Home » Games » Cultura Gamer » Diretor mostra empolgação com filme do Metal Gear Solid

Diretor mostra empolgação com filme do Metal Gear Solid

Jordan Vogt-Roberts diz que Metal Gear Solid é a franquia mais importante do planeta e que fará o possível para que a adaptação seja fiel à obra origem.

3 anos atrás

Entre os muito jogos que tiveram seus nomes ligados a adaptações para filmes, a série Metal Gear Solid provavelmente é uma das que os fãs mais gostariam de ver ganhar as telonas. Com um enredo cheio de detalhes e uma linguagem já bem próxima do cinema, a franquia tinha tudo para dar origem a ótimos filmes, mas para o bem ou para o mal, o projeto nunca saiu do papel.

A boa notícia para quem ainda tem alguma esperança na produção é que ela não foi descartada e ao conceder uma entrevista ao site Collider, o diretor Jordan Vogt-Roberts disse que para ele essa é a franquia mais importante do planeta, além de mostrar toda sua dedicação à criação do filme.

Essa é uma propriedade pela qual lutarei com unhas e dentes para me certificar de que está sendo feita corretamente, porque é muito fácil estragar tudo e é muito fácil para um estúdio tentar transformá-la num G.I. Joe, num Missão: Impossível ou tentar fazer dela algo que não é. O Metal Gear Solid precisa ser exatamente o que precisa ser, que é um Metal Gear Solid.

Ainda segundo Vogt-Roberts, que recentemente dirigiu Kong: A Ilha da Caveira, o que torna a franquia tão única é o fato dela ter sido escrita sempre pela mesma pessoa e em relação a Hideo Kojima, ele se referiu ao gamer designer como um gênio e que os encontros que teve com o japonês foi como a realização de um sonho.

Já em relação a censura que o filme poderá receber, o diretor chegou a dizer que mesmo sendo uma propriedade intelectual cheia de violência, a sua essência estaria na parte filosófica emanada pelos personagens, o que talvez faça com que a adaptação fuja da tão temida classificação para maiores de 17 anos. Porém, ele não descartou a hipótese de seguir o mesmo caminho de filmes como o Deadpool e Logan, o que significa produzir algo com menor orçamento, mas voltado para um público mais velho.

Contudo, mesmo com tanta dedicação em criar o filme mais fiel possível ao original, sabemos que muitas decisões tomadas em casos assim não dependem apenas do diretor, o que faz com que seja bastante comum nomes apontados inicialmente abandonarem os projetos.

O bom é saber que Jordan Vogt-Roberts parece saber do que está falando e se ele realmente vier a dirigir o filme do Metal Gear Solid e consegui resistir as imposições dos executivos, acredito existir uma chance, por menor que seja, de que saia algo bem interessante desse projeto.

relacionados


Comentários