Nokia vai a princípio focar no mercado de smartphones intermediários

nokia-d1c

A Nokia está preparando o terreno para retornar ao mercado de smartphones em 2017, já na próxima MWC. Após várias idas e vindas a marca hoje é controlada pela HMD Global OY, uma empresa finlandesa composta por egressos da antiga gigante mobile, que fora comprada e desmantelada pela Microsoft.

O que sabemos é que serão todos dispositivos Android, e ao que tudo indica num primeiro momento teremos só aparelhos intermediários.

A Nokia não está preocupada num primeiro momento a lucrar horrores, e sim a fazer novamente o seu nome e se estabelecer no mercado como uma fabricante de dispositivos confiáveis e duradouros, como ela sempre foi. Focar inicialmente em aparelhos baratos é uma jogada esperta porque vai atrair aqueles que sempre confiaram na empresa finlandesa, mas não desejam gastar muito com outro Android. A linha Nokia X foi uma aberração, originalmente um plano B ao acordo com a Microsoft que por algum motivo escuso fora lançada por Redmond como quem diz “viu só como Android não funciona?” Eles não eram bonitos, possuíam acabamento barato e a experiência não era das melhores.

Agora não há mais o dedo da Microsoft e a HMD vai poder fazer Androids de verdade. O D1C, que anda circulando pela mídia há algum tempo é até onde se sabe um dispositivo intermediário com um belo acabamento e características razoáveis: SoC Qualcomm Snapdragon 430, octa-core com clock de 1,4 GHz e GPU Adreno 505, 16 GB de espaço interno e câmera frontal de 8 megapixels, rodando Android 7.0 Nougat. Ele virá em duas versões, uma mais baratinha com display Full HD de 5 polegadas (441 ppi), 2 GB de RAM e câmera principal de 13 MP, enquanto a mais avançada virá com display também Full HD de 5,5″ (401 ppi), 3 GB de RAM e câmera de 16 MP.

Agora os preços vazaram: acredita-se que a versão de 5″ chegará às lojas custando US$ 150 e a de 5,5″; US$ 200. Nada mau, ainda mais se a conversão de preços for amistosa estilo ASUS quando eles chegarem ao Brasil (se o fizerem).

A Nokia vai se focar exclusivamente no mercado intermediário? É cedo para dizer, mas se ela deseja fazer um nome e conquistar o consumidor com a ideia de um segundo smartphone Android barato e confiável, essa é uma estratégia bem esperta. Quando a HMD tiver lastro o suficiente e já contar com consumidores fiéis (o que não é difícil) nada impede que vejamos um dispositivo premium no mercado, combinando o Android com a expertise da Nokia. Eu adoraria ver isso acontecer.

Fonte: Nokia Power User.

Relacionados: , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Profissional de TI auto-didata, blogueiro que acha que é jornalista e careca por opção. Autor do Meio Bit e Portal Deviante, podcaster/membro fundador/Mestre Ancião do SciCast e host/podcaster do Sala da Justiça.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples