Facebook vai passar a filtrar páginas de spam e conteúdos sem qualidade

O Facebook vive mexendo no algoritmo de seu Feed de Notícias, de modo a sempre privilegiar conteúdos que a rede social considera mais relevantes para seus usuários e ao mesmo tempo para manter os produtores de conteúdo nas suas mãos. Uma das mais recentes foi mais uma vez privilegiar o conteúdo gerado por pessoas sobre páginas, o que é uma estratégia para forçar os donos das últimas a pagarem para potencializar suas postagens.

Só que muita gente compartilha links que levam a sites de baixa qualidade ou na pior das hipóteses, domínios cheios de links de spam, pop-ups e outras tranqueiras. E isso não mais será tolerado.

A nova modificação no algoritmo do Feed de Notícias é um desdobramento da empreitada do Facebook em combater notícias falsas, sendo que a rede social já cortou a monetização de páginas com tais conteúdos. O objetivo desta vez é privilegiar sites e páginas que tenham conteúdo decente e de qualidade, que não redirecione o usuário para domínios suspeitos e muito menos para aqueles que parecem uma penteadeira de dama que troca favores por dinheiro, cheio de links para sites externos mas é um clique e um pop-up, um clique e uma página suspeita e por aí vai.

De acordo com Greg Marra, Gerente de Produtos do Facebook uma das principais reclamações dos usuários é quando eles clicam em um link e são levados a sites de spam ou com nenhum conteúdo que preste, seja indicado por amigos ou por páginas. Para combater isso a rede social vai empregas inteligência artificial para identificar quais links levam para sites indesejados, e com isso feito tais postagens aparecerão para cada vez menos pessoas. De fato elas não serão deletadas, mas jogadas para baixo na lista de prioridades do Feed de Notícias e com isso, tais sites farão cada vez menos dinheiro com o Facebook. Isso vai se refletir positivamente para páginas e que publicam conteúdo de qualidade e não mandam o leitor para uma fria, que passarão a aparecer mais no Feed (mas ainda menos que postagens de amigos e familiares), enquanto aquelas marcadas na lista negra sumirão aos poucos.

A questão no entanto, tirando sites de spam é definir o que é “conteúdo de qualidade” para o Facebook. Muita gente pode considerar o Não Salvo ou outro site de piadinhas e memes relevantes, mas outros não; a rede social vai atuar como um filtro de qualidade e determinar quem pode e quem não pode fazer dinheiro em sua plataforma, o que pode ser perigoso para muitas páginas: quem vive de replicar conteúdo alheio vai dançar, mas como dizer para quem gosta de uma página humorística que aquele conteúdo não é considerado decente, mesmo que tenha uma audiência considerável?

De certa forma o Facebook caminha para tomar as rédeas do conteúdo compartilhado em seu Jardim Murado da mesma forma que o Google está fazendo com o YouTube, priorizando quem produz material para a família e cortando a grana de canais de games, comédia, besteirol e outros materiais devido a fuga dos anunciantes. Mark Zuckerberg não teve um problema semelhante com seus parceiros mas pelo visto, não quer correr o mesmo risco e tratou de filtrar o conteúdo desde já; com o tempo, dependendo dos critérios adotados pela rede social as páginas de menos qualidade podem simplesmente sumir, ou aceitar o fato de que deixarão de fazer dinheiro.

Segundo o Facebook as modificações entrarão em vigor nas próximas semanas, e aí saberemos quais páginas serão privilegiadas e quais relegadas ao limbo.

Fonte: Recode.

Relacionados: , , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Profissional de TI auto-didata, blogueiro que acha que é jornalista e careca por opção. Autor do Meio Bit e Portal Deviante, podcaster/membro fundador/Mestre Ancião do SciCast e host/podcaster do Sala da Justiça.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples