Reino Unido: atualização está transformando Smart TVs da Samsung em pesos de papel

Eu nunca vi muito sentido em Smart TVs. No começo a ideia era excelente, transformar televisores em hubs completos de entretenimento mas sendo realista o espectador é completamente passivo, ele não vai utilizar os apps embarcados mesmo os mais úteis como Netflix. Aí vemos empresas como Microsoft e Sony tirando o suporte.

O advento de set-top boxes como a Apple TV (e a evolução dos consoles de videogame para estações multimídia) e dongles como o Chromecast mudaram o jogo, quem quer conteúdo online compra um acessório e quem não quer se vira com a programação da TV. Mesmo conteúdo interativo das emissoras não é tão usado quanto pensaram que seria 10 anos atrás.

Só que os fabricantes ainda vendem Smart TVs como tecnologia “do futuro” e está cada vez mais difícil encontrar uma TV “burra”, o que nos leva a manter mais um dispositivo conectado porque “já que paguei”, melhor usar e aí começam os problemas: atualizações desastradas, remoção de conteúdo e serviços, coleta de dados sensíveis e por aí vai.

A Samsung é campeã de pataquadas nesse quesito. Ela já foi pega escutando mais do que devia (a LG também), forçando anúncios e agora cometeu mais uma gafe, ao menos no Reino Unido: diversos donos de TVs dos modelos UE50MU6100K, UE49MU7070 e MU6409 estão inundando os fóruns da fabricante porque a última atualização de firmware fornecida na semana passada está inutilizando os aparelhos. Alguns ficam em loop após serem ligados, outros não mudam de canal. Tais TVs basicamente se tornaram cabideiros na sala de estar.

Há casos de usuários que adquiriram seus aparelhos há duas semanas e poucos dias depois deram de cara com um hardware inutilizado; algumas custam bem caro, em torno de £1.400 (ou R$ 5.638,46 em valores de hoje, 25/08/2017) e o suporte da Samsung se resume a um “estamos cientes da questão e daremos um retorno”, mas uma semana depois nada de uma solução ser apresentada.

Diz a Samsung que menos de 200 aparelhos da série MU de 2017 vendidos no Reino Unido foram afetados (as reclamações no entanto já estão na casa dos milhares) e que a atualização do firmware, disponibilizada no último dia 17 foi tirada do ar assim que o problema foi constatado. A companhia informa que está trabalhando numa solução de forma individual, com cada cliente mas por enquanto não há previsão de quando (ou se) os consumidores afetados receberão um update de correção ou se terão direito ao ressarcimento total do valor investido no equipamento.

Fonte: The Guardian.

Relacionados: , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Profissional de TI auto-didata, blogueiro que acha que é jornalista e careca por opção. Autor do Meio Bit e Portal Deviante, podcaster/membro fundador/Mestre Ancião do SciCast e host/podcaster do Sala da Justiça.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples