Home » Games » Miscelâneas » A influência do PaRappa the Rapper na série Guitar Hero

A influência do PaRappa the Rapper na série Guitar Hero

Apesar de citar títulos como o Dance Dance Revolution e Beatmanina, Alex Rigopulos revelou em entrevista que a grande influência para os jogos da Harmonix foi o clássico PaRappa the Rapper.

2 anos e meio atrás

Eu sempre gostei muito de conhecer detalhes sobre as produções de games e quem tem feito um bom trabalho em nos trazer essas histórias é o pessoal do IGN, com a série Unfiltered. No episódio mais novos eles conversaram com Alex Rigopulos, cofundador da Harmonix e um dos nomes mais importante quando se fala em jogos musicais.

Nele o sujeito fala sobre as influências que a série Guitar Hero recebeu e a surpresa foi saber a gratidão que ele tem por um título que alguns até consideravam como sendo voltado para o público mais novo.

Estávamos lutando há anos para fazer com que esse negócio de música interativa funcionasse, mas então algo aconteceu, que foram os jogos rítmicos aparecerem no Japão,” disse Rigopulos, citando títulos como Dance Dance Revolution e Beatmanina, mas afirmando que o "estalo" veio mesmo com o PaRappa the Rapper.

 

Fiquei apenas sorrindo de orelha a orelha enquanto jogava aquele game e acho que foi naquele ponto que percebi que os videogames eram como faríamos o que estávamos tentando fazer… onde você tinha essa estrutura de incentivo para engajamento a longo prazo e além disso, onde existia um modelo de negócios para pagar as contas.

Fazendo questão de dizer que a criação de Masaya Matsuura foi algo transformador para sua empresa, Rigopulos revelou então que foi a partir dali eles começaram a contratar desenvolvedores de jogos, dando origem primeiro ao Guitar Hero e depois ao Rock Band.

O interessante neste caso é notar que mesmo com os outros jogos citados pelo sujeito possuindo uma mecânica mais parecida com a que foi adota por suas criações, foi o jogo da NanaOn-Sha que ele creditou como tendo grande influência.

Talvez a minha opinião como um mero jogador não valha muito neste caso, mas mesmo nunca tendo gostado dos Beatmanias e DDRs da vida, sempre achei o PaRappa the Rapper sensacional, com suas animações muito bacanas e trilha sonora inesquecível. Isso me fez lembrar que recentemente o PlayStation 4 recebeu uma versão remasterizada daquele jogo, então preciso garantir uma copia para relembrar esse clássico.

Fonte: IGN.

relacionados


Comentários