Smartphone da Razer será anunciado hoje; vazamentos revelam um monstro de bolso

razer-2

Há algum tempo circulam rumores de que a Razer, fabricante de artigos relacionados à cultura gamer estaria interessada em expandir horizontes e entrar no mercado de smartphones graças à recente aquisição da Nextbit Systems, uma fabricante de dispositivos móveis responsável pelo Robin, um gadget que funciona essencialmente na nuvem.

De lá para cá pipocaram informações a respeito do dispositivo, de uma a outra informação a fotos do suposto aparelho mas ainda não haviam dados concretos do que a Razer pretende com o gadget, mas conhecendo o histórico da empresa a certeza é que o tal “Razer Phone” seria um monstro, com especificações de ponta para agradar a Glorious PC Gamer Master Race que gosta de dispositivos e acessórios poderosos e caros (há controvérsias sobre a qualidade e durabilidade de alguns itens da Razer, mas divago).

No entanto a primeira a compartilhar no aberto o que virá a ser o dispositivo foi uma operadora do Reino Unido, que por acidente listou o Razer Phone entre seus produtos. O anúncio destacava algumas características como um display IGZO de 5,72 polegadas (provavelmente fornecido pela Sharp, que possui excelência na tecnologia embora o componente seja deveras caro), 8 GB de RAM, sistema de som Dolby Atmos com certificação THX, com dois alto-falantes frontais, conjunto duplo de câmeras principal sendo uma com 12 megapixels e lente Grande Angular e outra com 13 MP e zoom óptico e bateria de 4.000 mAh compatível com Quick Charge 4+, o que denunciava a presença de um SoC da Qualcomm bem poderoso.

razer-phone-001

O site GFXBench, especializado em benchmarks também conseguiu ter acesso ao Razer Phone e realizou seus testes, e além dos números interessantes temos a lista completa sobre o que o aparelho contém:

  • SoC Snapdragon 835 da Qualcomm, octa-core Kryo com quatro núcleos de 2,35 GHz, quatro de 1,9 GHz e GPU Adreno 540;
  • 8 GB de memória RAM;
  • 64 GB de armazenamento interno;
  • display IGZO de 5,7 polegadas com resolução Quad HD (515 ppi);
  • conjunto principal de câmeras duplo sendo uma Grande Angular com 12 megapixels e abertura f/1,75, e outra convencional com abertura f/2,6 e zoom óptico, Flash LED Dual-Tone, autofoco, HDR e capacidade de filmar em 4K a 30 fps;
  • câmera selfie com 7 MP (provavelmente 8 MP);
  • 4G/LTE com “4G Super Voice”, Bluetooth, GPS e NFC;
  • bateria de 4.000 mAh;
  • Android 7.1.1 Nougat com camada de customização Android Razer Edition, provavelmente uma personalização voltada para gamers.

Fica visível que a intenção da Razer não é bater de frente com outros grandes fabricantes de Android como Samsung, LG e Sony, mas oferecer um produto premium para a comunidade gamer que já seu consumidor fidelizado e não tem melindres em gastar muita grana em seus produtos. Logo não espere que esse Razer Phone seja barato.

A Razer pretende fazer o anúncio de um novo produto ainda hoje, 01/11/2017 às 18:00 e você poderá acompanhar o streaming através deste link. A empresa diz que o tal gadget é seu “maior lançamento” e pode até ser, mas se de fato for o Razer Phone com certeza será um dos mais caros.

Fonte: Android Police.

Relacionados: , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Profissional de TI auto-didata, blogueiro que acha que é jornalista e careca por opção. Autor do Meio Bit e Portal Deviante, podcaster/membro fundador/Mestre Ancião do SciCast e host/podcaster do Sala da Justiça.

Compartilhar