Home » Games » Miscelâneas » Será a Overwatch League um divisor de águas para os eSports?

Será a Overwatch League um divisor de águas para os eSports?

Apesar da Activision Blizzard desconversar, a especulação é de que a empresa esteja convencida a criar uma liga de Overwatch nos moldes do que temos na NBA ou na NFL. O problema seria a milionária taxa de inscrição para as equipes.

2 anos atrás

overwatch

Há muito tempo temos debatido a força que os eSports estão adquirindo, com diversos clubes de futebol investindo na contratação de cyber-atletas e nomes ligados a grandes times americanos adquirindo equipes inteiras dedicadas a esportes eletrônicos.

Embora tudo possa não ser mais do que uma bolha prestes a estourar, por enquanto parece que o céu é o limite para a modalidade e se as informações publicadas pela ESPN forem verdadeiras, a Activision Blizzard pode estar perto de dar início a uma verdadeira reviravolta neste cenário.

Os primeiro passos do suposto ambicioso plano da editora teriam sido dados lá no início do ano passado, quando eles compraram a Major League Gaming. Tal investido permitiu que a empresa adquirisse o conhecimento necessário e pouco depois foi revelado que o Overwatch ganharia uma liga específica.

O que diferenciaria esse torneio dos que estamos acostumados a ver por aí seria a intenção de contar apenas com equipe com sedes fixas, assim como temos na NFL, NBA ou MLB. O grande problema é que enquanto um equipe paga cerca de US$ 1,8 milhão para participar da League Championship Series do League of Legends, para garantir uma vaga na Overwatch League o valor pedido seria de pelo menos US$ 20 milhões, com o valor subindo caso a franquia ficasse numa grande cidade, como Nova York ou Los Angeles.


PlayOverwatch — Introducing the Overwatch League

Não bastasse uma taxa tão alta, os interessados ainda teriam que aceitar uma cláusula do contrato que diz que os lucros só começariam a ser recuperados a partir de 2021, sendo que isso só aconteceria no caso de diversos critérios serem cumpridos. A Blizzard por sua vez tem enviado um longo comunicado a diversos sites onde, apesar de um tanto vago, diz que não devemos acreditar em tudo o que lemos por aí e que essa taxa de US$ 20 milhões não é verdadeira.

No entanto, diante de um cenário tão adverso, quatro equipes tradicionais no cenário dos eSports já anunciaram que não contarão mais com times dedicados ao Overtwach, com a primeira delas tendo sido a Denial Esports. Depois eles foram seguidos pela Team SoloMid, pela Red Reserve e pela compLexity Gaming. Resta saber se outras farão o mesmo.

Então, para reforçar a história, o site Adweek afirmou que o CEO da Major League Gaming confirmou a intenção da organização em adotar uma estrutura mais próxima da que vemos nos esportes tradicionais norte-americanos, o que ajudaria a fortalecer as marcas e atrair mais público.

Mesmo parecendo uma mudança bastante arriscada, o jornalista Richard Lewis disse que pelo menos duas equipes da NFL já teriam garantido seus lugares na Overwatch League, com uma delas sendo o New England Patriots e a outra o Miami Dolphins. Porém, não se sabe ainda se eles manterão seus nomes ou apostarão numa marca nova.

Pode até ser que no futuro saibamos que os valores não eram tão alto quanto os especulados, mas tudo indica que a Activision Blizzard está mesmo interessada em apostar num modelo mais profissional para seus campeonatos. Minha curiosidade é saber como o público e os participantes reagirão a esta estrutura.

relacionados


Comentários