Home » Games » Miscelâneas » DLC do Fallout 4 faz homenagem a fã falecido

DLC do Fallout 4 faz homenagem a fã falecido

Após irmão contar sua triste história no Reddit, Bethesda resolve incluir na DLC Nuka World um personagem em homenagem a rapaz de 24 anos que morreu recentemente.

3 anos atrás

fallout-4

Se você estiver jogando o DLC Nuka World para o Fallout 4, saiba que existe uma boa chance de que em algum ponto encontre um personagem chamado Evan e embora ele provavelmente não chame muito a sua atenção, para um usuário do Reddit o NPC teve um significado imenso.

Tudo começou há cerca de dois meses, quando um sujeito conhecido como NoohjXLVII começou a contar por lá como o jogo da Bethesda estava o ajudando a passar por um momento muito complicado, que foi a morte do seu pai no ano passado. Segundo Noohj, o mundo a ser explorado no Fallout 4 passou a ser uma ótima uma maneira de evitar o sofrimento gerado pela  perda e graças a expansão Automatron, ele até pôde criar um robô baseado no seu pai.

Porém, quando parecia que as coisas não poderiam piorar, seu irmão de 24 anos acabou falecendo devido a complicações causadas pelo diabetes. De repente, aquela pessoa com quem ele dividia suas experiências no jogo, com quem ficava imaginando como seria andar pelas terras devastadas por explosões atômicas, não estava mais ali.

O que Noohj não sabia era que alguém da desenvolvedora estava pensando em fazer aproveitar o Fallout 4 para lhe prestar uma homenagem e a surpresa veio na forma do personagem citado no início do texto, que possui o mesmo nome do irmão do autor das postagem e que presenteará quem o encontrar com uma receita de Nuka-Love, um item bastante raro e que de acordo com ele, representa muito bem a generosidade do rapaz que faleceu aos 24 anos.

Dessa forma a Bethesda conseguiu imortalizar Evan, fazendo um pequeno agrado a uma pessoa que provavelmente viu o seu mundo virar de cabeça para baixo e que conseguiu encontrar nos games uma válvula de escape que muitas vezes é ignorada ou até menosprezada por quem não gosta da mídia.

Possivelmente algumas pessoas não se sensibilizarão com a homenagem, preferindo dizer que tudo não passa de uma jogada de marketing barata por parte do estúdio ou até duvidando da veracidade do caso. Contudo, mesmo que seja dessa maneira, sempre defenderei a capacidade dos jogos eletrônicos de serem muito mais do que apenas um passatempo, pois acredito que para cada mentira contada nessa indústria, existem centenas, talvez milhares de jogadores que realmente podem encontrar conforto em algo que para muitos não passa de brinquedinhos.

Fonte: Gamespot.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários