G72MP, 6 GB de RAM, 128 GB de espaço interno expansível, Bluetooth 5.0, AD2P, BLE, NFC, A-GPS, GLONASS, BDS, porta USB Type-C, bateria de 4.000 mAh e Android 8.0 Oreo.

Novamente, informações sobre preço e disponibilidade não foram reveladas.

Paralelamente aos lançamentos, a Doogee apresentou um protótipo de display flexível na MWC 2018, que segundo a fabricante poderá no futuro ser empregada em dispositivos dobráveis da mesma forma que outros fabricantes andam estudando. No entanto, este ainda é um gimmick que deve demorar um pouquinho mais para chegar às lojas; diz a Samsung que o Galaxy X, seu primeiro smartphone do tipo deverá ser lançado ainda em 2018.

Fonte: TechCrunch.

Relacionados: , , , , , , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Profissional de TI auto-didata, blogueiro que acha que é jornalista e careca por opção. Autor do Meio Bit e Portal Deviante, podcaster/membro fundador/Mestre Ancião do SciCast e host/podcaster do Sala da Justiça.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples