CORRÃO! Update gratuito para o Windows 10 se encerra hoje

windows-10

Mais um ano se passou… bom, cantorias à parte o Windows 10 completa hoje seu primeiro aniversário, estando presente em mais de 350 milhões de dispositivos. Não é pouca coisa (apesar da Microsoft reconhecer que não conseguirá atingir a meta de um bilhão de devices até 2018), se trata da maior taxa de adoção de um sistema operacional Windows da história, e evidente que seu sucesso se deve em muito à possibilidade de atualização gratuita para donos das versões 7, 8 e 8.1.

Só que essa mamata acaba hoje. Quem não fizer o update nas próximas horas terá que abrir a carteira quando resolver fazê-lo, e os valores… bem, não são modestos.

Há diversas formas de fazer com que seu sistema operacional seja atualizado para a versão mais recente do Windows. Uma delas (e que é fonte de inúmeras dores de cabeça para aMicrosoft) é através do Windows Update, que foi inclusive pivô de um processo que custou uma boa grana à empresa, por forçar o update contra a vontade do usuário frequentemente. De lá para cá Redmond andou relaxando sua estratégia de enfiar o Windows 10 goela abaixo de seus consumidores, mas mesmo isso não evitou que ela fosse novamente processada, desta vez por um tribunal de Haifa, Israel. Ao mesmo tempo outro na Flórida acusa a Microsoft de violar as leis de ads não solicitados.

Outro método é conseguir uma mídia de instalação, que anda em desuso devido o declínio dos DVDs. Claro que é possível gravar uma imagem em um pendrive, mas a ferramenta oficial da Microsoft permite fazer isso e ao mesmo tempo oferece a opção de atualizar automaticamente o Windows, que muitos elegeram como o procedimento mais prático.

Enfim. Independente do método que você escolher, o update permanecerá gratuito apenas até hoje. A partir de amanhã os preços praticados serão exatamente os mesmos das versões completas, sem choro nem vela:

  • atualização Windows 10 Home: R$ 469,99;
  • atualização Windows 10 Pro: R$ 809,99;
  • migração do Home para o Pro: R$ 389,99.

Assim, se você possui o Windows 8.1 Home e deseja o 10 Pro, você terá que pagar o preço do update da versão equivalente ao seu sistema E um adicional pelo pacote de migração, totalizando R$ 859,98. Como deu para notar os preços em geral sofreram um reajuste violento em um ano, culpa da disparada do dólar.

Portanto, se você não possui um ambiente crítico que dependa de compatibilidade legada é bom atualizar para o Windows 10 de uma vez para não perder a gratuidade. Já os demais terão que aceitar um gasto adicional quando o sistema da Microsoft não oferecer mais riscos a ambientes corporativos ou outros casos em que o 7, o 8 ou o 8.1 ainda são preferidos.

Relacionados: , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Profissional de TI auto-didata, blogueiro que acha que é jornalista e careca por opção. Autor do Meio Bit e Portal Deviante, podcaster/membro fundador/Mestre Ancião do SciCast e host/podcaster do Sala da Justiça.

Compartilhar