Motorola lança Moto Z2 Force e linha Moto G5S no Brasil

Da esquerda para a direita: Moto G5S, Moto G5S Plus e Moto Z2 Force

Em evento realizado nesta quinta-feira (24) em São Paulo, a Lenovo/Motorola apresentou mais três novo smartphones para o mercado brasileiro: o Moto Z2 Force, seu atual top de linha e a linha Moto G5S, com dois dispositivos voltados para o consumidor mid-high.

Comecemos pelo top de linha Moto Z2 Force. Anunciado oficialmente em julho nos estados Unidos ele é o herdeiro dos antigos Moto Maxx e Moto X Force, embora o modelo da primeira geração (lançado em 2016) não tenha vindo para cá. Ele é equipado com o Snapdragon 835 da Qualcomm, SoC octa-core Kryo com quatro núcleos de 2,35 GHz, quatro de 1,9 GHz e GPU Adreno 540, 6 GB de RAM, 64 GB de espaço interno (expansível via Micro-SD até 2 TB), display AMOLED de 5,5 polegadas com resolução Quad HD (534 ppi) e tecnologia ShatterShield altamente resistente a impactos, conjunto principal de câmeras duplo de 12 megapixels com abertura f/2,0, Flash LED Dual-Tone, autofoco com detecção de fase, HDR e capacidade de filmar em 4K a 30 fps, câmera selfie com 5 MP, abertura f/2,2 e também Flash LED Dual-Tone, Bluetooth 4.2, BLE, NFC e A-GPS.

Completam o conjunto uma bateria de 2.730 mAh, conector USB-C (sem entrada P2, infelizmente) e Android 7.1.1 Nougat. E como todos os aparelhos da linha Moto Z ele é compatível com os Moto Snaps já disponíveis e mais duas novidades:

A primeira é o Moto GamePad, revelado originalmente no lançamento do Moto Z2 Play e que oferece controles físicos para quem gostaria de jogar no Android com controles digitais, analógicos e botões. Ele já funciona com uma série de games compatíveis com os padrões do sistema sem a necessidade de configurações extras,basta plugar e jogar.

A segunda é o Moto Snap 360 Camera,que como o nome sugere é um acessório que adiciona uma câmera 360º à família Moto Z. É possível gravar vídeos em todas as direções em qualidade 4K ou imagens simultâneas na frente e atrás do dispositivo comum grande ângulo de 150º, e o software do Moto Z2 Force permite edição fina do conteúdo capturado.

Tanto o Moto GamePad quanto o Mot Snap 360 Camera chegarão ao mercado no fim de setembro e não possuem preços definidos.

A seguir temos o lançamento global dos novos membros da família Moto G5, que cresceu um pouquinho. O Moto G5S chega com um Snapdragon 430, octa-core Cortex-A53 com clock de 1,4 GHz e GPU adreno 505, 2 GB de RAM, 32 GB de armazenamento interno (expansível até 128 GB via Micro-SD), display Full HD de 5,2″ com resolução Full HD (424 ppi), câmera principal de 16 MP com abertura f/2,0 e que filma em 1080p a 30 fps, câmera selfie com 5 MP, abertura f/2,0 e Flash LED, Dual-SIM, Bluetooth 4.2, BLE, A-GPS, GLONASS, bateria de 3.000 mAh e Android 7.1.1 Nougat.

Já o Moto G5S Plus possui algumas particularides a mais, como o SoC Snapdragon 625, octa-core Cortex-A53 com clock de 2,0 GHz e GPU adreno 506, display de 5,5″ com resolução Full HD (401 ppi), 3 GB de RAM, conjunto de câmeras duplo de 13 MP, uma colorida e uma monocromática com abertura f/2,0, Flash LED Dual-Tone, HDR e que filma em 4K a 30 fps (a Motorola apresentou uma série de recursos para aproveitar o conjunto duplo e a profundidade de campo oferecida), câmera selfie com 8 MP, abertura f/2,0 e Flash LED e NFC. De resto, tudo igual.

Vamos à parte que interessa: o Moto G5S chega às lojas custando R$ 1.099,00, o Moto G5S Plus R$ 1.499,00 e o Moto Z2 Force, R$ 2.999,00. Todos os três já estão disponíveis.

Relacionados: , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Profissional de TI auto-didata, blogueiro que acha que é jornalista e careca por opção. Autor do Meio Bit e Portal Deviante, podcaster/membro fundador/Mestre Ancião do SciCast e host/podcaster do Sala da Justiça.

Compartilhar