Home » Games » Nintendo » Os bizarros minigames do 1-2 Switch

Os bizarros minigames do 1-2 Switch

Nintendo divulga trailers dos minigames que estarão presentes no 1-2 Switch e chama a atenção pelas ideias bizarras que seus game designers tiveram. Vergonha alheia define.

2 anos atrás

1-2-switch

Uma das maiores críticas ao Nintendo Switch é a o fato de que, ao contrário que aconteceu com seus antecessores, o console não será distribuído com um jogo. Isso no entanto não significa que o aparelho ficará sem uma coletânea de minigames, honra que caberá ao 1-2 Switch.

Ao todo o jogo trará 28 “modalidades” e para mostrar que os japoneses dominam a arte de serem esquisitos, a BigN divulgou 18 trailers mostrando um pouco desses joguinhos. Depois de os vermos em ação, o mínimo que podemos dizer sobre alguns deles é que são bastante bizarros.

Talvez o maior exemplo seja o Baby, jogo em que nossa tarefa será colocar um bebê para dormir e acredite, isso será feito embalando o Switch. Parece ridículo? Pois então veja o vídeo.


任天堂ホームページ • 【1-2-Switch】赤ちゃん

Mas não para por aí. O 1-2 Switch ainda tem uma competição para ver quem atende um telefone imaginário mais rápido, uma para saber quem arrombará primeiro um cofre, outra onde devemos tirar leite de vacas e até uma em que o objetivo será fingirmos estar nos barbeando. Destaque para as atuações:


任天堂ホームページ • 【1-2-Switch】電話番


任天堂ホームページ • 【1-2-Switch】金庫破り


任天堂ホームページ • 【1-2-Switch】ミルク


任天堂ホームページ • 【1-2-Switch】ひげそり

Brincadeiras a parte, sabe o que é o pior? Algo assim tem um enorme potencial para fazer um tremendo sucesso nas reuniões de amigos, por mais ridículos que possamos parecer ao participarmos por exemplo de um torneio para ver quem finge devorar mais de comida imaginária.


任天堂ホームページ • 【1-2-Switch】大食いコンテスト

Enfim, talvez a bizarrice do 1-2 Switch seja justamente aquilo que o tornará divertido, mas a partir do momento em que teremos que pagar US$ 50 por ele, torna-se difícil não pensar na compilação como uma brincadeira de extremo mau gosto.

Fonte: Videogamer.

Leia também:


Leia mais sobre: , , , .


relacionados


Comentários