Há esperança: sinais do submarino argentino captados e EUA entrou nas buscas

the-hunt-for-red-october-6

Desaparecido já tem alguns dias, continuam as buscas pelo San Juan, submarino argentino que parou de manter contato em uma viagem de Ushuaia para Buenos Aires. Ontem surgiu uma informação de que ele teria sido encontrado, mas a fonte foi um site que localizou o submarino a 70 km de profundidade, e todos sabemos que os Homens-Toupeira nunca libertam seus prisioneiros. 

Informação mais confiável apareceu hoje. Aparentemente com ajuda de “especialistas americanos de comunicação por satélites” os argentinos detectaram 10:32 hora local sete fragmentos de comunicação enviados pelo submarino.

Foram tentativas de fechar um link, nada chegou a ser enviado em termos de conteúdo, então não há como saber mais detalhes. Os americanos estão tentando identificar a localização do sinal.

Aqui cabe uma ressalva: o que MUITO provavelmente aconteceu é que com a notícia do acidente o Pentágono fez uma busca nos bancos dos vários satélites que monitoram comunicações civis e militares do mundo todo, e identificaram os sinais. Pra não ficar feio, virou “colaboração” e pra todos os efeitos os argentinos é que receberam os sinais.

Por falar em sinal, a bóia de emergência não ter sido acionada também é um bom sinal.

Outra boa notícia: também estamos ajudando. A Marinha Brasileira mandou para a região a fragata Rademaker, o navio de pesquisa polar Almirante Maximiano e esta belezinha aqui, o Navio de Salvamento de Submarinos Felinto Perry.

nss-felinto-perry-k11

Os EUA por sua vez mobilizaram o URC — Undersea Rescue Command, Comando de Resgate Submarino, a tropa de elite em operações de resgate, basicamente os Thunderbirds. Eles lotaram um Galaxy C-5 e TRÊS C-17 Globemaster III  de homens e equipamentos, e voaram para a Argentina.


U.S. Navy — URC Conducts Onload in Support of Argentina (1)


U.S. Navy — URC Conducts Onload in Support of Argentina (2)

Além do P-3 da NASA um P-8A Poseidon da Marinha Americana também se juntou às buscas. No começo da semana mais aviões com equipamento chegarão à Argentina.

Na primeira leva chegará a Câmara de Resgate de Submarinos, uma espécie de sino de mergulho capaz de se conectar a um submarino a até 600 m de profundidade e em ângulo máximo de 45 graus. Em mais alguns dias chegará o Módulo de Resgate Pressurizado, uma evolução dos mini-submarinos de resgate DSRV.

pressurized_rescue_module

Em tempos tão incertos, com tanto ódio e intolerância se espalhando pela internet, é esperançoso ver como países, alguns deles antigos inimigos se unem sem pensar duas vezes, em uma missão totalmente humanitária. Talvez, apenas talvez a Humanidade não seja tão ruim assim. E que o Doce Lorde Satã reserve um lugar especial pro pessoal no Facebook do Ministro da Defesa reclamando que o Brasil está gastando dinheiro mandando navios para procurar o San Juan.


Leia também:

Relacionados: , , ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz, Calcinhas no Espaço e Do Tempo Em Que A Pipa do Vovô Subia.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples