Home » Engenharia » Sueco constrói suicidocóptero

Sueco constrói suicidocóptero

Um sueco meio maluco resolveu criar uma cadeira voadora, mas sem balões. Pior, conseguiu. É uma geringonça que parece e é um octocóptero, e digamos assim não é a coisa mais segura do mundo, mas voa.

3 anos e meio atrás

flychair

Existe uma idéia de que acabou a época do inventor solitário, a Ciência se tornou complexa demais para um Rick Sanchez ou um Woz construir coisas na garagem. O YouTube não colabora, a maioria dos vídeos é de malucos com projetos de antigravidade e motos-perpétuos, mas essa idéia, essa percepção é errada. 

Há uma imensa quantidade de homens magníficos e suas máquinas voadoras vicejando em garagens no mundo todo. EUA, Brasil, África, em todo canto há gente construindo máquinas que não deveriam ser capazes de construir. Muitos falham mas alguns têm sucesso.

Um desses é um maluco sueco que resolveu ignorar todas as regras do bom-senso. Ele resolveu construir uma cadeira voadora,  usando uma estrutura de octocóptero. Hoje temos giroscópios e módulos de auxílio e navegação que se compra na Deal Extreme, estabilizar algo como a cadeira dele alguns anos atrás seria impossível, hoje é trivial.

Os motores são a gasolina, bem mais leve do que as baterias que precisaria se fossem elétricos. O projeto foi todo documentado em uma série de (até agora) 12 vídeos, no canal do sujeito.


amazingdiyprojects — Manned multicopter part 10, FINALLY UP & FLYING!

Note que ele não liga para detalhes como testar o veículo com cabos de segurança antes do vôo solo, e as hélices estão totalmente expostas. Pra piorar ele faz tudo sozinho, se sofrer um acidente vai definhar até a morte. O vídeo todo é um pesadelo pra profissionais de segurança e saúde, mas pro resto de nós…

É MUITO LEGAL! Esse negócio com poucas melhorias já tem um monte de utilidades, imagine uma maca para ser usada em lugares de difícil acesso, transporte de medicamentos em zonas de inundação… as possibilidades são infinitas.

Fonte: Popular Science.

Leia mais sobre: .

relacionados


Comentários