Home » Ciência » Engenharia » Boeing apresenta o traje de vôo de sua futura nave espacial

Boeing apresenta o traje de vôo de sua futura nave espacial

Aos trancos e barrancos está acontecendo, o projeto da NASA de capacitar empresas privadas para colocar astronautas em órbita está andando. Agora foi a Boeing que apresentou ao mundo o traje espacial oficial da Starliner, sua futura nave.

2 anos atrás

Como eu conto em meu best seller Calcinhas no Espaço, nos primórdios a NASA não tinha a menor idéia de como fazer um traje espacial, acabaram sendo salvos por uma empresa com experiência na produção de lingerie, e no final a proposta deles era muito mais confortável, flexível, leve e prática que qualquer outra idéia vinda dos engenheiros espaciais.

Sim, até chegar no traje dos astronautas da Apollo muita coisa esquisita foi proposta.

Para complicar astronautas precisam de várias roupas, na ISS eles trabalham de bermuda, se precisam dar uma saída pra resolver um negócio, usam um traje completo da Atividade Extra-Veicular, mas na hora de voar para a estação e voltar para casa, o traje completo é grande e desajeitado demais, não cabe naquele ovo que é a Soyuz:

Os astronautas usam então um traje de vôo que não serve para caminhar no espaço mas mantém suporte de vida e oxigênio em caso de uma despressurização catastrófica. Cada modelo é projetado para funcionar com uma nave específica, e com o programa de investimento em empresas privadas da NASA não será diferente.

A SpaceX, a Sierra Nevada e a Boeing estão desenvolvendo seus próprios trajes espaciais, e a Boeing foi a primeira a apresentar seu modelo, que parece algo tirado de Thunderbirds:

Compare com o trambolho usado pelos astronautas do ônibus espacial:

O novo traje com todos os acessórios pesa 9 kg, 4,5 kg a menos que o usado no Ônibus Espacial. Ele permite evaporação de calor do corpo sem perda de ar para o exterior, monitora funções vitais e — mais vital ainda — vem com luvas preparadas para uso em telas sensíveis ao toque, já que a era de naves cheias de botões e alavancas é coisa do passado. Thanks, Jobs.

Isso não impede a NASA de pesquisar trajes próprios, tanto para as missões da Orion como para futuros pousos em Marte. Este por exemplo ficou muito legal, mas não tenho a menor idéia de onde se inspiraram, não senhor, nenhuma idéia.

Fonte: NASA.

relacionados


Comentários