Home » Mercado » Galaxy S8 não dará as caras na MWC 2017; lançamento pode ficar para abril

Galaxy S8 não dará as caras na MWC 2017; lançamento pode ficar para abril

Pela primeira vez em anos a Samsung irá postergar o lançamento de seu novo Galaxy S para depois da MWC 2017; controle de qualidade e inserção de inúmeras novidades seriam os motivos.

3 anos atrás

A Samsung não vai apresentar o Galaxy S8 durante a MWC 2017, interrompendo uma sequência de quatro anos. A decisão foi revelada pelo chefe da divisão mobile da companhia DJ Koh, enquanto finalmente vinha a público explicar o que causou a morte prematura do Galaxy Note7.

Comecemos pelo foblet explosivo, que foi a sensação de 2016 pelos motivos errados. Através de uma página dedicada a companhia da Pior Coreia divulgou o resultado de suas investigações internas, revelando sem muita surpresa que as baterias causavam as explosões dos dispositivos. No entanto o modelo original e o de reposição possuíam bugs distintos: o primeiro possuía uma bateria (produzida pela subsidiária Samsung SDI) muito grande para o slot em que seria comportada (outra forma de dizer que a folga interna foi reduzida), o que fazia com que seus eletrodos negativos ficassem dobrados. Não obstante uma falha de fabricação colocou as pontas dos mesmos em um local inadequado, o que causava contatos inesperados com o anodo (o que causava o curto).

Já a bateria presente nas unidades de reposição, as que deveriam substituir as originais que deram chabu apresentavam rebarbas de soldagem que furavam o componente e faziam o contato entre os eletrodos. Em alguns casos inclusive a fita isolante não estava presente, resultado de uma medida apressada ao encomendar baterias com um fornecedor terceirizado.

Em suma, a Samsung fez tudo errado com o Note7 e promete que isso não vai acontecer de novo. O que nos leva ao atraso do S8.

O Galaxy S7 permanecerá como flagship por mais um tempo.

Koh afirma que a Samsung passará a priorizar a qualidade, tendo melhorado os processos de fabricação e montagem e observando um novo protocolo de checagem da bateria em oito pontos, novos padrões de segurança e a instauração de um conselho, com um time de especialistas para ficar de olho no componente. Tudo isso para garantir que seus próximos produtos não voltarão a apresentar o mesmo problema e por conta disso, o lançamento do Galaxy S8 foi postergado.

Só que esse não é o único motivo. Fontes afirmam que o S8 trará diversas novidades e para garantir que tudo esteja funcionando de acordo no lançamento sem fazer KABUM!, a Samsung decidiu adiar o lançamento. Koh não deu datas mas especula-se que ele vá aparecer em abril, com o tradicional evento Unpacked sendo realizado em Nova Iorque.

Entre as novidades estariam a abolição dos botões físicos, Force Touch a lá iPhone, a adoção de fones de ouvido wireless (não se sabe se o conector P2 será eliminado, mas há fortes indícios de que sim) e a maior de todas, seu próprio assistente virtual. Ele inclusive já teria nome: Bixby.

Não este, definitivamente.

O Bixby, que seria um forte concorrente da Samsung à Siri, Cortana e Alexa é resultado da aquisição da Viv Labs, uma plataforma de inteligência artifical. O auxiliar seria a grande força por trás do S8, contando com recursos como utilizar a câmera para busca visual e outras perfumarias. Resta saber se ele terá bala na agulha para enfrentar seus principais adversários.

De qualquer forma, a ausência de um novo Galaxy S na MWC 2017 abre caminho para a LG, que não terá que dividir a atenção quando apresentar o G6; este por sua vez será o primeiro Android não-Pixel a contar com o Google Assistant, a secretária impessoal de Mountain View. Aguardemos os próximos capítulos.

Fonte: Reuters.

relacionados


Comentários